Início » Jogos » Atualização do PS4 conserta problema na bateria que quebrava o console

Atualização do PS4 conserta problema na bateria que quebrava o console

O defeito na bateria CMOS impedia usuários de abrirem jogos no PS4, caso não estivessem conectados à internet e à PSN

Murilo Tunholi Por

A Sony lançou, na semana passada, a atualização de firmware v9.0 para o PS4. Esse update não só trouxe melhorias de estabilidade ao sistema, como também consertou o defeito na bateria CMOS interna do console. Porém, por algum motivo desconhecido, a empresa escolheu não informar nas notas de atualização a mudança, que foi descoberta por usuários.

PS4
PlayStation 4 (Imagem: InspiredImages/Pixabay)

A bateria CMOS é um componente do PS4 que gera energia para o relógio interno do console — usado para verificar se as licenças dos games instalados são legítimas. O defeito do PS4 fazia com que a bateria parasse de funcionar, impedindo usuários de acessarem jogos digitais e físicos, caso não estivessem conectados à internet e à PSN.

Na última quarta-feira (22), o canal Modern Vintage Gamer publicou um vídeo no YouTube reportando a novidade. Nos testes, o youtuber pegou um PS4 antigo que estava com defeito na bateria CMOS e atualizou o firmware do console. Em seguida, mesmo após remover a bateria e desconectar o videogame da internet, ele conseguiu abrir God of War e outros jogos sem problemas.

Além de permitir que o PS4 rode games sem a bateria CMOS, o firmware 9.0 também deixa os jogadores obterem troféus normalmente. Os troféus, porém, passam a não mostrar a data em que foram desbloqueados, pois a bateria ainda é necessária para fazer o relógio do videogame funcionar.

Atualização pode poupar dores de cabeça no futuro

Vale mencionar que, mesmo com uma bateria CMOS defeituosa, o PS4 ainda consegue sincronizar todos os dados do sistema com os servidores da PSN e da PS Store pela internet. Assim, os jogadores não perdem o acesso aos seus jogos, troféus ou arquivos salvos na nuvem. Por isso, o problema pode parecer não tão grave à primeira vista.

Contudo, no momento em que Sony decidir desativar a PS Store no PS4, os usuários vão passar a depender exclusivamente da bateria CMOS para acessarem seus jogos. Nesse caso, se o componente quebrar, o videogame vai se tornar um grande peso de papel, pelo menos até outra bateria ser colocada no lugar.

A PS Store ainda deve continuar funcionando no PS4 por mais alguns anos, mas não podemos descartar a ideia da loja ser desativada algum dia. Há alguns meses, a Sony demonstrou interesse em interromper o suporte da plataforma no PS3 e PS Vita. Porém, após muitas reclamações dos jogadores, a empresa voltou atrás na decisão.

Com informações: Eurogamer.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando