Início » Finanças » Golpe rouba US$ 580 mil em bitcoin usando Elon Musk como isca

Golpe rouba US$ 580 mil em bitcoin usando Elon Musk como isca

Contas verificadas no Twitter são hackeadas para promover esquema de prêmios falsos em criptomoedas com rosto de Elon Musk

Bruno Ignacio Por

Um esquema envolvendo bitcoin divulgado através do Twitter usa o rosto de Elon Musk para atrair vítimas. Contas verificadas na rede social foram hackeadas para promover a fraude, que solicita o envio de criptomoedas prometendo um retorno de 200% em ativos digitais. Um novo levantamento indica que mais de US$ 580 mil já foram arrecadados pelos golpistas em apenas uma semana.

Elon Musk (Imagem: Daniel Oberhaus/Flickr)

Elon Musk (Imagem: Daniel Oberhaus/Flickr)

Contas verificadas no Twitter são hackeadas

O portal de notícias sobre segurança e tecnologia BleepingComputer publicou nesta quinta-feira (15) uma reportagem que denuncia um esquema de falsos envios gratuitos de criptomoedas.

O golpe utiliza uma estratégia de duas frentes para atrair possíveis vítimas. Primeiro, contas verificadas no Twitter são hackeadas para promover a fraude, se passando por pessoas beneficiadas pelos supostos prêmios. Então os golpistas utilizam o rosto do famoso bilionário Elon Musk para credibilizar o esquema.

Tuítes de contas hackeadas promovendo o esquema (imagem: reprodução/BleepingComputer)

Tuítes de contas hackeadas promovendo o esquema (imagem: reprodução/BleepingComputer)

“Já viram esse evento? Elon me transformou em uma pessoa rica! Confira agora mesmo!”, escreve um das contas hackeadas, @DanCarr9. O falso usuário completa: “Agora eu tenho a chance de comprar um carro e melhorar a minha vida!”

Já @AnaUrena diz: “Obrigada Elon Musk por me fazer rica! Isso é surpreendente!”. Ambas as contas divulgam em seus tuítes vídeos curtos que promovem o golpe com publicações que supostamente pertenceriam ao dono da Tesla e SpaceX.

As publicações acompanham links que direcionam as vítimas a um artigo no Medium. As instruções na página informam que elas devem enviar bitcoins (de 0.05 a 20 BTC) para a carteira endereçada. A promessa é de retornar o dobro do valor transferido.

Página do esquema no Medium com o rosto de Elon Musk (imagem: reprodução/BleepingComputer)

Página do esquema no Medium com o rosto de Elon Musk (imagem: reprodução/BleepingComputer)

Maioria das contas invadidas estão inativas há anos

A plataforma de pesquisa e segurança MalwareHunterTeam informou ao BleepingComputer que a maioria das contas hackeadas estão inativas, assim os proprietários nem sequer notaram a atividade suspeita. A empresa afirma que esses perfis são altamente visados por hackers após o Twitter desativar a capacidade de verificar novos usuários em julho deste ano.

Além de Elon Musk, essas contas utilizaram também o rosto de um dos gêmeos do Facebook. Tyler Winklevoss, cofundador da Gemini Exchange, foi outra figura pública usada para promover prêmios falsos.

A reportagem verificou os volumes movimentados para os endereços de carteiras digitais divulgados pelo esquema. Segundo o levantamento, os golpistas arrecadaram cerca de US$ 587 mil em bitcoin ao longo de uma semana. Há uma parcela muito menor de fraudes envolvendo Ethereum (ETH), que lucraram aproximadamente US$ 2.700 no mesmo período.

Com informações: BleepingComputer

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
3 usuários participando