Início » Gadgets » O que é Dolby Vision?

O que é Dolby Vision?

Entenda o que é o Dolby Vision HDR e saiba como a tecnologia contribui para maior qualidade de imagens em filmes, séries e jogos

Ana MarquesPor

Está em busca de uma TV, celular ou tablet novo, e se deparou com o termo Dolby Vision? A marca, que também é famosa na indústria do entretenimento, diz respeito a um formato específico de vídeo com tecnologia de grande alcance dinâmico (HDR, na sigla em inglês).

Em linhas gerais, esse formato contribui para imagens mais vivas, pretos mais profundos e para a fidelidade de cores, devido à ampla gama de tons que compreende.

O que é Dolby Vision

Dolby Vision proporciona imagens com cores mais vivas e melhor contraste (Imagem: Reprodução/Dolby)

Dolby Vision entrega maior qualidade?

O Dolby Vision é o padrão próprio da Dolby Laboratories. Ele foi um dos primeiros formatos de HDR introduzidos em TVs, juntamente com o HDR10, mas promete maior qualidade de imagem devido à profundidade de cores de 12 bits (4.096 tons por cor).

Além disso, enquanto o HDR genérico oferece normalmente brilho de 1.000 nits, a tecnologia da Dolby garante até 10.000 nits.

Tecnologia conta com metadados dinâmicos

Quando falamos em Dolby Vision, podemos trazer o recorte para os dispositivos que têm suporte à tecnologia ou para as produções da indústria de entretenimento que utilizam o formato em questão.

No quesito de produção, uma diferença para o HDR genérico é que a tecnologia da Dolby utiliza metadados dinâmicos. Desse modo, os coloristas têm maior liberdade para controlar como o conteúdo visual é mapeado para o dispositivo do consumidor final.

Na prática, essa característica permite aos criadores de conteúdo ter maior garantia de que as imagens estarão bem representadas em qualquer dispositivo, já que é possível informar quando aumentar uma cor ou o contraste de acordo com o corte do vídeo em questão.

Dolby Vision / hdr10 hdr10+ hlg dolby vision

Dolby Vision (Imagem: Divulgação/Dolby)

Para fins de comparação, o HDR10 usa um conjunto fixo de metadados. Isso quer dizer que ele acaba sendo mais limitado na hora de sinalizar às TVs sobre como lidar com diferentes cenas em uma série ou filme, por exemplo.

Voltando ao recorte de aparelhos que suportam a tecnologia, temos aqui um fator limitante: o painel em questão deve ter capacidade para a profundidade de 12 bits, caso contrário, esse quesito específico será subaproveitado. No fim das contas, o que vale mesmo é todo o conjunto de especificações da TV ou do dispositivo que você está usando.

O fator preço

Apesar da superioridade tecnológica que o Dolby Vision tem sobre o HDR10, algumas fabricantes optam por não utilizá-lo. E há alguns motivos para isso, dentre eles, o preço. A Dolby cobra royalties para implementar o suporte em TVs, celulares, tablets e outros dispositivos. Filmes, séries e jogos também pagam um preço para utilizar a tecnologia.

Já o HDR10 é considerado o padrão aberto para o conteúdo com amplo alcance dinâmico. Isso quer dizer que todo conteúdo rotulado com HDR deve lidar com o HDR10.

Outra questão é que o HDR10 não dita de que forma os filmes devem ser codificados ou compactados, enquanto o Dolby Vision tem diretrizes mais específicas sobre compatibilidade.

Quais fabricantes suportam Dolby Vision?

Empresas como LG, TCL, Philips e Sony fabricam TVs com Dolby Vision. A tecnologia geralmente está associada aos modelos de faixas premium das fabricantes. Em celulares, você encontra o Dolby Vision em iPhones – a linha iPhone 12 pode inclusive gravar em Dolby Vision –, e também em modelos avançados da LG, como o LG G8 ThinQ.

iPhone 12 Pro Max (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

iPhone 12 Pro Max grava em Dolby Vision (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

A Samsung, por sua vez, aposta no HDR10+, uma tecnologia concorrente, que também é apoiado pela Amazon. Ele também oferece suporte a metadados dinâmicos, mas é livre de royalties. De acordo com a fabricante sul-coreana, há mais de 1.000 títulos disponíveis em HDR10+ na Amazon.

Onde encontrar conteúdo Dolby Vision?

Atualmente, diversos serviços de streaming já oferecem filmes, séries e programas com Dolby Vision. A Netflix foi uma das primeiras a suportar a tecnologia, mas o Amazon Prime Video e o Dinsey+ também já estão expandindo seu catálogo com conteúdo nesse formato.

Com informações: Dolby e Tom’s Guide

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando