Início » Jogos » O que é o Kinect? 5 jogos que usavam o acessório

O que é o Kinect? 5 jogos que usavam o acessório

Saiba o que é o Kinect; conheça também quando esse acessório da Microsoft foi lançado e quais jogos ganharam destaque

Por

O Kinect levou a experiência com o videogame para outro nível. Afinal, você não precisava mais ficar sentado no sofá com o joystick na mão; pular, levantar os braços ou fazer alguns gestos já era suficiente para que o game entendesse seus comandos. Mas o que é o Kinect? Quando esse acessório foi lançado e descontinuado? Quais jogos fizeram sucesso? Abaixo, vou te responder essas questões.

Kinect do Xbox 360 (Imagem: Evan-Amos/Wikimedia Commons)
Kinect do Xbox 360 (Imagem: Evan-Amos/Wikimedia Commons)

O que é o Kinect?

Antes de mais nada, é importante entender o que é (ou o que foi) o Kinect. Esse acessório, anteriormente chamado de “Project Natal”, é um sensor de movimentos desenvolvido para PC, Xbox 360, Xbox One, Xbox One X e Xbox One S — esses dois últimos precisavam de um adaptador.

Em parceria com a empresa Prime Sense, a Microsoft criou uma tecnologia que usa câmeras RGB, projetores infravermelhos e detectores de movimento para mapear a profundidade através de cálculos de luz ou tempo de voo. Isso permite que o acessório reconheça a estrutura corporal de até quatro pessoas em 48 pontos de articulação, eliminando a necessidade de ter em mãos um joystick, já que o corpo do usuário é o controle.

O Kinect também entrega um conjunto de microfones que, aliado ao software avançado da empresa, permite que o acessório reconheça a voz do jogador, algo que ajuda na detecção dos comandos durante um jogo. Eles também servem para diferenciar os ruídos externos, evitando que sons diferentes atrapalhem a experiência.

Quando o Kinect foi lançado e descontinuado?

O Kinect foi apresentado em novembro de 2010 como um acessório para o Xbox 360. Logo de cara, ele conseguiu atrair a atenção do público, já que a Microsoft precisou de apenas 10 dias para vender 1 milhão de unidades — isso só nos Estados Unidos. No final daquele ano, o Kinect já registrava nada menos que 5 milhões de unidades comercializadas no mundo todo.

Por mais que a experiência não fosse exatamente inédita, dado que o Nintendo Wii já oferecia algo semelhante, o acessório da gigante de Redmond se diferenciava por não exigir joystick (o Wii precisava do Wiimote) e ter uma captura de movimentos mais precisa. A ideia da empresa era integrar a tecnologia do Kinect em computadores, TVs e até carros, mas foi nos jogos que o dispositivo ganhou espaço.

Apesar da boa popularidade, o tempo de vida do Kinect foi relativamente curto, já que em outubro de 2017 a Microsoft anunciou que a produção seria encerrada. A empresa apontou que o baixo número de vendas e conteúdos disponíveis foram as razões desse desfecho.

5 jogos que usavam o acessório

5. Kinect Adventures

O jogo que acompanhava o Kinect era a melhor forma de conhecer a tecnologia. Ele entregava cinco minigames que exploravam as funcionalidades da captura de movimento: você conseguia pular, balançar os braços, se agachar e muito mais.

4. Just Dance

Esse é um dos games mais populares da Ubisoft — e a versão para Kinect não foi diferente. Just Dance, como o próprio nome sugere, usava a tecnologia do acessório da Microsoft para capturar os movimentos de dança dos jogadores, que podiam ser realizados ao som de músicas de artistas famosos.

3. Fruit Ninja

Um clássico no Android e iOS, Fruit Ninja também ganhou uma versão para Kinect. No game, o jogador podia cortar as frutas com o movimento do braço — no estilo ninja mesmo. A tecnologia do acessório proporcionava uma ótima experiência, com sombras detalhadas e sons precisos, algo perfeito para uma diversão em grupo.

2. Xbox Fitness

O Xbox Fitness tinha uma proposta muito interessante: ser uma academia em casa. Os jogadores podiam escolher exercícios físicos específicos com professores renomados. O Kinect entrava em ação com seus sensores de movimento para exibir as tarefas necessárias e até medir a temperatura do corpo do usuário.

1. Project Spark

Com a premissa de ser uma plataforma onde os jogadores poderiam criar seus próprios jogos e aproveitar a criação de outros usuários, o Project Spark oferecia diversas ferramentas interessantes que ajudavam a construir qualquer tipo de mundo.

O Kinect era a grande estrela do game, pois ele servia para manipular quase todas as opções através de comandos de voz e movimentos avançados.

Pronto, agora você já sabe o que é o Kinect.