Início » Celular » Apple distribui iPhones com root para especialistas de segurança

Apple distribui iPhones com root para especialistas de segurança

Apple começa a enviar iPhones desbloqueados para especialistas de segurança encontrarem falhas de segurança em seus celulares

Bruno Gall De Blasi Por

A Apple começou a distribuir iPhones com root a especialistas de segurança para que encontrem vulnerabilidades nos celulares da marca. A iniciativa faz parte do Apple Security Research Device Program, que tem como objetivo emprestar smartphones com acesso irrestrito a pesquisadores para torná-los mais seguros.

As informações são do MacRumors. Segundo o site especializado nesta terça-feira (22), os primeiros pesquisadores que se inscreveram no programa foram notificados pela Apple, para avisar que os dispositivos já estão a caminho. A expectativa é que os telefones modificados cheguem nos próximos dias.

iPhone 12 Pro Max (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

iPhone 12 Pro Max (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Apple dá iPhones desbloqueados para pesquisadores

Anunciado em julho de 2020, o Apple Security Research Device Program (“Programa de dispositivos de pesquisa de segurança da Apple”, em tradução livre) é uma ação da Apple que visa garantir mais segurança aos seus produtos. Para isso, são distribuídos celulares com acesso irrestrito ao sistema operacional para que especialistas possam verificar a fundo se há alguma vulnerabilidade.

Os dispositivos, conhecidos como Security Research Device (SRD), são distribuídos aos participantes por doze meses renováveis para encontrar falhas de segurança. Os aparelhos, que permanecem em posse da Apple mesmo após a distribuição, devem ser utilizados somente aos propósitos do programa.

Caso algum problema seja encontrado, os especialistas devem notificar imediatamente à Apple. De acordo com a companhia, “as vulnerabilidades encontradas com um SRD são automaticamente consideradas como recompensa por meio do Apple Security Bounty”.

Por ora, as inscrições estão fechadas: “o período de inscrição inicial terminou em 24 de agosto”, afirmam. “Os candidatos receberão uma atualização neste outono [primavera, no Brasil]”. O programa está disponível a quem possui conta de desenvolvedor da Apple com experiência comprovada e habitantes de países elegíveis.

Com informações: 9to5Mac e MacRumors

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
3 usuários participando