Início » Internet » Caixa Tem fica fora do ar devido a falha na nuvem da IBM

Caixa Tem fica fora do ar devido a falha na nuvem da IBM

Servidores do Amazon Web Services (AWS) e IBM Cloud ficaram fora do ar em São Paulo; Caixa, Nubank e Inter tiveram instabilidade

Felipe VenturaPor

Ocorreu uma infeliz coincidência nesta segunda-feira (7) em serviços de nuvem no Brasil: tanto o Amazon Web Services (AWS) como o IBM Cloud tiveram falhas em seus respectivos servidores localizados em São Paulo. Isso afetou o Caixa Tem e pode explicar a instabilidade em instituições financeiras como o Nubank, Digio e Banco Inter.

Aplicativo Caixa Tem (Foto: Lucas Lima/Tecnoblog)

Aplicativo Caixa Tem (Foto: Lucas Lima/Tecnoblog)

Caixa Tem usa IBM Cloud

O IBM Cloud avisa em seu painel de status que sofreu uma interrupção no principal fornecimento de água que alimenta as torres de resfriamento no datacenter SAO01, localizado em São Paulo. Ou seja, os computadores passaram a funcionar a temperaturas maiores do que o ideal.

Isso afetou os serviços da Caixa. O banco explica ao Tecnoblog: “o aplicativo Caixa Tem está indisponível em razão de problema em ambiente da provedora de serviços IBM, que é responsável pelo tráfego de informações do aplicativo”.

A IBM confirmou a falha às 11h44 (horário de Brasília). Às 14h26, a empresa disse que “a temperatura dentro do DC 01 de São Paulo estabilizou. a recuperação do datacenter está progredindo e a conectividade de rede está sendo restaurada primeiro e, em seguida, o restante dos serviços”.

IBM (Imagem: Felipe Ventura/Tecnoblog)

IBM (Imagem: Felipe Ventura/Tecnoblog)

AWS também ficou instável

Em seu painel de status, o AWS explica que ficou instável entre 4h10 e 10h45 da manhã (horário de Brasília): “podemos confirmar falhas de conectividade e energia que afetam algumas instâncias em uma única zona de disponibilidade (sae1-az3) na região SA-EAST-1”.

O AWS oferece servidores em diversas regiões do planeta, e uma delas é a SA-EAST-1, também chamada “América do Sul (São Paulo)”. Cada região contém zonas de disponibilidade, que são locais isolados para rodar instâncias na nuvem: se um deles cair, os outros podem continuar funcionando, evitando falhas em um site ou aplicativo.

A Amazon diz que “um pequeno número de hosts subjacentes sofreu perda de energia”, mas garante que “o problema já foi resolvido e o serviço está funcionando normalmente”.

AWS (Imagem: Divulgação/Amazon France)

AWS (Imagem: Divulgação/Amazon France)

Hoje, o Nubank deu erro de “serviço indisponível” ao tentar pagar boletos, além de apresentar lentidão para compensar transferências via TED e Pix. Também há relatos de problemas semelhantes no Banco Inter e Digio, que podem estar relacionados a esse breve “apagão” na nuvem.

Em novembro, uma pane no AWS causou instabilidade em diversos serviços, incluindo Roku, Duolingo, Adobe Spark, Flickr, League of Legends (LoL) e Pokémon Go. O Itaú fechou um contrato de dez anos com a Amazon para usar sua plataforma de computação na nuvem.

Atualizado às 17h05

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Jamis Casusa (@jamiscs)

Tivemos uma dor de cabeça hoje aqui na empresa por conta desse incidente, um dos nossos principais sistemas é hospedado na IBM. Ficou fora do ar das 6:30 da manhã até às 14:40 aproximadamente