Início » Negócios » Google teria escondido controles de localização no Android de propósito

Google teria escondido controles de localização no Android de propósito

Google também pressionou fabricantes para esconderem controles de localização, segundo documentos de ação judicial nos EUA

Bruno Gall De Blasi Por

O Android possui opções para controlar o acesso aos dados de localização nas configurações do sistema operacional. Os ajustes, no entanto, foram escondidos pelo Google de propósito para que os usuários não conseguissem limitar o alcance a essas informações com facilidade. É o que sugerem os documentos de um processo aberto contra a companhia nos Estados Unidos em maio do ano passado.

Celular Android (Imagem: Daniel Romero/Unsplash)

Celular Android (Imagem: Daniel Romero/Unsplash)

Os relatos partem de uma ação judicial movida pelo procurador-geral do Arizona, Mark Brnovich. Na ocasião, o Google foi acusado de coletar a localização dos usuários mesmo quando optavam por desativar o rastreamento. Agora, segundo o Insider, a empresa pode ter dificultado o acesso às configurações intencionalmente.

É o que mostram as evidências e testemunhos de funcionários. De acordo com documentos não editados da ação, os engenheiros e executivos tinham conhecimento da complexidade para se chegar aos ajustes de localização. A companhia também tentou convencer outras fabricantes de celulares Android a fazerem o mesmo.

Os documentos sugerem que o Google via o acesso mais simples a essas opções de privacidade como um “problema”, pois os usuários passavam a utilizá-la com mais frequência para limitar a coleta de informações. A solução, neste caso, seria esconder estes ajustes nas configurações do sistema operacional.

Os documentos ainda sugerem que o Google buscava a localizações dos usuários a partir de outros meios. Seria o caso de informações de aplicativos de terceiros e de redes Wi-Fi, por exemplo, conforme observado pelo site especializado.

Ao The Verge, o Google disse que Brnovich e seus concorrentes que estão conduzindo o processo “se esforçaram para descaracterizar” seus serviços. A empresa também destacou que sempre incorporou recursos de privacidade em seus produtos e forneceu controles robustos à localização. “Estamos ansiosos para esclarecer as coisas”, concluíram.

Com informações: Android Police, CNET, Insider e The Verge

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando