Início » Ciência » Elon Musk detalha concurso de US$ 100 milhões sobre captura de carbono

Elon Musk detalha concurso de US$ 100 milhões sobre captura de carbono

Concurso financiado por Musk busca soluções capazes de retirar da atmosfera uma tonelada de dióxido de carbono por dia

Victor Hugo SilvaPor

Após Elon Musk anunciar que doaria US$ 100 milhões para um concurso sobre captura de carbono, os detalhes da disputa foram finalmente revelados. A XPrize Foundation, entidade que organizará a competição, anunciou nesta segunda-feira (8) quais são os critérios para analisar as propostas e como os prêmios serão distribuídos.

Elon Musk (Imagem: Peter Tsai/Flickr)

Elon Musk (Imagem: Peter Tsai/Flickr)

Os participantes deverão “criar e demonstrar uma solução que pode capturar dióxido de carbono diretamente da atmosfera ou dos oceanos e bloqueá-lo permanentemente de uma forma ambientalmente benigna”. O objetivo, segundo a XPrize, é incentivar a criação de soluções e ajudá-las a obter escala.

Com quatro anos de duração e aberto a participantes de todo o mundo, o concurso está em busca de propostas capazes de remover da atmosfera uma tonelada de dióxido de carbono por dia. A ideia é que, até 2050, elas consigam alcançar coletivamente a marca de 10 gigatons de dióxido de carbono capturados por ano.

As 15 equipes melhor avaliadas nos critérios dos jurados Musk receberão US$ 1 milhão cada. O valor servirá como financiamento inicial para que as equipes consigam demonstrar seus projetos em larga escala. Nesta etapa, o projeto também oferecerá 25 bolsas de estudo de US$ 200 mil cada.

O restante do prêmio será dividido entre as três equipes melhor avaliadas. A quantia será dividida da seguinte forma:

  • 1º lugar: US$ 50 milhões
  • 2º lugar: US$ 20 milhões
  • 3º lugar: US$ 10 milhões

“Negatividade de carbono, não neutralidade”

Em comunicado sobre o concurso, Musk deixou claro que a ideia é buscar soluções reais capazes de reduzir a presença de dióxido de carbono na atmosfera. O executivo indicou ainda que os participantes devem considerar dois critérios: o custo por tonelada da coleta de carbono e o tempo que a solução é capaz de armazená-lo.

“Queremos causar um impacto verdadeiramente significativo. Negatividade de carbono, não neutralidade. O objetivo final é a extração de carbono escalável que é medida com base no ‘custo por tonelada totalmente considerado’. Esta não é uma competição teórica; queremos equipes que construam sistemas reais que possam ter impacto mensurável e escalar a um nível de gigatonelada. O que for preciso. O tempo é essencial.”

As inscrições para o concurso promovido por Elon Musk começam em 22 de abril, data que marca o Dia da Terra. A disputa chegará às 15 melhores propostas em 18 meses e será concluída em 2025.

Com informações: XPrize Foundation.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Goku SSGSS (@renatodantas)

Iniciativa louvável do sr. Musk. Parabéns.