Início » Aplicativos e Software » WhatsApp: nova política de privacidade será opcional, com uma exceção

WhatsApp: nova política de privacidade será opcional, com uma exceção

Até então polêmica, nova política de privacidade do serviço deve se tornar opcional, exceto para contatos via WhatsApp Business

Emerson Alecrim Por

O WhatsApp causou muita polêmica ao impor uma política de privacidade que, se não aceita, dificultaria o uso do serviço. Mas essa novela pode caminhar para um final tranquilo: em breve, a plataforma deve transformar os novos termos em opcionais, com exceção para quem precisar do WhatsApp Business.

WhatsApp no Android (imagem: André Fogaça/Tecnoblog)
WhatsApp no Android (imagem: André Fogaça/Tecnoblog)

Essa novela teve início em janeiro de 2021, quando o WhatsApp anunciou uma política de privacidade que, entre outros pontos controversos, permitiria o compartilhamento de dados do usuário com os demais serviços do Facebook.

De modo geral, a nova política do WhatsApp foi considerada permissiva demais com o tratamento de dados de seus utilizadores. Para completar, as novas condições foram apresentadas como obrigatórias em países como Brasil e Índia, mas opcionais na União Europeia.

O assunto é tão polêmico que o WhatsApp foi submetido ao escrutínio de autoridades de alguns países, incluindo o Brasil. Por aqui, a nova política seria aplicada em maio, mas foi adiada por 90 dias por causa da pressão exercida por órgãos como Ministério Público Federal (MPF) e Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Se a nova política entrasse em vigor conforme os planos originais, o usuário que não aceitasse os termos veria a sua conta ser restringida. Chamadas de voz ou vídeo poderiam ser recebidas, mas não iniciadas, por exemplo. Eventualmente, a conta poderia ficar totalmente bloqueada.

Nova política será opcional, exceto no WhatsApp Business

O WABetaInfo aponta que isso não vai mais acontecer, em nenhum lugar do mundo. De acordo com o veículo, o WhatsApp vai liberar uma atualização que não dificulta o acesso ao serviço em caso de não aceitação dos termos.

Não dificulta para conversas pessoais. Se o usuário entrar em contato com a conta de uma empresa que usa o WhatsApp Business como ferramenta de atendimento, os novos termos serão apresentados e terão que ser aceitos para a conversa continuar.

Aviso sobre nova política em contato com WhatsApp Business (imagem: WABetaInfo)
Aviso sobre nova política em contato com WhatsApp Business (imagem: WABetaInfo)

As capturas de tela divulgadas pelo WABetaInfo mostram que, quando a comunicação com uma conta corporativa for iniciada, o usuário será avisado de que aquela empresa usa um “serviço seguro do Facebook para gerenciar conversas” e que o contato só pode ser realizado se os novos termos forem lidos e aceitos.

Quais são exatamente as condições dessa política? Só saberemos quando ela for apresentada, o que não deve demorar muito. O WABetaInfo dá a entender que a atualização que traz as novas regras será liberada em breve, tanto para iOS quanto para Android.

WhatsApp vai mudar política de privacidade no Brasil

A flexibilização das condições condiz com a recente decisão do WhatsApp de mudar a sua política de privacidade no Brasil. Ao Tecnoblog, o serviço informou que irá aumentar a transparência de seus termos de uso de modo que eles se tornem mais parecidos com aquilo que está disponível para usuários europeus.

O WhatsApp tem até o dia 31 de agosto para apresentar ao Cade, MPF e demais entidades que acompanham o assunto os comprovantes sobre os efeitos da mudança.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando