Início » Jogos » Assassin’s Creed Infinity será novo jogo da série e em formato “vivo”

Assassin’s Creed Infinity será novo jogo da série e em formato “vivo”

Assassin's Creed Infinity ainda não tem data para sair, mas deve ser um dos maiores projetos da Ubisoft envolvendo a série até agora

Felipe Vinha Por

Assassin’s Creed Infinity deve ser o nome do próximo jogo da série da Ubisoft e ele será lançado como um “live service”, ou simplesmente “serviço”, uma espécie de “jogo vivo” e em constante atualização. A novidade partiu de uma reportagem do Bloomberg e logo depois foi confirmada pela própria Ubisoft, em seu blog oficial.

Assassin's Creed Infinity não tem previsão para sair (Imagem: Reprodução)

Assassin’s Creed Infinity não tem previsão para sair (Imagem: Reprodução)

Para quem não sabe do que se trata um “jogo vivo”, é assim que chamamos games que não necessariamente recebem continuações, mas sim atualizações constantes. Alguns exemplos mais famosos são League of Legends, Fortnite, Apex Legends e Free Fire. São games que estão sempre mudando, mas com novidades que chegam via Internet e não com novas versões, lançadas anualmente.

Assim, Assassin’s Creed Infinity seria um jogo que sempre mudaria, passando por várias épocas diferentes da história e do tempo – daí o nome “Infinity”, ou “Infinito”, no nosso idioma. Não se sabe, porém, em que época o game deve começar.

No seu post no blog, a Ubisoft comenta que Infinity é apenas um nome inicial, então ele pode mudar. Além disso, a produtora revelou que o jogo está em estágios iniciais de desenvolvimento, por isso temos que esperar um pouco mais para ter outras novidades divulgadas.

Problemas na Ubisoft

A mesma reportagem da Bloomberg que fala sobre o game, porém, também diz que problemas internos continuam na Ubisoft, inclusive no time que vai produzir o novo Assassin’s Creed. De acordo com a reportagem, apesar de várias denúncias envolvendo a conduta de funcionários e diretores ao longo de 2020, muitos destes nomes continuam na empresa e estão ligados a este projeto.

A Ubisoft comentou a questão e garantiu, contudo, que os funcionários investigados não continuarão na empresa, se comprovadas as condutas condenáveis.

Com informações: Bloomberg.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando