Início » Jogos » Call of Duty: Mobile passa de US$ 1 bilhão em faturamento

Call of Duty: Mobile passa de US$ 1 bilhão em faturamento

Devido ao sucesso de Call of Duty: Mobile, a Activision Blizzard pretende levar todas as franquias da empresa aos celulares

Murilo Tunholi Por

A Activision Blizzard divulgou na última terça-feira (4) o relatório financeiro referente ao primeiro trimestre de 2021. Os jogos da franquia Call of Duty, com destaque para COD: Mobile, foram os principais responsáveis pelo crescimento da empresa em comparação com o ano passado. Segundo o CEO Robert Kotick, o jogo já ultrapassou 500 milhões de downloads e faturou mais de US$ 1 bilhão (R$ 5,4 bilhões) desde que foi lançado.

Call of Duty: Mobile (Imagem: Divulgação/TiMi Studios/Activision/Garena)

Call of Duty: Mobile (Imagem: Divulgação/TiMi Studios/Activision/Garena)

Como um todo, a Activision Blizzard registrou receita de US$ 2,28 bilhões (R$ 12,2 bilhões) em 31 de março, 27% a mais que o US$ 1,79 bilhão (R$ 9,6 bilhões) contabilizado no mesmo período em 2020. Esse crescimento foi impulsionado por COD: Mobile e COD: Warzone, que triplicaram a quantidade de jogadores ativos na franquia Call of Duty.

A série de jogos de tiro em primeiro pessoa agora conta com cerca de 150 milhões de jogadores ativos por mês. Por mais que os games mais populares sejam gratuitos, os usuários gastam em microtransações, como Passes de Batalha, e na compra de Call of Duty: Black Ops Cold War, o lançamento mais recente da série.

Devido ao sucesso de Call of Duty: Mobile, a Activision Blizzard quer levar todas as franquias da empresa aos celulares no futuro. Por enquanto, os jogos mobile em produção são Crash: On The Run e Diablo Immortal.

Blizzard cresce em receita, mas perde jogadores

As franquias da Activision cresceram tanto em jogadores quanto em faturamento. Já os games da Blizzard registraram aumento de 7% na receita em comparação com o ano passado, mas perderam cerca de 2 milhões de usuários ativos desde o último trimestre de 2020.

Em números absolutos, a receita da Blizzard foi de US$ 483 milhões (R$ 2,6 bilhões) no primeiro trimestre de 2021. O jogo que mais colaborou para esse resultado foi World of Warcraft: Shadowlands, lançado em 23 de novembro de 2020. Vale lembrar que a última franquia inédita criada pela desenvolvedora foi Overwatch, em 2016.

A Blizzard pretende recuperar esses jogadores com os lançamentos programados para este ano, como World of Warcraft: Burning Crusade Classic, Diablo 2: Ressurrected e Diablo Immortal, além da expansão mais recente de Hearthstone, Forjado nos Sertões. Na apresentação dos resultados, a empresa não mostrou nada de novo sobre Overwatch 2.

Com informações: VentureBeat, VentureBeat, Eurogamer.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando