Início » Aplicativos e Software » Chefe do WhatsApp diz que Telegram tem “problema real de privacidade”

Chefe do WhatsApp diz que Telegram tem “problema real de privacidade”

Para Will Cathcart, presidente global do WhatsApp, falta de criptografia no chat comum do Telegram é desvantagem

Emerson AlecrimPor

Nas últimas semanas, a procura por mensageiros como Telegram e Signal aumentou em função das mudanças na política de privacidade do WhatsApp. Essa situação fez Will Cathcart, presidente global da plataforma, “sair da toca” para dar algumas explicações e cutucar a concorrência. Ele afirma, por exemplo, que o Telegram tem um “problema real de privacidade e segurança”.

Telegram no iPhone (Imagem: André Fogaça/Tecnoblog)

Telegram no iPhone (imagem: André Fogaça/Tecnoblog)

A declaração foi dada em entrevista recente à Folha de S.Paulo. Cathcart afirma que o Telegram não possui criptografia ponta a ponta e que o serviço mantém uma cópia das mensagens em servidores. São esses dois aspectos que são vistos pelo executivo como pontos negativos da plataforma.

Já faz algum tempo que o Telegram é criticado por isso. Não por acaso, Pavel Durov, um dos criadores do serviço, veio a público em 2017 para explicar que essa percepção de que o Telegram é menos seguro do que plataformas concorrentes não é realista.

Na verdade, o Telegram tem criptografia ponta a ponta — recurso em que somente o remetente e o destinatário podem ler as mensagens —, mas ativada por padrão apenas nos chamados chats secretos.

Os chats comuns do Telegram é que não contam com esse tipo de proteção. No lugar desse recurso, o serviço implementa uma criptografia de “servidor para cliente”.

A explicação para essa diferença está no fato de os chats comuns serem armazenados na nuvem do Telegram para permitir que o usuário tenha acesso às mensagens a partir de dispositivos diferentes, por exemplo. Chats secretos não vão para a nuvem e só podem ser acessados pelos dispositivos de origem e destino.

Aplicativo do Telegram (Imagem: Christian Wiediger/Unsplash)

Aplicativo do Telegram (imagem: Christian Wiediger/Unsplash)

Ao comentar o assunto em 2017, Pavel Durov explicou que essa distinção existe para permitir que o Telegram ofereça funcionalidades adicionais, como possibilidade de o usuário recuperar mensagens de chats comuns a partir da nuvem da plataforma, acesso às mensagens a partir de múltiplos dispositivos e conversas em grupos ou canais com milhares de membros.

Signal foi menos criticado

As afirmações de Will Cathcart contra o Telegram vieram em resposta à pergunta sobre o que ele diria para o usuário que estiver indeciso sobre qual serviço de mensagens instantâneas escolher.

Quando questionado sobre o Signal, o executivo disse apenas que o WhatsApp tem funcionalidades adicionais, como chamadas por vídeo, e é muito confiável.

A última afirmação vem em alusão ao fato de o Signal ter ficado offline neste mês. Mas, quanto a isso, é necessário levar em conta que o WhatsApp também já teve seus momentos de pane.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
13 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@Diego1

Sabe qual é um problema real de privacidade? Ser propriedade de Mark Zuckerberg.

Lucas Gasparotto (@TyrMenethil)

Pq dizer que o meu tem problema e arrumar, se eu posso pegar emprestado o problema dos outros e dizer que ele tem problema?
Como o amigo aí de cima disse, o problema do WhatsApp é ele ser do Zuckerberg.

Alex (@wuhkuh)

Não é problema, é escolha, se você tiver que usar a criptografia, só ativar a chat secreto, eu amo a acessibilidade que o Telegram oferece em multiplataformas, só de não ter que escanear aquele qrcode maldito, já fez tudo por mim!

Everton Dreher (@Dreher)

Mas o backup do Whatsapp para o Drive ou iCloud também vai para um servidor, ninguém me garante que esses arquivos não são acessados.
Não sei se a encriptação ponta-a-ponta impediria um acesso desses.

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

O backup do iCloud é criptografado, só não é ponta a ponta.

Sérgio (@trovalds)

O que resta é alfinetar a concorrência. Porque o produto que eles tem é inferior, limitado e invasivo demais. Whatsapp aqui só pra conversa fiada. Coisa séria é Telegram e dependendo do assunto Chat Secreto. E Signal tá aqui como reserva da reserva.

Breno (@bbcbreno)

O cara precisou apelar fake news pra se garantir é sinal de q a coisa tá feia.

Alegou que o Telegram não tem criptografia. Dada a posição dele no WhatsApp, certeza q ele sabe o Telegram possui criptografia e não oferecer criptografia por padrão é apenas um facilitador, não um problema.

Leonardo Feelckins (@feelckins)

A falta de criptografia acaba nos trazendo um imenso benefício que é a questão dos backups e da vasta nuvem. Telegram não fica refém do armazenamento do seu celular ou de Google Drive/iCloud pra fazer seus backups. — Em minha migração de Android pra iOS perdi conversas e arquivos importantíssimos que não teria perdido se na época eu utilizasse o Telegram como meu principal mensageiro.

Seguidor do Smzinho (@Seguidor_do_Smzinho)

O negócio é parar de criticar os outros e começar a melhorar o produto.

Rodrigo Dias (@rodrigodias)

E eu que fui usuário de Windows Phone e nunca pude recuperar as primeiras conversas no app pois o backup não era compatível com outros sistemas.

Washington Marques (@Washington_Marques)

Whatsapp está desesperado kkkkkkkkkk TELEGRAM MUITO MAIS MUITO MELHOR