Início » Jogos » Como ligar um console de videogame antigo numa TV nova com HDMI

Como ligar um console de videogame antigo numa TV nova com HDMI

Quer curtir seu Mega Drive, Nintendo 64 ou PlayStation 1? Siga nossas dicas e aprenda como ligar videogame antigo em TV nova

Ricardo Syozi Por

Jogar consoles como o Super Nintendo, PlayStation 2 ou Mega Drive não é uma tarefa fácil hoje em dia. Tirar o pó de seu sistema original é só o primeiro passo, mas logo em seguida vem aquela pergunta: Como ligar o videogame antigo em TV nova? Muitas televisões modernas não têm a entrada usada nos anos 80 e 90. Então, se liga nessas dicas do Tecnoblog para conseguir curtir aquele jogo que lhe traz tanta nostalgia.

Você sabia que dá para jogar seu SNES em televisão HDMI? (Imagem: Enrique Guzmán Egas/Unsplash)

Você sabia que dá para jogar seu SNES em televisão HDMI? (Imagem: Enrique Guzmán Egas/Unsplash)

Videogame antigo como PS1 e Mega Drive em TV nova

Se você possui um videogame mais antigo em sua coleção, mas notou que a sua televisão não tem entrada para aquele famoso cabo conhecido como AV (com três pontas nas cores amarelo, branco e vermelho) ou para cabo componente (aquele com cinco pontas de cores diferentes), fique sabendo que ainda é possível curtir seus jogos com ótima qualidade.

Lembrando que não estou me referindo ao simples ato de jogar, pois para isso há opções como ports para consoles atuais como o PS5, Xbox Series e Nintendo Switch, além de emuladores e os consoles minis. O foco deste artigo é mostrar como ligar um console de videogame antigo em uma TV mais nova com entrada HDMI. Confira nossas dicas.

1. Verifique se o videogame antigo tem a saída necessária

Não são todos os consoles que têm a saída necessária para conexão com televisões com HDMI. Videogames antigos como o Atari 2600 e o Master System 3 (versão TecToy) só têm a saída RF, uma ainda mais velha do que a AV. O que confere uma qualidade de imagem com chiados, sendo pouco agradável para padrões modernos.

Master System em TV nova

Há muitos jogos bons para conhecer no Master System (Imagem: Hello I’m Nik/Unsplash)

Com isso, dependendo do upscaler (mais abaixo) que você irá atrás, é capaz de haver a necessidade de alteração interna no console. Nesse caso, sugiro a busca por um especialista no assunto. Dentre os modelos que exigem essa modificação, estão:

  • NES;
  • Master System;
  • Atari;
  • Nintendo 64.

Os demais consoles podem ser ligados nas TVs com o upscaler, sem dores de cabeça.

2. Conheça o upscaler

No geral, o acessório que você vai precisar para jogar seu videogame antigo em TV nova chama-se upscaler (ou escalonador). Resumindo, é um item que pega o sinal de imagem do console e o eleva para uma resolução mais alta, normalmente enchendo a tela. Um Super Nintendo, por exemplo, tem resolução de saída de 240p. Ao usar um upscaler, isso pode chegar a 1080p (Full HD).

Isso é diferente de conversores que encontramos na internet, pois estes apenas pegam a imagem e a jogam sem nenhuma alteração para a televisão. O principal problema desses conversores baratos é que a qualidade de imagem não será satisfatória, além de receber a terrível visita do lag, aquele atraso desconfortável entre o apertar de botão e a ação ocorrer na TV.

Imagine jogar Sonic em seu Mega Drive e precisar desviar de um inimigo em um momento de pura reação, se o lag surgir, você pode perder uma preciosa vida nesse processo.

A verdade é que se está atrás do máximo de representação visual e competência entre console e tela, então terá que abrir a carteira. Jogar videogame antigo em TV nova e moderna é custoso.

Mega Drive rodando em televisão moderna

X-Men rodando no Mega Drive com Retrotink 5X-Pro (Imagem: RetroRGB / YouTube)

3. As opções para ligar videogame antigo em TV nova

Agora que sabe da importância de um upscaler para fazer o console antigo funcionar em uma TV com HDMI, conheça alguns modelos disponíveis no mercado e recomendados pela comunidade de retrogaming.

Cabos RAD2X

Os cabos RAD2X são puramente plug and play. Eles são boas peças para iniciantes nesse mundo retrogame, garantindo uma resolução satisfatória e uma latência baixa (o tal do lag). É o mais barato entre os populares (custando em média 368 reais), porém cada cabo é específico para cada console.

RAD2X para videogame antigo em TV nova

O cabo RAD2X é plug & play (Imagem: YouTube / MetalJesusRocks)

Retrotink 5X-Pro

Este acessório é, em 2021, o santo graal entre os apaixonados por upscalers. A sua praticidade é incrível, aceitando como entrada cabos variados desde o AV ao SCART (muito usado na Europa). Até mesmo a sua configuração é extremamente tranquila, sendo praticamente um plug & play. Além de qualidade, esta é a forma mais tranquila de jogar videogame antigo em TV nova com HDMI.

Infelizmente há dois problemas relacionados ao aparelho: seu alto preço (300 dólares) e a dificuldade em reservar um na loja oficial. Por outro lado, jogar seu PlayStation 2, Nintendo 64 ou Dreamcast por esse upscaler é de cair o queixo.

Retrotink 5X Pro é perfeito para jogar videogame antigo em TV nova

Retrotink 5X Pro (Imagem: Divulgação / Retrotink)

Open Source Scan Converter

Também conhecido como OSSC, o Open Source Scan Converter já é usado há bastante tempo. Por ser um item de código aberto, qualquer pessoa com conhecimento nesse quesito pode montar o seu. Suas funcionalidades têm desde uma imagem clara a 1080p à uma reprodução de cores bem competente.

Imagine conferir o seu Sega Saturn com gráficos em alto nível em sua televisão com HDMI. A desvantagem do OSSC é ser mais complicado de configurar do que os anteriores, exigindo do usuário um pouco mais do que boa vontade.

OSSC é ótimo para jogar jogos antigos em televisão moderna

O OSSC consegue fazer imagens lindas (Imagem: Wulff Den/YouTube)

GBS-Control

O GBS-Control é similar ao OSSC, mas de cara tem algo que nenhuma das opções acima tem: está em terras brasileiras. Assim como o Open Source Scan Converter, este tem seu código-fonte aberto. Para um especialista, tudo o que é necessário é comprar as peças e juntá-las. Porém, se quiser algo montado, há uma empresa nacional chamada Gamescare que produz, monta e entrega esse escalonador prontinho.

Há até mesmo a opção de usar um aplicativo de celular para configurar opções de imagem. O preço continua salgado (566 reais), mas pode ser interessante ainda mais em comparação aos outros. Desta forma, jogar videogame antigo em TV nova fica mais tranquilo.

GBS Control funciona em videogame antigo em TV nova

O GBS Control da Gamescare é 100% nacional (Imagem: Divulgação/Gamescare)

E aí, vale o investimento?

Essa pergunta é difícil de responder, pois vai de encontro da necessidade de cada indivíduo. Se a sua vontade for a de saber como ligar videogame antigo na TV nova, mesmo se a imagem de seu Nintendo 64 não ficar a mais linda possível, um conversor qualquer será útil.

Agora se a sua intenção for a de conseguir a melhor imagem possível e quer jogar o seu PlayStation 1 ou seu Mega Drive sem se preocupar com lag ou texturas feias, então pensar em um upscaler faz todo o sentido. O investimento é, sem dúvida, alto, mas será recompensado com muita diversão e nostalgia.

Conta pra gente se você tem um videogame antigo em casa e se gostaria de jogá-lo em sua televisão moderna.

Jogue seu PlayStation 2 em TV nova

Tire o pó de seu PS2 e volte a jogá-lo (Imagem: Denise Jans/Unsplash)

Com informações: RetroRGB e GamesCare.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
6 usuários participando