Início » Antivírus e Segurança » Elon Musk é isca em golpe que já roubou US$ 500 mil em bitcoin, dogecoin e ether

Elon Musk é isca em golpe que já roubou US$ 500 mil em bitcoin, dogecoin e ether

Criminosos se passam por Elon Musk, Tesla e SNL no Twitter para divulgar golpes com bitcoin (BTC), ether (ETH) e dogecoin (DOGE)

Bruno Ignacio Por

Criminosos estão usando a imagem de Elon Musk e se aproveitando de sua recente participação no programa Saturday Night Live para atrair vítimas em golpes com criptomoedas. Falsos sorteios e prêmios em bitcoin (BTC), ether (ETH) e dogecoin (DOGE) foram divulgados no Twitter, redirecionando usuários a páginas fraudulentas que já roubaram no total mais de US$ 500 mil.

Uma das imagens de Elon Musk utilizada na divulgação de golpes com criptomoedas no Twitter (Imagem: Reprodução)

Uma das imagens de Elon Musk utilizada na divulgação de golpes com criptomoedas no Twitter (Imagem: Reprodução)

Como funciona o golpe

O BleepingComputer, site especializado em segurança digital, revelou que nomes de celebridades e empresas são usados para atrair vítimas. Criminosos invadiram e tomaram controle de contas verificadas no Twitter que estavam inativas e as usaram para se passar por Elon Musk, Tesla e pelo programa de comédia Saturday Night Live.

Falso tweet do programa Saturday Night Live divulgando esquema que rouba criptomoeda (Imagem: Reprodução)

Falso tweet do programa Saturday Night Live divulgando esquema que rouba criptomoeda (Imagem: Reprodução)

Uma vez hackeadas, essas contas roubadas então copiaram as imagens e nomes das contas originais, o que é muitas vezes o suficiente para convencer vítimas desatentas. Assim, os criminosos passam a divulgar as fraudes como falsos prêmios e sorteios através de comentários e publicações que acompanham links que redirecionam os usuários para páginas no Medium nas quais os golpes acontecem.

Uma das páginas para a qual vítimas eram direcionadas sob a promessa de falsos prêmios e sorteios (Imagem: Reprodução)

Uma das páginas para a qual vítimas eram direcionadas sob a promessa de falsos prêmios e sorteios (Imagem: Reprodução)

Dessa maneira, eles se aproveitam de uma base já formada de seguidores, aumentando seu alcance. Essa fórmula se mostrou muito bem sucedida no passado e agora foi aplicada durante um período eufórico no mercado de criptomoedas. Criminosos começaram a lançar os golpes no dia da participação de Elon Musk no popular programa de comédia Saturday Night Live, que foi ao ar no último sábado (08).

Para ter acesso aos supostos prêmios, as vítimas devem enviar uma quantia em bitcoin, ether ou dogecoin para uma determinada carteira digital como parte de um falso processo de verificação. Os golpes prometem um retorno de até dez vezes o valor enviado. Claro, nenhuma criptomoeda volta a seus donos.

Golpes já levaram US$ 500 mil

O BleepingComputer identificou no total seis endereços de carteiras digitais em blockchain vinculados a esses golpes. Todos eles começaram suas atividades no sábado (08). O Tecnoblog apurou que até esta terça-feira (11) centenas de transferências foram recebidas, mas todas as criptomoedas já foram enviadas para novos endereços em transações únicas.

As carteiras digitais registraram a entrada de US$ 111.329 em bitcoin, US$ 234.209 em ether e US$ 158.584 em dogecoin desde sábado, de acordo com a cotação no momento de fechamento desta matéria. No total, esses endereços vinculados aos golpes causaram um prejuízo de US$ 504.122.

Com informações: BleepingComputer

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando