Início » Jogos » Atomic Heart: shooter soviético parecido com Bioshock deve chegar em breve

Atomic Heart: shooter soviético parecido com Bioshock deve chegar em breve

Em estado final de polimento, Atomic Heart terá dois finais para a história; Mundfish promete desempenho estável no PS4

Murilo Tunholi Por

Um dos lançamentos mais aguardados dos últimos anos, Atomic Heart é um shooter soviético com atmosfera insana, gráficos fotorrealistas e gameplay parecida com Bioshock. Em desenvolvimento desde 2018 pelo estúdio russo Mundfish, mas ainda sem data de lançamento oficial, o jogo está na fase de final de polimento e pode chegar em breve para PCs e consoles.

Atomic Heart é um shooter soviético com gameplay parecida com Bioshock (Imagem: Divulgação/Mundfish)
Atomic Heart é um shooter soviético com gameplay parecida com Bioshock (Imagem: Divulgação/Mundfish)

Em um post de perguntas frequentes publicado no servidor de Atomic Heart no Discord, a Mundfish disse que não poderia anunciar uma data de lançamento por enquanto, mas adiantou que o jogo havia entrado no último estágio de desenvolvimento. “O game está pronto, agora ele esta em fase de polimento e montagem final”, garantiu a produtora.

Ainda entre as perguntas frequentes, a Mundfish revelou alguns detalhes sobre o enredo de Atomic Heart. Mesmo com história linear, a produtora contou que os jogadores vão encontrar uma bifurcação na história que poderá resultar em dois finais diferentes, dependendo das escolhas de cada um.

“Nós temos dois finais, mas não somos um RPG. Atomic Heart tem um enredo linear estrito e não se deve esperar muita variabilidade. Colocamos uma importante escolha moral nas mãos do jogador mais perto do final, porque queremos incentivar discussões entre a comunidade sobre temas que apresentamos na história. Queremos que vocês tirem suas próprias conclusões e tomem suas próprias decisões, sem serem influenciados por forças de cima”.

Mundfish.

A desenvolvedora também aproveitou para esclarecer dúvidas dos fãs em relação à performance do jogo em consoles da geração passada, em especial no PS4. Segundo a Mundfish, o videogame da Sony roda Atomic Heart com desempenho “bom e estável”. Não sabemos ainda se essa mesma afirmação vale para o Xbox One.

Confira o trailer mais recente de Atomic Heart:

Atomic Heart se passa na União Soviética de 1955

Mostrado pela primeira vez em 2018, Atomic Heart é classificado como um jogo de ação e aventura com mecânicas de tiro em primeira pessoa. Desde que foi revelado, o game se destacou pelos gráficos de altíssima qualidade e pela atmosfera insana com elementos retrofuturistas e criaturas geneticamente modicadas.

O enredo se passa no ano de 1955, em um universo paralelo onde a União Soviética prosperou e já tinha inventado tecnologias como internet, hologramas e robôs. O protagonista Major P-3 é um agente especial da KGB contratado pelo governo que deve eliminar as consequências de um grave acidente em uma fábrica e impedir o vazamento de informações confidenciais para o resto do mundo.

Para dizimar as criaturas geneticamente modificadas e avançar pelos quebra-cabeças no decorrer da história, os jogadores vão contar com um arsenal de armas customizáveis, incluindo uma luva poderosa capaz de alterar a gravidade, hackear eletrônicos e disparar eletricidade, no melhor estilo de Bioshock.

Atomic Heart deve chegar em breve para PC (Steam), PS5, PS4, Xbox Series X|S e Xbox One. Na E3 2021, a Microsoft garantiu o lançamento do game diretamente no Xbox Game Pass, logo no primeiro dia.

Com informações: PC Gamer, WCCFTech.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando