Início » Jogos » Como jogar Pokémon GO [Guia para iniciantes]

Como jogar Pokémon GO [Guia para iniciantes]

Este guia vai ajudá-lo a entender a mecânica do game; saiba como jogar Pokémon GO e as principais funções para iniciar a jornada

Lucas LimaPor
TB Responde

Pokémon GO é um jogo gratuito de realidade aumentada para smartphones e o principal game da franquia para Android ou iOS (iPhone). Ainda que as mecânicas sejam diferentes dos demais títulos de consoles Nintendo, é possível batalhar em ginásios, encontrar Shiny e até trocar com amigos. Confira os principais tópicos de Pokémon GO e saiba como jogar, ou melhor, ser um treinador de respeito.

Pokémon GO (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Pokémon GO (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Sobre Pokémon GO

Pokémon GO foi lançado em julho de 2016, sob o guarda-chuva da Niantic — startup que nasceu no Google e desvinculou-se da companhia em 2015 —, Nintendo e a The Pokémon Company.

Assim como o Ingress, outro jogo publicado pela Niantic, Pokémon GO é baseado em realidade aumentada e geolocalização. O mundo virtual é combinado ao real e, além do mapa, o jogador pode usar a câmera para unir os elementos.

Pokémon GO (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Niantic (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

1. Como começar a jogar Pokémon GO

É preciso entender que há uma diferença entre os jogos da franquia Pokémon, lançados para os consoles da Nintendo (Game Boy, DS, Switch…) e o GO. Ao invés de andar com o personagem e seguir uma linha cronológica de eventos na jornada (visitar cidades, enfrentar ginásios, chegar à Liga Pokémon), não há uma narrativa a ser seguida, tampouco ter controles do movimento do personagem.

Qualquer pessoa pode jogar Pokémon GO, desde que tenha um smartphone compatível com acesso à internet (além do Wi-Fi). É exigido um Android 6 ou superior ou iOS 12 ou posterior. O download pode ser feito, gratuitamente, na App Store ou Play Store. Depois de baixado, é só criar uma conta com e-mail, Facebook ou Google e iniciar a jornada.

2. Como eu ando em Pokémon GO?

Não há como “andar” em Pokémon GO. Como o game é baseado em geolocalização, o jogador deve se locomover no mundo real para que o personagem se desloque no jogo. Com isso, além da aparição de Pokémon, outros elementos como ginásios e Poképaradas (os totens azuis) são descobertos.

3. Pegando os Pokémon

Em jogos “tradicionais” da franquia Pokémon, ao encontrar alguma espécie na natureza (selvagem) é preciso batalhar com esse monstrinho (usando o recebido no início do jogo), para enfraquecê-lo e então jogar a Pokébola. Não é isso que ocorre em Pokémon GO.

Captura de Pokémon (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Captura de Pokémon (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Na versão para smartphones, ao ver algum Pokémon no mapa, basta tocar nele que a etapa de captura é iniciada. Em seguida, o jogador deve arremessar a Pokébola (arrastar usando o dedo) para acertar o Pokémon.

Quando a Pokébola é segurada (mantendo o toque) um círculo aparece. Ao acertar a bola dentro desse alvo (quando menor, melhor) maiores são as chances de sucesso na captura do Pokémon.

Círculo de captura (Imagem: Reprodução/Pokémon GO)

Círculo de captura (Imagem: Reprodução/Pokémon GO)

Pokémon com níveis de PC alto (mais sobre isso depois, é aquele número que aparece) são mais difíceis de capturar. Nesses casos, é preciso usar frutas ou outros tipos de bolas para aumentar as chances de sucesso.

4. Como pegar itens em Pokémon GO

Itens são tão essenciais quanto Pokémon no jogo. Afinal, a partir deles é possível capturar mais espécies, curar aqueles usados após batalhas, evoluir alguns especiais, entre outras funções.

Para conseguir itens no jogo, é necessário visitar as Poképaradas (ou Pokéstops) — são aqueles totens azuis que aparecem no mapa. Ao clicar neles, quando próximo, basta girar o disco para obter a recompensa. Há um tempo de espera para que o jogador possa girá-lo de novo.

Poképaradas são os totens azuis no mapa (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Poképaradas são os totens azuis no mapa (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Ginásios também concedem itens. Depois de acessá-los, quando próximos, basta tocar no ícone de Pokéstop, no canto direito, para ver a função de girar o disco.

Itens também são a principal recompensa de missões — essas estão disponíveis no menu do binóculo, no canto inferior direito da tela.

5. Subindo de nível

Quase todas as ações em Pokémon GO geram experiência: capturar Pokémon, batalhar em ginásios, girar os Pokéstops, concluir missões, evoluir, descobrir novas espécies. Umas tarefas geram mais experiência que outras.

Os primeiros níveis são mais fáceis. O caminho começa a ficar difícil lá pelo nível 30. O máximo é 50 e acredite: é muito jogo até lá.

Ao avançar um nível, o jogador consegue algumas recompensas em itens e pode fortalecer seus Pokémon, deixando o PC deles um tanto mais alto.

6. Ginásios, reides e combate

Ginásios são um dos elementos principais de Pokémon GO. Neles, ocorrem as dominações pelos times iniciais (Mystic, Valor e Instintic, escolhidos no início do jogo). Ocorrem três situações:

  1. Se um ginásio já é dominado pelo time escolhido pelo jogador, talvez seja possível colocar mais um Pokémon lá (se já não estiver na capacidade máxima) para defender o ginásio. Oponentes (do time adversário) devem derrotar esses Pokémon para reivindicar o ginásio. Um jogador que gira o disco do ginásio do seu time também recebe mais itens;
  2. Se um ginásio é dominado pelo time inimigo, o jogador pode escolher apenas girar o disco para obter alguns itens ou batalhar pelo domínio do ginásio;
  3. Se um ginásio está na cor cinza, quer dizer que está vazio e só basta depositar algum Pokémon ali.

Os Pokémon que vão para os ginásios não são perdidos. Eles retornam assim que outro treinador batalhar reivindicar aquele ponto e derrotar a equipe que está la.

O combate é básico: com um ataque “rápido” e outro “carregado”. Porém o que permanece fiel aos demais games da franquia são os tipos dos golpes e fraquezas e resistências entre os Pokémon — exemplo: um ataque de grama é eficaz contra espécies de água.

As reides também ficam nos ginásios, mas por um período específico. Elas são a união da comunidade de Pokémon GO para derrotar um “chefão”. Há quatro tipos: de uma, três ou cinco estrelas (essa última para os Lendários) e as megarreides (dos Pokémon megaevoluídos).

Reides (Imagem: Reprodução/Pokémon GO)

Reides (Imagem: Reprodução/Pokémon GO)

Para batalhar, é preciso ter um passe (seja o comum ou a distância) e quanto maior o nível da reide, mais jogadores são necessários para derrotar o Pokémon. Normalmente, apenas aquelas de uma estrela podem ser feitas individualmente.

7. Evoluir e fortalecer Pokémon

Pokémon aparecem na natureza aleatoriamente. Eles podem ter um PC (Pontos de Combate) alto ou baixo, mas há um limite de com base no nível do jogador. Conforme avança em experiência, dá para fortalecer os Pokémon para deixá-los mais fortes.

A opção de fortalecer é encontrada ao abrir a página de detalhes de um Pokémon. No entanto, para aumentar o PC, é necessário consumir Poeira Estelar e Doces daquela espécie. O primeiro recurso é obtido em capturas e missões, enquanto o segundo somente em capturas do mesmo Pokémon ou sua linha evolutiva.

Fortalecer Pokémon (Imagem: Reprodução/Pokémon GO)

Fortalecer Pokémon (Imagem: Reprodução/Pokémon GO)

Doces também são usados para as evoluções, ao juntar a quantidade necessária para evoluir a espécie, basta selecionar a opção e aguardar a animação. Há alguns padrões:

  • Pokémon com três estágios evolutivos precisam de 125 doces para evoluir do primeiro ao último estágio (25 para a primeira forma e 100 para a segunda);
  • Pokémon com dois estágios evolutivos precisam de 50 doces.

Há excessões, como aqueles que precisam de 100 doces (Feebas) ou os que precisam de 400 (Magikarp e Wailmer). Esses requisitos são informados na página de cada Pokémon.

8. Moedas e loja

Pokémon GO é gratuito, mas tem compras internas. Ainda que ninguém seja obrigado a gastar para jogar, existem itens vendidos na loja que ajudam a avançar de nível mais rapidamente — seja para ganhar mais experiência, Pokébolas, para pegar mais Pokémon caso não esteja próximo de uma Poképarada ou ingressos de evento, para acessar missões especiais com recompensas “premium”.

Porém, além de dinheiro real, as moedas podem ser obtidas pelos ginásios. Se um jogador conseguir colocar um Pokémon para defender o local, poderá ganhar até 50 moedas por dia.

9. Aproveite as missões e eventos de Pokémon GO

Missões vêm e vão em Pokémon GO. Seja para comemorar uma data específica (Halloween, Natal, Ano Novo, aniversário da franquia) ou a chegada de um novo recurso no game. É a melhor forma de conseguir boas recompensas, incluindo Pokémon Lendários e Míticos.

Eventos também são programados (e normalmente ligados às missões), fazem com que espécies temáticas apareçam com mais frequência. Por exemplo, no Halloween, Pokémon fantasma são mais vistos.

O Dia Comunitário é um dos eventos principais de Pokémon GO, por ocorrer todos os meses. Nele, uma ou mais espécies aparecem com mais frequência e torna-se fácil encontrar um Pokémon Shiny.

Imagem ilustrativa de Dia Comunitário (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Imagem ilustrativa de Dia Comunitário (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

10. Como jogar Pokémon GO com amigos

A jogabilidade com amigos é interessante, mas não satisfatória. Ainda que se trate de um jogo online, nenhum jogador pode ver o outro no mapa. Para trocar Pokémon, batalhar ou enviar presentes (outra forma de se obter itens), é preciso ter amigos adicionados — isso é feito na página de perfil do jogador, no canto inferior esquerdo da tela.

Com amigos também é possível batalhar em reides, especialmente nas mais difíceis (de três ou cinco estrelas), quais precisarão de mais jogadores para ser concluída dentro do tempo definido.

Ainda que não ideais, as amizades são essenciais para a conclusão de algumas missões. Trocar Pokémon ou enviar presentes são tarefas exigidas para algumas recompensas.

Lista de amigos (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Lista de amigos (Imagem: Divulgação/Pokémon GO)

Pokémon GO é um jogo para todos os públicos, inclusive em níveis de complexidade. Há muito mais a explorar e o próprio game instrui o jogador em algumas das novas descobertas. Ovos, modo competitivo da Liga de Batalha, Equipe GO Rocket, melhores combinações de ataques rápidos e carregados, times estratégicos, IVs de um Pokémon são exemplos do que pode ser encontrado. Cabe ao treinador se aventurar.

Aqui, no Tecnoblog, preparamos alguns outros artigos para ajudar a jogar Pokémon GO e esclarecer outros assuntos:

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação