Início » Jogos » Hackers invadem EA Games e roubam dados de FIFA 21 e Battlefield

Hackers invadem EA Games e roubam dados de FIFA 21 e Battlefield

Electronic Arts sofre ataque hacker e tem códigos-fonte de games roubados; a empresa garante a segurança dos dados de jogadores

Murilo TunholiPor

A desenvolvedora Electronic Arts foi alvo de um ataque hacker nesta quinta-feira (10) e teve diversos dados roubados, como os códigos-fonte de FIFA 21 e da engine gráfica Frostbite — usada para criar jogos da franquia Battlefield, por exemplo. De acordo com a Vice, os arquivos da empresa estão sendo vendidos em um fórum exclusivo para hackers.

Todos os times, ligas e estádios do FIFA 21 / Divulgação / EA

FIFA 21 (Imagem: Divulgação/EA Sports)

Uma fonte da Vice com acesso ao fórum disse que os hackers estariam alegando ter “total capacidade de explorar todos os serviços da EA” com os dados. Os invasores afirmam ter 780 GB de arquivos, incluindo os códigos-fonte de FIFA 21 e da engine Frostbite, além de kits de desenvolvimento de software e frameworks da Electronic Arts.

Os hackers também publicaram algumas capturas de tela para provar que eles haviam acessado os bancos de dados da desenvolvera. Porém, nenhuma imagem mostrava os arquivos em detalhes. O acesso às informações estaria sendo vendido pelos invasores para outras pessoas.

EA garantiu que os dados de usuários não foram afetados

A EA confirmou os ataques, mas garantiu que as informações pessoais dos jogadores não foram comprometidas. Um representante da empresa enviou um comunicado para a Vice, explicando toda a situação.

Estamos investigando um recente incidente de invasão em nossa rede, no qual uma quantidade limitada de códigos-fonte de jogo e recursos de desenvolvimento foram roubados. Nenhum dado dos jogadores foi acessado e não temos motivos para acreditar que haja qualquer risco para a privacidade dos usuários. Após o incidente, já fizemos melhorias na segurança e não esperamos nenhum impacto em nossos jogos ou negócios. Estamos trabalhando ativamente com as autoridades e outros especialistas nesta investigação criminal.

Electronic Arts, em e-mail.

Com informações: Vice.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando