Início » Jogos » Criadora de PUBG planeja faturar US$ 5 bilhões em estreia na bolsa de valores

Criadora de PUBG planeja faturar US$ 5 bilhões em estreia na bolsa de valores

A Krafton pretende abrir seu capital em 22 de julho, com as ações custando até US$ 498,36 cada uma, segundo a Bloomberg

Murilo Tunholi Por

A Krafton, desenvolvedora de PlayerUnknown’s Battlegrounds (PUBG), planeja faturar US$ 5 bilhões (cerca de R$ 25,3 bilhões) com um IPO na sua estreia na Bolsa de Valores da Coreia do Sul. As informações são da Bloomberg, a qual ainda informa que a produtora pretende vender mais de 10 milhões de ações a preços entre US$ 409,78 (R$ 2,1 mil) e US$ 498,36 (R$ 2,5 mil) cada uma.

PUBG (Imagem: Divulgação/PUBG Corporation)

PUBG (Imagem: Divulgação/PUBG Corporation)

Segundo a Bloomberg, a Krafton deve decidir o preço final das ações em 9 de julho e abrir as ofertas no dia 22. Se a previsão for acertada, a empresa pode chegar ao valor de mercado de US$ 24,7 bilhões (R$ 124,8 bilhões). Com isso, a produtora se tornaria uma das desenvolvedoras de jogos mais valiosas do mundo.

Em comparação, a Epic Games — criadora de Fortnite, da Epic Games Store e do motor gráfico Unreal Engine — foi avaliada recentemente em US$ 28 bilhões (R$ 141,5 bilhões). Contudo, há empresas ainda maiores na indústria de games, como a Roblox Corporation, que alcançou US$ 45,3 bilhões (R$ 229 bilhões) em valor de mercado, em março deste ano.

Se a Krafton seguir com os planos, ela pode bater o recorde de maior estreia entre as empresas sul-coreanas, anteriormente detido pela Coupang Inc., que arrecadou US$ 4,6 bilhões (R$ 23,2 bilhões) em um IPO na Bolsa de Valores de Nova York, em março de 2021.

Krafton depende do desempenho de PUBG para lucrar

O obstáculo da Krafton é a dependência quase total de PUBG, seu game de maior sucesso, até o momento. Além do Battle Royale, a desenvolvedora foi responsável pela criação dos MMORPGs Tera e Elyon – Ascent: Infinite Realm, assim como alguns jogos mobile de esportes casuais, como golfe e boliche. Porém, nenhum desses títulos garante tanto retorno quanto PUBG.

A Bloomberg destacou que os analistas de mercado estariam preocupados com a queda no rendimento da Krafton após o ápice da pandemia da COVID-19. Com as quarentenas, as empresas de games passaram a lucrar mais, pois mais pessoas ficavam jogando em casa.

No primeiro trimestre deste ano, porém, a criadora de PUBG viu as vendas caírem 11,6% e o lucro operacional cair 33% em comparação com o mesmo período de 2020.

Com informações: Bloomberg, VentureBeat.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando