Início » Jogos » Splinter Cell: novo jogo da franquia pode estar em produção após 8 anos

Splinter Cell: novo jogo da franquia pode estar em produção após 8 anos

Novo Splinter Cell deve ser revelado oficialmente em 2022 e chegar em 2023 para PC e consoles, segundo fontes ouvidas pelo VGC

Por

Os fãs da franquia Splinter Cell já estão animados com a possibilidade de um novo jogo da franquia principal após oito anos do último lançamento. Segundo fontes ouvidas pelo VGC, a Ubisoft estaria revivendo a série de games de espionagem, com planos de revelar o primeiro trailer em algum momento de 2022. Por enquanto, nada está confirmado, e a desenvolvedora não quis comentar sobre o assunto.

Tom Clancy’s Splinter Cell Blacklist, de 2013, é o jogo mais recente da franquia (Imagem: Divulgação/Ubisoft)

A franquia Splinter Cell recebeu seu último grande jogo em 2013 — Tom Clancy’s Splinter Cell: Blacklist. Desde então, alguns personagens da série, como o agente especial Sam Fisher, só apareceram como convidados em conteúdos de Rainbow Six Siege e no então desativado jogo mobile Tom Clancy’s Elite Squad.

Pelo o que os rumores indicam, esse novo jogo de Splinter Cell pode estar sendo desenvolvido para PC e consoles por um dos estúdios da Ubisoft de fora da sede em Montreal e estaria na fase inicial de produção. Para a previsão de lançamento final, as fontes dizem que a empresa planeja liberar o game em 2023.

Vale reforçar que nenhuma dessas informações foi confirmada pela Ubisoft, e não há provas concretas sobre esse possível novo jogo da série.

Jogo de Splinter Cell para VR não era o que os fãs queriam

Em 2020, a Ubisoft tinha anunciado que estava trabalhando em um novo jogo de Splinter Cell. Porém, os fãs da franquia ficaram decepcionados quando souberam que esse game seria lançado com exclusividade para o Oculos VR em parceria com o Facebook.

Antes disso, em 2019, o CEO da desenvolvedora, Yves Guillemot, já havia falado em uma entrevista à IGN que queria reviver a série de espionagem. Para isso acontecer, contudo, a franquia precisaria “evoluir”.

“Quando você cria um jogo, precisa ter certeza de que virá com algo que será diferente o suficiente do que você fazia antes. Na última vez que fizemos um Splinter Cell, sentimos muita pressão de todos os fãs que diziam: ‘Não mude, não faça isso, não faça aquilo’, então alguns dos times ficaram mais ansiosos ao trabalharem com a marca. Agora, há algumas coisas e algumas pessoas que estão olhando para a série, cuidando dela. Em algum dia, vocês verao algo, mas não posso dizer mais do que isso”.

Yves Guillemot, CEO da Ubisoft.

Com informações: VGC.