Início » Antivírus e Segurança » JBS sofre ataque hacker e suspende operações em vários países

JBS sofre ataque hacker e suspende operações em vários países

Ataque hacker prejudica operações da JBS principalmente na Austrália; no país, todas as unidades da companhia foram paralisadas

Emerson Alecrim Por

Maior processadora de carne bovina do mundo, a brasileira JBS sofreu um ataque hacker no último fim de semana que pode ter comprometido as suas operações em vários países. O problema parece ter sido mais grave na Austrália, mas existe a suspeita de que unidades da companhia em países como Canadá, Estados Unidos e Reino Unido também tenham sido seriamente afetadas.

Unidade da JBS no Brasil (imagem: divulgação/JBS)

Unidade da JBS no Brasil (imagem: divulgação/JBS)

Até o momento, a JBS não se pronunciou oficialmente sobre o assunto. No entanto, o ataque foi confirmado nesta segunda-feira (31) por Brent Eastwood, CEO da JBS Austrália. O executivo relatou ao site Beef Central que, devido ao incidente, todas as unidades da companhia no país ficaram inoperantes.

Diante da dimensão do problema, Eastwood não soube informar quando as operações serão normalizadas. O executivo informou apenas que a empresa tem trabalhado para restabelecer seus sistemas e já comunicou o ataque às autoridades australianas, que acompanham o caso de perto.

O tipo de ataque que afetou a JBS é outro detalhe ainda desconhecido, mas são grandes as chances de o agente causador ser um ransomware, afinal, ações envolvendo esse tipo de malware estão em alta no mundo todo e têm como consequência justamente a paralisação de sistemas em um nível que impede as operações da organização afetada.

A JBS está por trás de dezenas de marcas ligadas ao setor de alimentos, como Friboi, Swift, Seara, Pilgrim’s e Moy Park. Esses e os demais negócios fazem a companhia ser a segunda maior produtora de alimentos do mundo e a maior de proteína animal.

Com base nisso, fica fácil concluir que os efeitos de uma paralisação como essa podem ser devastadores para a empresa.

Se o ataque for mesmo de grande escala, como aparenta ser, é possível que as operações brasileiras também tenham sido prejudicadas, mas, pelo menos por ora, não há informação sobre isso.

O Tecnoblog pediu um posicionamento sobre o assunto à JBS. A assessoria de imprensa da companhia nos enviou uma nota emitida pela JBS USA, que está cuidando do caso (em tradução livre):

A JBS USA concluiu que foi alvo de um organizado ataque de segurança cibernética que afetou alguns dos servidores que mantêm seus sistemas de TI norte-americanos e australianos.

A companhia tomou medidas imediatas, suspendendo todos os sistemas afetados, notificando as autoridades e ativando a rede global de profissionais de TI da empresa, além de especialistas terceirizados para resolver a situação.

Os servidores de backup da companhia não foram atingidos e agora trabalhamos ativamente com uma empresa de resposta a incidentes para restaurar os sistemas o mais rápido possível.

Neste momento, a empresa não tem nenhuma evidência de que dados de clientes, fornecedores ou funcionários tenham sido comprometidos ou utilizados indevidamente como resultado da situação. A resolução do incidente levará tempo, o que pode atrasar determinadas transações com clientes e fornecedores.

JBS USA

Com informações: Bleeping Computer.

Atualizado às 18:55 com o posicionamento da JBS.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando