Início » Internet » Libertadores: Facebook e Disney firmam parceria para exibir mais jogos

Libertadores: Facebook e Disney firmam parceria para exibir mais jogos

Com o acordo, algumas partidas da Libertadores serão exibidas tanto no Facebook Watch, quanto no Fox Sports

Victor Hugo Silva Por

O Facebook e a Disney, proprietária da Fox Sports, anunciaram uma parceria para exibirem mais jogos da Conmebol Libertadores. As empresas têm parte dos direitos de transmissão do torneio e, agora, eles serão compartilhados no Brasil. O acordo terá efeito a partir desta semana, com as primeiras partidas de alguns clubes brasileiros na fase de grupos.

Palmeiras venceu a Libertadores 2020 (Imagem: Cesar Greco/Palmeiras)

Palmeiras venceu a Libertadores 2020 (Imagem: Cesar Greco/Palmeiras)

Nesta quarta-feira (21), às 21h, o jogo entre Universitario e Palmeiras, que seria transmitido apenas no Fox Sports, também poderá ser acompanhado no Facebook Watch por meio da página da Conmebol Libertadores. Na quinta-feira (22), às 19h, a partida entre Fluminense e River Plate, que seria exclusiva do Facebook, também será exibida pelo Fox Sports.

O compartilhamento de partidas amplia a parceria entre Facebook e Fox Sports na América Latina. As empresas mantêm desde 2019 um acordo para aumentar o número de jogos da Libertadores transmitidos em nove países: Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela. Agora, a prática chega ao Brasil.

Por aqui, o acordo de transmissão vale para partidas da fase de grupos e fase eliminatória, que começa em junho.

Facebook e Disney na Libertadores

A parceria permite que as empresas ampliem suas transmissões de jogos da Libertadores. A Disney celebrou o fato de conseguir uma oferta ainda maior de conteúdo para seus espectadores. A companhia indica que o Fox Sports terá uma janela de jogos nas quintas-feiras e poderá exibir até oito jogos da Libertadores por semana.

O Facebook, por sua vez, afirma que o acordo dará mais oportunidades para seus usuários interagirem com a Libertadores. A empresa, que tem direitos de transmissão do torneio ao menos até 2022, terá partidas em mais dias da semana e dobrará o número de transmissões de times brasileiros na fase de grupos.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
3 usuários participando