Início » Jogos » Microsoft mostra como será streaming de jogos de Xbox em navegadores

Microsoft mostra como será streaming de jogos de Xbox em navegadores

Atualmente o xCloud da Microsoft utiliza servidores com Xbox One S, que deixa jogos em 4K de fora dos novos testes

André FogaçaPor

A Microsoft começou a testar o xCloud, seu serviço de streaming de jogos, em navegadores instalados nos computadores dos gamers. Por enquanto os testes são fechados e ainda não existem informações comuns para este tipo de jogatina, como a resolução do título que é gerada pelos servidores e enviada até o browser de destino.

Microsoft Project xCloud no Edge (Imagem: Tom Warren/The Verge)

Microsoft Project xCloud no Edge (Imagem: Tom Warren/The Verge)

O xCloud é um serviço da Microsoft para levar jogos que rodam em grandes servidores diretamente para o usuário, que não precisa ter um dispositivo potente para fazer o game funcionar como esperado e divulgado pela desenvolvedora – exatamente como faz o Google Stadia. Por enquanto ele ainda funciona em fase beta em algumas partes do mundo (inclusive no Brasil) e o movimento mais recente está no início destes testes para navegadores dos PCs.

Nos computadores o jogador precisa apenas de um navegador baseado em Chromium, o que significa a necessidade de browsers como Google Chrome, Microsoft Edge, Opera, Vivaldi e o Samsung Internet dos smartphones e tablets da marca coreana. Uma vez aberto o endereço do xCloud, uma biblioteca em forma de ícones grandes e pequenos é exibida.

O visual deste cardápio lembra bastante o mesmo exibido pela Windows Store para o Windows 10. Na home há um carrossel no topo com destaques e outros ícones menores ficam logo abaixo. Esta segunda linha de opções privilegia os jogos que o usuário abriu recentemente, oferecendo assim a possibilidade de retornar ao último ponto. A experiência também lembra a navegação da Netflix, que coloca uma linha com “Continuar assistindo” logo abaixo dos títulos mais populares do streaming.

Microsoft Project xCloud no Edge (Imagem: Tom Warren/The Verge)

Microsoft Project xCloud no Edge (Imagem: Tom Warren/The Verge)

Não existem informações concretas sobre a resolução de vídeo que é enviada para o jogador, mas já sabemos que os servidores da Microsoft utilizam a base do Xbox One S. Esta é uma das variantes mais simples do console da empresa para a geração passada, onde o game não roda em 4K, então muito provavelmente o xCloud funciona no navegador em Full HD (1920 x 1080 pixels, ou 1080p).

Microsoft xCloud já funciona em app para Android

Por mais que a chegada aos navegadores soe como novidade para toda a plataforma de streaming dos jogos, o xCloud já é testado em aplicativo dedicado para dispositivos Android faz algum tempo. Nestes gadgets o jogador precisa estar ao menos no Android 6 Marshmallow e é recomendado utilizar um controle Bluetooth, que não precisa ser exatamente o mesmo dos Xbox One ou Series S/X.

Segundo a Microsoft, o xCloud precisa de uma conexão capaz de entregar ao menos 10 Mb/s e a empresa recomenda redes sem fio de 5 GHz, mas também pode funcionar em 2,4 GHz. A velocidade da banda é a mesma exigida pelo concorrente Google Stadia quando entrega resolução em 720p (HD), passando para 35 Mb/s se o jogador quiser o game em 4K.

Também é possível jogar por meio de redes móveis, mas o 4G tende a trabalhar com latência bastante alta e este detalhe pode atrapalhar a jogatina.

Em dezembro do ano passado a Microsoft já havia comentado que lançaria o xCloud para navegadores em março de 2021, então faz sentido ter os testes começando poucas semanas antes do mês. Rodar no navegador também pode ser a porta de entrada do serviço em iPhones e iPads, já que no mundo da maçã os gamers não devem contar com app dedicado.

Com informações: The Verge.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
8 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Vinicius Vicentini (@ViniciusHVC)

O Stadia que deu certo

Dark (@Darkalliance)

Interesante essa proposta da Microsoft de ir testando e disponibilizando o serviço aos poucos e sem pressa.

A Google com o Stadia fez justamente o contrario no seu lançamento, quis correr e ser a primeira e ao invés de convencer as pessoas de que esse tipo de tecnologia é o futuro alardeado dos games e que valia a pena ao menos considerar a possibilidade nesse primeiro momento… Mas não os caras lançaram um serviço todo cagado e cheio de falhas, o que afastou ainda mais o publico e olhar com desconfiança para esse tipo de tecnologia.

Kawe (@kaweantonio)

Uma correção: na matéria é dito que os servidores do xCloud utilizam como base o Xbox Series S, entretanto é utilizado o Xbox One S. Isso está descrito na matéria do The Verge utilizado como fonte e também é mais coerente com a trajetória de desenvolvimento do xCloud visto que o serviço já estava em testes ANTES dos anúncios do Xbox Series X|S.

Henrique CaRioCa (@Henrique_CaRioCa)

2 comparações que eu vi entre o Stadia e o xcloud , e o Stadia se saiu bem melhor, entregando melhor qualidade e resolução e menos latência

E um detalhe, o xcloud não tem reviews porque esta em beta !! e a Microsoft deve manter em beta por um bom tempo para evitar reviews !!

Henrique CaRioCa (@Henrique_CaRioCa)

na verdade isso foi mentiras nas redes sociais !! Kika martini no youtube fez um resumo de reviews e constatou que em questão de latência não foi problema !!! funcionou bem
ela também colocou o link dos reviews no video : O STADIA é mesmo um FRACASSO? – Um papo honesto sobre a plataforma de games da Google - YouTube

Leandro Alves (@KILLME)

Mas a questão com o Stadia não é da qualidade do stream ou tempo de resposta. O problema é a forma como o produto é comercializado.

Enquanto na Microsoft vc assina o gamepass com a sua conta microsoft, todos os seus jogos estão lá e os jogos do gamepass tbm.

No Geforce NOW vc usa seus próprios jogos da Steam.

No Stadia vc tem uns indies grátis e tem que comprar os jogos por preço cheio e ainda correr o risco do Google encerrar o serviço e seus jogos irem para o limbo.

Henrique CaRioCa (@Henrique_CaRioCa)

A um grande erro nesta noticia, o xcloud usa hardware da geração passada ! o xbox one S , e não o Series S
E vai demorar para atualizar ja que a nova geração mal tem estoque no varejo !!

E respondendo KILL ME , o Stadia lhe da opção , você tem a conta free e que tem até games free to play , mas também pode comprar jogos como nas lojas mobile , de pc e dos consoles, nenhuma novidade ai , e também tem o plano de assinatura que é opcional !!! a google te da opções !!

E os games que você comprou no xbox não rodam no xcloud !!! isso é mentira !!! os games do xcloud são restritos a uns 100 do gamepass, e nem todos os games do gamepass de console rodam no xcloud, igual o que acontece com o gamepass de pc que não roda todos os games do xbox !!

Leandro Alves (@KILLME)

Olha a lista de games aí do serviço: Full List of XCloud Games

Você não consegue comprar nenhum jogo desse então?

DovahShy (@JustMonika)

A Microsoft tem dois tipos de streaming:

Remote Play - Que faz o stream dos jogos que você comprou para o xbox diretamente do seu console, então precisam estar instalados para rodarem (igual ao PlayStation)

XCloud - Que faz parte do Game Pass Ultimate e só dele e faz stream dos servidores da Microsoft (que atualmente possuem hardware semelhante ao Xbox One S). No momento o XCloud junto ao Game Pass só está disponível em alguns países do primeiro mundo, no Brasil sim está em fase beta com alguns poucos jogos e não precisa do Game Pass, por enquanto.

Thiago Thame (@Thameness)

Já estou amando esse serviço no celular. Quando puder ligar ele no notebook, vai ser melhor ainda!

André Fogaça (@fogaca)

Pode crer! Acabei me confundindo quando vi que as gavetas serão atualizadas pro Xbox Series X nesse ano. Tá corrigido