Início » Negócios » Apple presta homenagem a Steve Jobs após dez anos de seu falecimento

Apple presta homenagem a Steve Jobs após dez anos de seu falecimento

Cofundador e ex-CEO da Apple, Steve Jobs liderou a empresa no período de lançamentos icônicos, como os primeiros iPod e iPhone

Bruno Gall De Blasi Por

A Apple publicou uma homenagem a Steve Jobs nesta terça-feira (5). O vídeo “Celebrando Steve” revive as memórias do ex-CEO que faleceu em 5 de outubro de 2011 depois que lutou contra um câncer. O executivo participou do lançamento de inúmeros Macs, do primeiro iPod, primeiro iPhone, entre outros produtos da companhia.

Apple relembra momentos icônicos de Steve Jobs após dez anos de seu falecimento (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)
Apple relembra momentos icônicos de Steve Jobs após dez anos de seu falecimento (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)

A lembrança a Steve Jobs está disponível no site da própria empresa. Ao acessar a página inicial, o usuário é recepcionado logo de cara pelo título “Celebrando Steve” e um botão para assistir o vídeo. O fundo também traz diversas fotos do executivo que foi cofundador da fabricante do iPhone ao lado de Steve Wozniak.

O vídeo é conduzido por falas de Steve Jobs em entrevistas e keynotes. É o caso do lançamento do primeiro iPod, do iPhone (2007) e até mesmo a apresentação marcante do MacBook Air, que foi retirado de um envelope em 2008. Também há fotos suas com figuras icônicas da Apple, como a equipe responsável pelo primeiro Macintosh.

Também há uma declaração da família. “Já faz uma década que convivemos com os sentimentos de pesar e superação. Hoje, nossa gratidão cresceu a ponto de se equiparar com a perda”, dizem. “Cada um de nós trilhou caminhos diferentes para encontrar conforto, mas estamos unidos para celebrar a memória de Steve e seus ensinamentos.”

Confira a homenagem no site da Apple: apple.com.

Steve Jobs (Imagem: Ben Stanfield/ Flickr)
Steve Jobs (Imagem: Ben Stanfield/ Flickr)

Steve Jobs faleceu em 2011 após luta contra câncer

Steve Jobs é conhecido por ser cofundador e ex-CEO da Apple. O executivo foi um dos responsáveis pelo nascimento da companhia em 1º de abril de 1976, junto com Steve Wozniak e Ronald Wayne, na Califórnia, Estados Unidos. O primeiro lançamento da empresa foi conhecido como Apple I, computador que antecedeu o Apple II.

De lá para cá, Jobs colecionou diversas polêmicas em sua história, o que resultou no seu afastamento da empresa em 1985. O executivo também foi o fundador da NeXT Computer, e, posteriormente, adquiriu a divisão de computação gráfica da Lucasfilm, hoje conhecida como Pixar. Mais tarde, ele voltou à Apple em 1997.

Carta "Pensamentos sobre Flash", de Steve Jobs (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)
Carta “Pensamentos sobre Flash”, de Steve Jobs (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)

O cofundador da Apple ainda esteve a frente de grandes lançamentos e de outra polêmica envolvendo o Adobe Flash Player. Além do Macintosh, em 1984, Jobs apresentou o iPod em 2001. O executivo também liderava a companhia quando houve a estreia do iPhone e do iPad e a transição de chips PowerPC para processadores Intel.

Steve Jobs deixou o cargo de CEO da Apple em agosto de 2011. Em uma carta, ele explicou que tomou a decisão pois “não pode mais cumprir seus deveres e expectativas” e nomeou Tim Cook como seu sucessor. O executivo faleceu em 5 de outubro, aos 56 anos, depois de lutar contra um câncer e um dia após o lançamento do iPhone 4S.

A Apple também prestou homenagens ao executivo em seu site oficial na época de seu falecimento. A página permanece disponível nos dias atuais: apple.com.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
8 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Igor (@igor_meloil)

Mas já não tem filme? Pra q outro? A história vai ser a mesma.
No mais, concordo que foi uma homenagem bem mequetrefe

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Uma forma de manter vivo o legado e aumentar o catálogo de produções originais do TV+.

Imagina o quanto eles não tem de materiais oficiais, acesso a executivos, para um documentário realmente rico de detalhes.

Vítor Gomes Neves Oliveira (@vctgomes)

Acho q já é o suficiente… em quais outras grandes companhias o CEO, 10 anos depois, ainda é lembrado na página inicial da empresa?