Início » Brasil » Ônibus, metrô e trem do Rio aceitam pagamento por aproximação com celular

Ônibus, metrô e trem do Rio aceitam pagamento por aproximação com celular

Riocard Mais anuncia Cartão Digital para pagar passagens de ônibus, metrô, trem e afins com o celular por aproximação (NFC)

Bruno Gall De Blasi Por

Os moradores do Rio de Janeiro já podem pagar as passagens de ônibus, metrô, trem e afins com o seu smartphone. Nesta segunda-feira (5), os modais da região começaram a aceitar o pagamento por aproximação (NFC) através de um aplicativo da Riocard Mais. O recurso está limitado a celulares Android e não tem previsão para chegar ao iPhone.

Cartão Digital Riocard Mais no celular (Imagem: Bruno Gall De Blasi/Tecnoblog)

Cartão Digital Riocard Mais no celular (Imagem: Bruno Gall De Blasi/Tecnoblog)

A transação é realizada pelo aplicativo Cartão Digital + Valida Mais, antes conhecido como Valida Mais. Pelo app, é possível criar um Cartão Digital Riocard Mais para pagar as passagens via NFC. Depois, o usuário só precisa colocar crédito no bilhete eletrônico, acionar o recurso e aproximar o celular do validador para fazer o pagamento.

O recurso já está disponível em ônibus municipais e intermunicipais, BRT, metrô, trem e em boa parte das vans legalizadas. Ainda assim, nem todos os validadores contam com suporte à nova tecnologia até o momento. Mas é possível verificar o ritmo de adoção do recurso através desse site: aceitocartaodigital.riocardmais.com.br.

Segundo o site na manhã desta terça-feira (6), 86% dos validadores do metrô já têm suporte ao pagamento da passagem por aproximação. Em relação aos trens, a tecnologia está disponível em 94% dos dispositivos. A exceção fica para as estações Central, Honório Gurgel, Lages, Magé, Mangueira e Senador Camará.

A plataforma ainda exibe o aviso “em breve” ao selecionar alguns modais. É o caso das barcas, do corredor TransOlímpica (BRT) e do VLT. Além disso, a tecnologia já se encontra presente em 18% das estações do corredor TransCarioca e 27% do corredor TransOeste. Quanto aos ônibus, a proporção varia de acordo com as empresas.

“Com a substituição gradativa dos validadores, o novo cartão vai ter o seu alcance ampliado, facilitando ainda mais a experiência do cliente. Mas como é uma novidade, não tem ainda todas as aplicações já disponíveis em outros dispositivos de pagamento”, disse Melissa Sartori, gerente de marketing da Riocard Mais. “Por enquanto, funciona apenas como cartão Expresso e não é capaz de fazer ainda integrações entre meios de transporte”.

Cartão Digital Riocard Mais já está disponível para Android

Para ter acesso à novidade, é preciso ter um celular Android com NFC. Depois, será necessário instalar o aplicativo Cartão Digital + Valida Mais no smartphone, realizar o cadastro e criar um novo Cartão Digital pela própria plataforma. O app está disponível para download gratuito na Google Play Store (play.google.com).

Após realizar o procedimento, será preciso recarregar o novo passe. A plataforma para incluir saldo no Cartão Digital permite que o pagamento seja realizado através de cartões de débito ou crédito e via Pix. Depois, em um ônibus, por exemplo, é só apertar em “Pagar passagem”, digitar a senha e aproximar o celular do validador.

Não é preciso ter acesso à internet para realizar o pagamento de passagens.

Com informações: Diário do Transporte e Extra

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
8 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@ksio89

Complicado que NFC ainda é considerado artigo de luxo no Brasil, não acompanho o mercado em 2021, mas em 2019 e 2020, muitas fabricantes avarentas removeram o recurso de modelos que tinha na geração anterior ou em modelos equivalentes, como o Moto G8, para lucrar mais. E fizeram isso justamente quando o pagamento por aproximação explodiu durante a pandemia.

E com a disparada do dólar e aumento geral de preços de smartphones, o recurso ficou restrito a modelos cada vez menos acessíveis.

Felipe Silva (@Felipe_Silva)

A questão é que elas removeram antes da explosão de uso pois ninguém dava bola, tu não via em nenhuma analise do celular alguém colocar como um contra a ausência de NFC, isso deve começar a mudar nos modelos de 2022 (afinal temos um delay entra o que o mercado pede e esses produtos chegarem nas prateleiras).

E espero que o pessoal do tecnoblog quando analisar um celular coloque lá na ficha técnica se tem NFC ou não, nos pouparia de fica procurando essa informação em outras fontes.

André (@andre00)

Haja coragem pra entrar num ônibus aqui no RJ mostrando o celular assim.

imhotep (@imhotep)

Foi-se o tempo em q dava pra andar com celular à vista no Rio.
Eu até deixava na praia, enquanto ia no mar.

Alessandro Johnny (@alejohnny)

Bem inútil, o cartão virtual não conversa com o cartão físico.
Então você fica com dois cartões, o físico que é o que você usa regularmente e o virtual, que é um cartão novo, sem crédito e não há como transferir ou compartilhar o saldo de um com o outro. Tem que comprar.

Também não é possível adicionar o cartão virtual no app do RioCard Mais pra acompanhar os saldos dos cartões em um lugar só. 🤷