Início » Legislação » Empresa processa Facebook por ter controles de privacidade

Empresa processa Facebook por ter controles de privacidade

Por
9 anos atrás

Se a nossa categoria Lei e Ordem fosse um hotel, eu diria que ela está superlotada e com hóspedes saindo pela janela nessa semana. Esse já é o quarto ou quinto post nessa categoria e a semana ainda nem começou direito. Mas fazer o quê, parece que as empresas de tecnologia resolveram gastar o seu orçamento com advogados antes do ano acabar. Dessa vez quem está sendo processado é o Facebook e por algo que eles fizeram certo: seus controles de privacidade.

Uma empresa americana chamada Walker Digital abriu na semana passada um processo contra a rede social de Mark Zuckerberg porque, segundo ela, o Facebook não licenciou uma patente da qual a Walker é dona. Segundo o documento do processo, o “Facebook é uma ferramenta social que permite o compartilhamento de informações por meio de as configurações de privacidade que são selecionadas pelo usuário”.

Já o texto da patente basicamente descreve um sistema que permite um usuário controlar e gerenciar a liberação das suas informações ou da sua identidade para outro sistema. Soa familiar? Pois é. Segundo o TechCrunch, que conseguiu uma cópia do documento, a patente foi registrada há mais de 10 anos.

Mas isso não é motivo para aceitar o processo e pedir a licença, segundo um porta-voz da rede social, que chamou a ação judicial de “completamente frívola” além de dizer que pretende lutar contra ele custe o que custar.

Com informações: TechCrunch.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.