Início » Gadgets » Acer anuncia projetores gamer com resolução 4K, 240 Hz e preço salgado

Acer anuncia projetores gamer com resolução 4K, 240 Hz e preço salgado

Novos projetores gamer da linha Predator, da Acer, GD711 e GM712 têm taxa de atualização variável e podem exibir até 240 FPS

Murilo Tunholi Por

A Acer anunciou, nesta quarta-feira (13), dois novos projetores da linha Predator — segmento gamer da marca. Com suporte a resolução de até 4K, o GD711 e o GM712 prometem imagens em alta qualidade e com muitos quadros por segundo tanto nos consoles quanto nos PCs, graças à tecnologia de taxa de atualização variável. Os projetores chegam em novembro à China por até 12 mil yuans (cerca de R$ 10,3 mil).

Novos projetores gamer da Acer suportam resolução 4K e taxa de atualização variável (Imagem: Divulgação/Acer)

GD711 vai exibir 120 Hz em consoles e 240 Hz no PC

Na apresentação dos produtos, a Acer escolheu focar no GD711. Esse modelo é um projetor de LED que exibe até 1.450 ANSI Lumens e tem suporte a HDR10. No modo tradicional, a imagem exibida fica em resolução 4K, porém há um outro modo de taxa de atualização variável, no qual o conteúdo fica mais fluido.

Segundo a Acer, esse segundo modo diminui a resolução de 4K para Full HD (1080p) para aumentar a taxa de atualização até 120 Hz nos consoles mais poderosos da nova geração — PS5 e Xbox Series X — e 240 Hz nos PCs. O projetor ainda é capaz de gerenciar essas taxas e alterá-las de forma dinâmica.

Para a melhor experiência, a Acer recomenda usar o GD711 para projetar telas de até 100 polegadas a 2,7 metros, no máximo. É esperado que ele dure por 30 mil horas no modo de economia e energia e 20 mil horas em consumo normal. O modelo terá uma porta de áudio, três entradas USB-A e uma interface HDMI 2.0

O GD711 vai custar os 11.999 yuans — é no mínimo curioso ver um aparelho em 2021 com esse preço sem HDMI 2.1 e USB-C.

Projetores GD711 e GM 721 exibem 120 Hz em consoles e 240 Hz no PC (Imagem: Divulgação/Acer)

GM721 tem mais brilho, mas dura menos tempo

Enquanto isso, o GM712 também exibe imagens em 4K com HDR10 e tem taxa de atualização variável. Ele funciona com lâmpadas comuns em vez de laser de LED, garantindo brilho superior de 3.600 ANSI Lumens, mas perdendo tempo de uso para 5 mil horas no modo convencional e 12 mil horas no modo “ExtremeEco”.

Esse modelo é um pouco mais barato que o GD711 e chega ao mercado chinês também em novembro por 11 mil yuan (R$ 9,4 mil).

Os projetores mais modernos costumam ser mais caros que TVs devido à portabilidade do aparelho. Quem quiser comprar um desses dois modelos ainda terá que esperar um pouco, já que não há qualquer previsão para eles chegarem ao Brasil ou EUA.

Com informações: The Verge.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando