Início » Aplicativos e Software » Microsoft cogita liberar Windows 11 para processadores Intel e AMD “antigos”

Microsoft cogita liberar Windows 11 para processadores Intel e AMD “antigos”

Microsoft diz que limita Windows 11 a processadores Intel de 8ª geração, AMD Zen 2 e posteriores devido a compatibilidade, confiabilidade e segurança

Felipe Ventura Por

Um levantamento do Tecnoblog mostrou que, de acordo com as exigências da Microsoft, o Windows 11 não poderá rodar em processadores AMD e Intel lançados antes de 2017. A empresa abriu a possibilidade de liberar o novo sistema para chips Core i3, i5 e i7 de 7ª geração, além do AMD Zen 1 – mas não para CPUs mais “antigos” que isso.

Asus ZenBook com Windows 11 (Imagem: Divulgação)

Asus ZenBook com Windows 11 (Imagem: Divulgação)

Três motivos para Windows 11 usar CPUs recentes

A Microsoft menciona três princípios internos para limitar o Windows 11 a processadores Intel de 8ª geração, AMD Zen 2 e posteriores; esses modelos “atenderão aos nossos princípios de segurança e confiabilidade e requisitos mínimos de sistema”.

Estes são os três princípios citados pela empresa:

  • compatibilidade: o Windows 11 adotou requisitos mínimos alinhados com o Office e o Microsoft Teams, que exigem processador dual-core com mais de 1 GHz, 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento;
  • confiabilidade: os CPUs suportados pelo Windows 11 adotaram um modelo novo de driver da Microsoft, além de receberem atualizações da fabricantes do PC e do chip, garantindo “uma experiência de 99,8% livre de falhas”;
  • segurança: os processadores liberados para o Windows 11 têm suporte a Secure Boot, além de um módulo TPM (Trusted Process Module) integrado no firmware, que pode ser ativado na BIOS.

Esses recursos de segurança embutidos no hardware permitem habilitar proteções como login via Windows Hello, criptografia de dispositivo, segurança baseada em virtualização (VBS) e integridade de código protegido por hipervisor (HVCI). Isso reduziu em 60% a incidência de malware em dispositivos testados.

Windows 11 Insider roda em processadores sem suporte

Ainda assim, a Microsoft liberou o Windows 11 no programa Insider para PCs que não atendem a esses requisitos mínimos. Segundo ela, a ideia é saber como o sistema se comporta em processadores Intel de 7ª geração e AMD Zen 1 “para nos fornecer mais dados sobre desempenho e segurança”.

Ou seja, ainda existe a chance de que a lista de processadores suportados pelo Windows 11 seja expandida, mas nem tanto. Se você tem um Intel de 6ª geração ou anterior, assim como eu, talvez seja melhor se acostumar ao Windows 10 – ele receberá atualizações até 2025.

Claro, como a Microsoft vai abrir exceções para instalar o Windows 11 em alguns PCs sem módulo TPM, pode ser que existam formas de usar o novo sistema em computadores mais antigos.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
21 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

² (@centauro)

Provavelmente vai depender de quanto o povo (com mais ênfase nos clientes corporativos) chiarem.

Lucas Gasparotto (@TyrMenethil)

Ah lá, mal terminei um comentário e a MS já tá abrindo mão dos requerimentos.

Alisson Santos (@alisson)

Acho que Microsoft vai voltar atrás nas exigência em algum momento entre o lançamento do Windows 11 em novos PCs e a liberação em forma de atualização para quem tem o Windows 10. Se não fizer isso vai por em risco o marketshare do sistema. Agora que virou uma empresa de serviços em vez de empresa de software, é mais negócio fazer com que o Windows rode até em calculadora científica.

Jhonny (@jokalokao)

Nem tanto, as empresas geralmente seguram esse tipo de update pra não dar problema de estabilidade. Se o update sair em 2022 como previsto, só em 2023 ou 2024 chega nas empresas

William S. (@ouileeam)

Eu instalando a versão dev pelo programa insider e automaticamente virando um ratinho de laboratório pra provar pra Microsoft que meu i3 7th gen dá conta do recado

Mauro (@Mauro)

Rodando lisinho aqui no meu PC com i7 PRIMEIRA GERAÇÃO com 11 anos de idade o.O

Não volto pro Windows 10 mais nunca hehehe

Tori Niwikari (@Tori)

Seu PC vai parecer um big brother brasil da Microsoft de tanta telemetria.

Até cogitei ativar o Windows Insider (já que não sai do programa), mas… Meu Windows 10 tá tão redondinho.
Sem telemetria, sem updates do nada, sem microsoft enchendo meu saco.
Coisa boa.

² (@centauro)

É, mas se as empresas não tiverem previsão de atualizar o hardware até 2023/2024, dai elas vão chiar agora.

A não ser que o comum seja as empresas trocarem o hardware quando atualizam o SO.

Athos Castro Moreno (@Athosbr99)

eu tenho um i3-6006U, instalei via atualização do Windows Update com o Insider e tá funcionando normal, vamos ver se continuam com essa restrição ao passar do tempo

Adriano Angelo (@Angelo)

Intel 6ª geração tem TPM 2.0, Secure Boot, Virtualização. Só questão de tempo.

Athos Castro Moreno (@Athosbr99)

deixo essa perola registrada:
image1033×674 74.3 KB