Início » Telecomunicações » AT&T vende DirecTV Go e Sky Brasil após prejuízo de US$ 4,6 bilhões

AT&T vende DirecTV Go e Sky Brasil após prejuízo de US$ 4,6 bilhões

Vrio, controladora da DirecTV e Sky Brasil foi vendida ao Grupo Werthein em meio a desconexões no setor de TV paga; valor do negócio não foi divulgado

Lucas Braga Por

A Vrio Corp, subsidiária da AT&T que controla empresas como Sky Brasil e DirecTV Go, foi vendida para o Grupo Werthein, uma empresa argentina que atua com serviços financeiros, agricultura e telecomunicações. O valor do negócio não foi divulgado e compreende as operações da América Latina e Caribe.

App do DirecTV Go (Imagem: Reprodução/App Store)

App do DirecTV Go (Imagem: Reprodução/App Store)

O acordo entre AT&T e Grupo Werthein compreende 100% do patrimônio da Vrio, incluindo a Sky no Brasil, a DirecTV na América Latina e o serviço de IPTV DirecTV Go. Ao todo, são 10,3 milhões de assinantes distribuídos na Argentina, Brasil, Barbados, Chile, Colômbia, Curaçao, Equador, México, Peru, Trindade e Tobago e Uruguai

A transação não inclui as operações de banda larga na Colômbia, e nem o interesse da AT&T na Sky mexicana, operada pelo grupo Televisa. Apesar do valor da venda não ter sido divulgado, a Vrio tem um prejuízo de US$ 4,6 bilhões que deverá ser assumido pelo grupo comprador.

O negócio ainda precisa ser aprovado por órgãos reguladores, incluindo o Cade e a Anatel por conta da operação brasileira da Sky. A AT&T afirma que todos os colaboradores continuarão na operação até a conclusão do acordo, e os funcionários da Vrio das operações regionais serão transferidos para o Grupo Werthein.

Para a AT&T, o desinvestimento da Vrio permitirá um aumento no foco em investimentos de conectividade. A empresa é a maior operadora de telecomunicações dos Estados Unidos, com mais de 180 milhões de clientes de telefonia móvel e extensa base de assinantes de TV e banda larga fixa.

AT&T comprou DirecTV por US$ 49 bilhões em 2014

Em 2014, a AT&T comprou a DirecTV por US$ 49 bilhões. Esse valor também incluiu a operação de TV paga nos Estados Unidos, que não foi vendida ao Grupo Werthein.

Em 2021, dá pra dizer que a aquisição da DirecTV foi um péssimo negócio para a AT&T. A empresa comprou uma grande operadora de TV por assinatura num momento em que muitos usuários trocaram o serviço tradicional por apps de streaming como Netflix e Amazon Prime Video. Nos Estados Unidos, o impacto foi ainda maior com o surgimento de plataformas de IPTV como o YouTube TV ou Sling TV.

No Brasil, o setor de TV paga também está derretendo: quase 5 milhões de contratos foram desativados nos últimos cinco anos; considerando apenas a Sky, houve redução de 1,4 milhão de assinantes.

Os planos atuais da Sky são muito caros: a operadora recentemente lançou um novo decodificador com sistema operacional Android TV que só está disponível em planos a partir de R$ 319,90 por mês. A operadora perde clientes para plataformas de streaming que custam muito menos, mas principalmente para serviços piratas de IPTV, que costumam vender o pacote completo por menos de R$ 40 mensais.

Uma aposta promissora da Vrio foi o lançamento do DirecTV Go, um serviço legítimo de IPTV que tem canais de TV paga por um preço razoável. No entanto, o aumento de 17% na mensalidade não agradou o público e há grande concorrência com outras plataformas, como o Claro Box TV.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
18 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

 • 令和 • Ward'z de Souza 🇯🇵🎌🦊🔥 - Risonho e Límpido (@Wardz_de_souzA)

Pronto, agora vou ter que achar um substituto pro DirecTV GO.

João M. (@RonDamon)

O povo quer precinho baixo nos IPTVs legalizados mas só dá prejuízo pra eles ter q licenciar tudo heuehuehuehu, é praticamente inviável.

Everton Favretto (@evefavretto)

Agora que a AT&T tá precisando fechar as contas eles passam adiante a Vrio (e a Sky Brasil por tabela), mas quando era pra cumprir a lei do SeAC meteram os dedos nas orelhas e ficaram lalalalala

Luis Carllos (@XxxStrangeManxxX)

“Em 2021, dá pra dizer que a aquisição da DirecTV foi um péssimo negócio para a AT&T”

DirecTV e Timer Warner, as duas empresas que fizeram a AT&T quase ir para o buraco.

Espero que a DirecTV melhore, porque aquele app deles é uma verdadeira b#sta.

Alisson Santos (@alisson)

Será que impactará na relação da Directv Go com o HBO Max e os canais HBO oferecidos gratuitamente?

LengoTengo (@LengoTengo)

Quando eu tô satisfeito com o DirecTV Go vem uma coisa dessa. Marrapaz…

Renato Sacramento (@Renato_Sacramento)

O mercado de tv por assinatura tradicional é incapaz de se reformular. Incrível como a Sky, citada no texto, consegue ainda ter planos assim (319 reais). Só quem paga essas tralhas são clientes relapsos, desatentos às opções existentes no mercado e com grana pra bancar isso sem sentir. Mas como o país é feito de uma maioria esmagadora de pessoas “sem” grana, é óbvio que todos correrão atrás do serviço mais em conta.

Isaquiel M. (@isaquiel)

A maioria das pessoas que assinam SKY dividem pontos. Aí cada um paga um pouco. Conheço umas 8 pessoas que fazem isso aqui na cidade

Benchimol (@Benchimol)

Sou um desses, somos 6 no total. Não tem condição de pagar um pacote pra ter 1 ou 2 canais de filme e 1 pay per view de esporte (qualquer canal, conmebol, premiere ou combate). O preço hoje passa dos 600 reais, mas isso por conta do aluguel dos pontos adicionais, mas sem os pontos, chegaria aos mais de 500 reais tranquilamente. IPTV ainda acho um pouco complicado, sempre tem dias que a Internet não tá lá essas coisas, pra quem gosta de esporte acho complicado, sem falar da ilegalidade. Entao é um jeito de pagar pra ter um serviço mais ou menos, mesmo que também seja errado.

Jedielson (@Jedielson)

Após o período contratual de dois ou cinco anos, com certeza.

Felipe Silva (@Felipe_Silva)

No contrato fala que só podem ser instalados os pontos na mesma residência, então é ilegal sim, só que fazem vista grossa. Só que tenta pedir suporte fora do endereço de cobrança pra ver se vão te atender de graça.