Início » Aplicativos e Software » Android 12 Beta é liberado com foco em privacidade e visual Material You

Android 12 Beta é liberado com foco em privacidade e visual Material You

Android 12 no Google I/O 2021: nova interface Material You, desempenho mais rápido e privacidade na câmera e microfone

Felipe Ventura Por

A conferência Google I/O 2021 trouxe mais novidades sobre o Android 12, algumas das quais vazaram nas últimas semanas: o sistema operacional vai receber “a maior mudança de design de sua história”, segundo a empresa, graças ao Material You. Há também mais recursos de privacidade, incluindo um controle que barra todos os aplicativos de acessarem a câmera e o microfone.

Android 12 (Imagem: Divulgação / Google)

Android 12 (Imagem: Divulgação / Google)

Celulares da linha Google Pixel já podem baixar o Android 12 Beta, é claro. Modelos de outras marcas também são compatíveis, incluindo da Asus, Nokia, OnePlus, Realme, TCL e Xiaomi. Confira abaixo o que há de novo no sistema móvel do Google.

Android 12 e nova interface Material You

O conceito do Material You é um design que seja “pessoal para cada estilo, acessível para todas as necessidades, e adaptáveis ​​para cada tela”. Parte disso é alcançado através de cores: o Android 12 vai pegar os tons dominantes do seu papel de parede, combiná-los com tons complementares e aplicá-los em todo o sistema, incluindo a tela de notificações, tela de bloqueio, controles de volume e widgets.

Notificações no Android 12 (Imagem: Divulgação / Google)

Notificações no Android 12 (Imagem: Divulgação / Google)

O visual na tela de notificações está diferente, trazendo cores baseadas no seu papel de parede e controles rápidos maiores (que podem ser personalizados). Aqui, você também poderá acessar os cartões do Google Pay e controles de casa conectada. E agora, o botão liga/desliga servirá para ativar o Google Assistente – basta mantê-lo pressionado e dizer seus comandos de voz.

As transições ficaram mais fluidas, e há algumas animações novas: por exemplo, se você descartar todas as notificações na tela de bloqueio, o relógio vai aumentar de tamanho para deixar claro que não há mais nada para ver ali.

Widgets no Android 12 (Imagem: Divulgação / Google)

Widgets no Android 12 (Imagem: Divulgação / Google)

Os widgets também receberam bastante atenção do Google (finalmente!). Eles ganharam novos controles interativos como caixas de seleção e botões de rádio; adotaram cantos arredondados e layouts responsivos para diferentes tipos de telas; e receberam APIs de cores dinâmicas para criarem uma aparência personalizada e consistente. Vai ficar mais fácil adicionar um widget à tela inicial graças a um seletor aprimorado e a uma integração com o Google Assistente.

Tudo isso faz parte da experiência Material You: cores, formas, luzes e movimento. Esse paradigma de design vai permear o Android e outros produtos do Google no futuro, em uma transição que deve durar alguns anos. Ele estará presente inicialmente nos celulares da linha Pixel.

Android 12 traz recursos de privacidade

Há também um foco em privacidade: o novo Painel de Privacidade (Privacy Dashboard) mostra as permissões dadas a cada app, quais dados estão sendo acessados, com que frequência e por quais aplicativos. Aqui, também é possível revogar essas permissões facilmente.

No canto superior direito da tela, surgirá um indicador quando um app estiver usando a câmera ou o microfone, tal como já acontece nos iPhones. Mas o Android 12 vai além: você pode tocar em um botão para impedir que todos os apps acessem seu microfone ou câmera.

Android 12 avisa se microfone ou câmera estão sendo usados (Imagem: Divulgação / Google)

Android 12 avisa se microfone ou câmera estão sendo usados (Imagem: Divulgação / Google)

Outra novidade inspirada na Apple: você pode escolher quais apps acessam sua localização precisa, e quais vão receber apenas a localização aproximada – tal como widgets de previsão do tempo.

E temos uma adição bacana chamada Android Private Compute Core, uma área do Android 12 na qual todo o processamento de áudio e idioma ocorre no dispositivo, sem depender da nuvem. Isso será usado por recursos do Google como Live Caption, Now Playing e Smart Reply; ele também estará disponível para outros desenvolvedores.

Quanto ao desempenho, o Google afirma ter reduzido em 22% o tempo de CPU necessário para os serviços principais do sistema, liberando recursos para os aplicativos. E para poupar a bateria do celular, o Android 12 também usa 15% menos os núcleos de tarefas pesadas, que consomem mais energia.

Como baixar o Android 12 Beta

O Android 12 Beta 1 foi liberado nesta terça-feira (18) para a linha Google Pixel e outros celulares. Essa versão está (ou estará) disponível para os seguintes modelos; confira mais detalhes neste link:

  • Asus Zenfone 8 (ZS590KS)
  • Google Pixel 3, 3 XL, 3a, 3a XL, 4, 4 XL, 4a, 4a (5G), 5
  • Nokia X20
  • OnePlus 9 e 9 Pro
  • Oppo Find X3 Pro (CPH2173)
  • Realme GT
  • Sharp Aquos R6
  • TCL 20 Pro 5G
  • Tecno Camon 17
  • Vivo iQOO 7 Legend
  • Xiaomi Mi 11, Mi 11 Ultra, Mi 11i e Mi 11X Pro
  • ZTE Axon 30 Ultra 5G (China)

A versão final do Android 12 será lançada no terceiro trimestre de 2021.

Linha do tempo para o Android 12 (Imagem: Divulgação / Google)

Linha do tempo para o Android 12 (Imagem: Divulgação / Google)

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
18 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Rafael Marques (@Rafael_Marques)

Quando lançaram os widgets no iOS eu falei que agora os widgets do Android seriam melhores vistos!!! E o design lembra muito uma mistura de iOS com a miui

Gustavo Guerra (@GustavoGuerra)

Curti o novo design, que agora deixa cada smartphone ainda mais personalizado de forma nativa, bastando usar um papel de parede para modificar as cores do sistema.

Felizmente o Google também seguiu a Apple dando mais atenção aos widgets, que estavam abandonados ali faz um tempinho.

Vamos ver o que mais o Android 12 tem a oferecer.

André Gorgen (@Banana_Phone)

Depois de anos eu finalmente fiquei empolgado com um Google I/O, adorei a nova cara do Android.

Luis Carllos (@XxxStrangeManxxX)

Bem vindos ao IOS da Google, tiveram que esperar a Apple fazer algo para tomarem uma decisão a respeito dos widgets…

Lucas Abreu (@lucasferabreu)

Ansioso pra ver o que a Samsung vai aprontar nas adaptações para a One UI…

Josué Junior (@Josue.Jr)

Achei muito bonita essa nova versão. Agora fico curioso pra saber se a Samsung vai fazer grandes alterações na One UI também

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Parece bem agradável mesmo. Curioso para ver como cada fabricante vai implementar, já que algumas preferem sua própria UI. Certamente será uma evolução para quem tem aparelhos com interfaces mais simples, ter esse refresco na parte cosmética do sistema.

Vítor Gomes Neves Oliveira (@vctgomes)

Gostei pra caramba e fiquei bem interessado nessas novas APIs de temas para apps de terceiros.

Certamente as fabricantes, como a Samsung e Xiaomi, q já tem temas, vão adorar isso, afinal, atualmente, a única coisa que mudava era os apps nativos.

Resta saber se os apps vão adotar o novo design e, se sim, quando vão fazer isso.

O WhatsApp tem um bom histórico e sempre segue as guidelines do sistema. Quando lançaram o Material Design, copiaram a risca todas as recomendações do Google. A questão é que certamente isso só irá chegar daqui muitos anos. Instagram e Facebook não devem trocar o seu design já consagrado. O Telegram é uma vergonha nisso… no iOS, nem segue as novas recomendações do iOS 11!!!

Lucas Pinheiro (@LucasMiller)

Concordo com os dois, só oq eu quero ver será as adaptações da OneUI a essa interface! Na OneUI 3.1, a Samsung já adotou uma linguagem mais clean, principalmente na aba de notificações, quero ver agora com o Android 12 e a provável OneUI 3.5 (4.0 deve ficar pro S22).

Mickey Sigrist (@Mickey)

Esteticamente achei que ficou muito bom (pelo menos considerando o que consegui ver aqui no post). Finalmente a Google deu mais atenção aos widgets, que estavam abandonados há anos.

Rafael Moreira (@Rafael_Moreira)

Ficou da hora… a última vez que vi o Android sofrer grandes modificações na sua interface foi na versão 5.0, apesar do Pixel 2 XL está de fora oficialmente, o pessoal do xda developers deve dar um jeito.

Schio ☭ (@Sckillfer)

Com a nova material a Google deixa de vampirizar o webOS para a UX e parte pro Sailfish OS