Início » Jogos » EA anuncia compra da Codemasters, produtora de F1 e Dirt

EA anuncia compra da Codemasters, produtora de F1 e Dirt

EA surpreende e compra Codemasters, que já havia praticamente sido vendida à Take-Two Interactive em novembro

Felipe VinhaPor

A Electronic Arts surpreendeu e anunciou a aquisição da Codemasters, produtora responsável por jogos de séries como F1, Dirt e Grid. O detalhe é que a compra já era dada praticamente como certa pela Take-Two Interactive, mas tudo mudou em um último momento.

Dirt 5 é um dos jogos recentes da Codemasters (Imagem: Codemasters/Divulgação)

Dirt 5 é um dos jogos recentes da Codemasters (Imagem: Codemasters/Divulgação)

Anteriormente, a Take-Two chegou a anunciar que fecharia o negócio no primeiro trimestre de 2021, quando comentou que estava levando a Codemasters por US$ 994 milhões, ainda em novembro.

Agora a EA cobriu a oferta, somando US$ 1,2 bilhão pela produtora de jogos automobilísticos, com previsão de concluir a aquisição também no primeiro trimestre do ano que vem.

Ainda não se sabe se a Take-Two pode apresentar uma nova proposta. De acordo com o jornal Sky News, o capital da empresa é de US$ 21,8 bilhões, contra US$ 39,9 bilhões da EA. O cenário pode mudar, mas com o anúncio da EA, de que comprou o estúdio de fato, é pouco provável.

Empresas da EA

Quando a aquisição da Codemasters for concluída no próximo ano, ela se juntará a outras empresas que foram compradas pela EA nos últimos anos.

Entre os estúdios que fazem parte da Electronic Arts, hoje, temos:

  • BioWare
  • Maxis
  • Respawn Entertainment
  • PopCap Games
  • Pogo Studios

Entre outros que chegaram a ser comprados pela empresa, mas que foram encerrados após a aquisição – e seus funcionários absorvidos, em sua maioria.

Com informações: Polygon.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
11 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Thiago Moraes Barbosa (@thimorbar)

Que tragédia

Marcos Soares Santos (@Marcos_Santos)

O F1 vai ficar a mesma merda que o FIFA. Meu deus do céu, que tragédia.
Já to preparado pro anuncio de que consumiram o estúdio igual fizeram com a Maxis.

Islan Oliveira (@Islan_Oliveira)

Que pena, uma empresa tão interessante morrer assim. Descanse em paz, Codemasters.

Anderson Antonio Santos Costa (@Anderson_Antonio_San)

A EA vai fazer com que F1, Dirt e Grid se tornem jogos bugados, ruins e lotados de microtransações…
Dia ruim para a indústria de games.

Senhor ranz (@Duko)

que droga!! adeus F1!!!

Senhor ranz (@Duko)

concordo!! EA é puro monstro gigante que mata os games!!! maldito EA!

Bruno Cabral Peixoto (@Bruno_Cabral_Peixoto)

Goodbye my friend!

Mickey Sigrist (@Mickey)

E o jogo oficial da F1, que vinha melhorando ano após ano, já era. Daqui pra frente, com a mão da EA no meio, esperem um Fifão à motor.

Caleb Enyawbruce (@Enyawbruce)

Lamentável!! A única escapatória seria eles a manterem funcionando de modo independente, mas isso é quase impossível: incluir os clássicos de corrida da Codemasters no lineup de jogos esportivos da EA é o caminho óbvio.

Vinícius (@Lage)

Como usuário do Gamepass eu fico feliz. Como jogador, eu fico triste.

Paulo Maciel (@pymaciel)

Putz, lá se vai F1 virar um caça-níqueis. Vai destruir o jogo como fez com a franquia de Sim City. Dia triste para os jogadores que gostam do estilo Simulador.

Caleb Enyawbruce (@Enyawbruce)

Bem lembrado!! Jogos da Codemasters no EA Play, e consequentemente no GamePass. Pelo menos isso de bom