Início » Jogos » CoD: Warzone Tracker volta a funcionar após acordo com Activision

CoD: Warzone Tracker volta a funcionar após acordo com Activision

Activision libera uso do Warzone Tracker após alegar que o aplicativo fornecia vantagens ilegais em Call of Duty: Warzone

Murilo Tunholi Por

O Warzone Tracker, um aplicativo de estatísticas de Call of Duty: Warzone, voltou a funcionar, após ser desativado pela Activision. Segundo a empresa, o app — que era associado ao software Overwolf — poderia ser usado para impulsionar os jogadores, evitar filas ou enganar o sistema de matchmaking por habilidade do Battle Royale. Depois de muita discussão, a produtora permitiu que o programa fosse reativado.

Call of Duty: Warzone (Imagem: Divulgação/Activision)

Call of Duty: Warzone (Imagem: Divulgação/Activision)

Com o Warzone Tracker, os jogadores podem saber dados das partidas em tempo real. Para isso, porém, é preciso baixar no PC um aplicativo que roda junto de CoD: Warzone. Antes, esse app ficava dentro da interface do programa da Overwolf, que também foi bloqueado pela Activision.

Na época, a empresa incluiu uma atualização em Call of Duty: Warzone que não deixava o software ser aberto enquanto o Battle Royale estivesse aberto no computador e vice-versa.

A Overwolf chegou a entrar em contato com a Activision para entender o motivo do bloqueio. Em resposta, a desenvolvedora alegou que o Warzone Tracker estaria oferecendo vantagens ilegais aos jogadores. O CEO da Overwolf, Uri Marchand, disse ao Eurogamer que havia negado todas as acusações.

Para o líder de growth e desenvolvimento de negócios da Tracker Network, Asaf Livne, o Warzone Tracker foi criado para mostrar informações brutas sobre os jogadores nas partidas, como o histórico de partidas. O app não mostra, por exemplo, se os adversários estão usando hacks ou as configurações dos periféricos de cada um, como sensibilidade da mira.

Após algum tempo, a Activision entendeu o funcionamento do programa e liberou o uso do Warzone Tracker e do Overwolf com o Battle Royale. No acordo, a Overwolf prometeu remover da plataforma quaisquer aplicativos cujas ferramentas interfiram no matchmaking natural de CoD: Warzone.

Site SMBB Warzone também foi derrubado pela Activision

Em março deste ano, o site SMBB Warzone — o maior portal de estatísticas de CoD: Warzone na web — também foi derrubado pela Activision. Nesse caso, o bloqueio aconteceu porque o site usava a API da desenvolvedora para conseguir dados sobre jogadores e partidas, violando os termos de uso do Battle Royale.

A Activision ainda disse que a ferramenta “desrespeitava diversas políticas de privacidade dos EUA e da Europa ao divulgar dados de usuários publicamente”. Até o momento, o SMBB Warzone continua offline.

Com informações: Eurogamer.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando