Início » Demais assuntos » Eric Schmidt: “É um bug carros terem sido inventados antes dos PCs”

Eric Schmidt: “É um bug carros terem sido inventados antes dos PCs”

Por
9 anos atrás

Eric Schmidt falou hoje sobre o que ele chamou de “versão aumentada da humanidade”, na qual computadores (no sentido mais amplo da palavra) se tornam uma parte cada vez mais presentes do cotidiano humano. A afirmação do CEO do Google aconteceu durante o evento TechCrunch Disrupt.

Segundo Schmidt, o futuro é fazer com que o computador faça as coisas nas quais nós não somos bons. Para ele, é ridículo que humanos — e não computadores — dirijam carros.

“Seu carro deveria dirigir a si mesmo. Simplesmente faz sentido,” disse Schmidt. “É um bug os carros terem sido inventados antes dos computadores.”

Schmidt: “O smartphone é o dispositivo que é o ícone e definição do nosso tempo”

Computadores móveis que são, os smartphones, se tornam cada vez mais ubíquos, e essa é uma tendência que se tornará cada vez maior, acredita Schimidt. E não apenas para a elite, diz ele, para qualquer um. “O smartphone é o dispositivo que é o ícone e definição do nosso tempo,” enfatizou o CEO.

Através desses dispositivos, Schmidt acredita, nossas vidas se tornarão mais fáceis, poderemos acessar informação de qualquer lugar. Mais do que isso, o executivo afirma que, através dos smartphones nós nunca ficaremos sozinhos, estaremos sempre conectados, inclusive a nossos amigos. “Se você está acordado, você provavelmente está online,” disse ele.

E você, caro leitor, o que pensa disso? Eu admito que estou aqui imaginando como seria se os carros fossem inventados já com o nível de avanço em TI que possuímos hoje. Penso em uma coisa meio Minority Report, onde os veículos e o trânsito funcionassem de forma autônoma, com sua própria inteligência artificial. Que loucura, não? 😉

Com informações: TechCrunch.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.