Se você usa dois ou mais produtos do Google é bastante provável que já teve que aceitar a ao menos uma dupla de políticas de privacidade. Eles são documentos legais que dizem o quais dados o Google coleta e usa para apresentar anúncios aos usuários, por exemplo. E por serem documentos legais, muitos deles são extensos e cheios de jargões técnicos. Hoje o Google determinou uma data para a atualização de tais políticas de modo deixá-las mais simplificadas e fáceis de entender.

A primeira grande mudança é a exclusão de 12 textos repetidas. Segundo o Google, não faz sentido ter políticas de privacidade diferentes e específicas para uma característica comum em vários produtos, como a agenda de contatos que é usada no Gmail, Calendar, Docs e Google Talk. Por isso a exclusão.

Além das modificações nos documentos, o Google também criou uma página com ferramentas de privacidade que unifica diversas maneiras de impedir que certos dados seus usados nos serviços da emrpesa fiquem disponíveis publicamente. São links para desativar, por exemplo, a listagem de vídeos no YouTube ou ativar o modo icognito do Chrome.

As mudanças na política de privacidade começarão a aparecer a partir do dia 3 de outubro nos diversos produtos do Google. Esse intervalo deve servir para dar tempo de traduzir o texto para as diversas línguas dos países que a empresa atua bem como para a averiguação da legalidade das alterações. Mas para quem quiser dar uma lida rápida em como ela vai ficar, o Google disponibilizou uma prévia do novo texto (em inglês) nessa página.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Hernani
Google facilitando nossa vida
Bruno Gall
Falando nisso tenho que editar o do meu blog
kylefurtado
Ela já fez isso com algum programa, se não me engano com o GoogleToolbar onde dizia "Leia isso, não é o 'blábláblá' de sempre". Ela sempre gostou de facilitar o entendimentos de seus produtos e políticas para o usuário leigo/comum que mais utiliza seus produtos.
@cadernotecno
A Google fez certo. É muito ruim ler aqueles textos grandes explicando.