O que falta para o Brasil ficar parecendo ainda mais antiquado e retrógrado aos olhos dos demais países no mundo? Que tal encabeçar um comitê que propõe a regulamentação da internet? É exatamente isso que os nossos representantes na Organizaçao das Nações Unidas planejam fazer. Em uma reunião que aconteceu na última quarta-feira (14) na cidade de Nova Iorque, o Brasil liderou um grupo de países à favor da criação de regras para gerir a Internet.

A sugestão de estabelecer certos padrões para a rede surgiu depois que o WikiLeaks começou a ganhar força e atenção na rede ao vazar informações confidenciais. A ideia seria criar uma entidade internacional formada por membros de diversos governos e que ‘policiaria’ a rede mundial de computadores. Apesar da ênfase dada pelos representantos brasileiros de que eles não pretendem que a entidade “assuma” a internet, a proposta tornaria ainda mais difícil que sites como o criado por Julian Assange consigam a atenção que merecem, já que eles seriam vetados pelos governos que possam sair prejudicados.

Soa assustador o bastante? Não para os representantes da Índia, África do Sul, China e Arábia Saudita, que concordaram com a proposta brasileira. Já os representantes da Austrália, dos EUA, do Reino Unido e do Canadá não ficaram muito satisfeitos com a criação de outra entidade por causa do potencial que ela tem para se isolar da indústria, da comunidade e dos usuários da internet.

Felizmente as discussões ainda estão no começo e as ideias podem ser modificadas de acordo com as reações do público.

Com informações: CrunchGear, ITNews. Imagem sob licença CC retirada da Wikipedia.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@jedimasterartur
Brasil viajando, isso quer dizer que as coisas que o WikiLeaks publicou são verdades, ja que muita coisa do Brasil foi mostrada la, eles todos tem o rabo preso por isso tão morrendo de medo de vir mais coisa, e vem com essa de Limitar a internet... Daqui a pouco isso vira a China onde sites como Youtube, facebook e twitter foram bloqueados pelo governo.. Tão também querendo proibir os games violentos no Brasil, quem quiser ve aqui: http://www.jedimasterhouse.com/2010/12/lei-quer-proibir-games-violentos-no.html
RaphaelDDL
Run to the hills, they are going to backtrace you!
@alestresser
Mas e ai, alguem ja leu alguma dessas propostas ou tão julgando por pura especulação?
arashiraposa
Qual o problema do pais ser laico? muda algo? Vejo países religiosos apedrejando mulheres e adorando isso...
Guilherme Carlos
Concordo com o Rodrigo, regras só prejudicam quem faz algo de errado. Tudo bem que é legal ter a liberdade de escolher entre o "bem" e o "mal", mas certas coisas tem limite e estão se tornando corriqueiras como pedofilia, bullying, racismo e na internet ainda se tem o privilégio de fazer tudo isso e o mais legal, de uma forma 'anonima'. Enquanto não se tem destaque de alguma maneira, a polícia não vai atrás da pessoa e na maioria dos caso (creio eu) nunca vai atrás. Não acho que essa proposta vai dar certo, mas seria interessante se funcionasse.
Criativo de Galochas
DEMOcracia e Hipocrisia. Você vê por aqui também! =/ Marcus
Rodrigo
Exato, Felipe. Liberdade de expressão tem que ser usada com responsabilidade. Atacou alguém gratuitamente? Tem que sofrer as consequências e ser julgado.
Beto
Sorte que ninguém leva o Brasil a sério.... para eles esse país é uma piada e não consideram nada o que acontece aqui....
Rafael
Que coisa maluca, quando o Lula falou a favor do Wikileaks pensei que isso nunca ia partir de um comitê brasileiro. o.O
@MisterSanderson
"se fulaninho é japones e mostra alguns desses crimes contra brasileiros ele não pode ser punido por leis brasileiras e sim japonesas. Se la no japão isso não for crime, problemas dos brasileiros" Certo. O servidor está lá. Se você contacta ele lá, é como se pegasse o passaporte e mudasse de país. Se você muda, fica sujeito às leis de lá. Não quer contactá-los? Ignore-os, bloqueie-os! Não é difícil fazer isto, é?
@MisterSanderson
Não são necessárias “novas leis” para a internet. Mas sim, a aplicação das que já existem. Simplesmente isto. Estou de acordo.
Felipe Silva
Li o artigo e como Rodrigo disse, o artigo está pela metade e tendencioso. Mas se você leu o meu também sou contra a censura, só quis mostrar o outro lado da moeda que o artigo não mostrou: Que leis para internet também não é tão ruim assim e que eles não vão só censurar e restringir a tal "liberdade de expressão". Mas ao meu ver se para isso ter que perder essa tal "liberdade de expressão" que venha não devo nada e pra mim "liberdade de expressão" a que muitos se referem é falar merda na internet.
@josodguarapuava
Não confundam "liberdade" com "libertinagem"! Vamos por pontos: - Quem são Austrália, EUA, Reino Unido e Canadá pra opinar sobre liberdade ou criação de regras? Ah! São os mesmos censuradores do Wikileaks. Os tais que pregaram morte a Julian Assange após pegá-los com as calças na mão. Como internautas, deduzo que todos saibam seus limites e usem do bom senso. Mas comprovadamente tivemos casos recentes de internautas preconceituosos, gente que usa a internet pra desserviço pensando ser a casa da "mãe joana". Sou a favor de regulamentação. E quando se fala em política externa, nesses últimos 8 anos, o Brasil se impôs como todo país soberano tem que fazer. Não baixamos a guarda aos falcões da guerra. Enfim temos identidade, somos latinos e defendemos nossas causas e só negociamos bilateralmente, por isso, nos distanciamos cada dia mais do "Tio Sam".
Rodrigo
Não sei o que é mais assustador. O artigo pela metade, tendencioso, ou a ignorância dos que comentam aqui. Como bem lembrou o Felipe, volta e meia estamos vendo ataques racistas na internet. Pedofilia então, corre solta. Prendem um ou dois punheteiros, mas os sites e os criminosos se multiplicam igual ao Agente Smith. O Orkut virou terra livre para ofensas e difamações. O Twitter vai pelo mesmo caminho, e a polícia só vai atrás quando algo chega aos trend topics. Isso é liberdade de expressão? Não são necessárias "novas leis" para a internet. Mas sim, a aplicação das que já existem. Postou conteúdo ilegal? O provedor tem que fornecer a localização, e o meliante, punido. As lan houses onde eu moro continuam não exigindo nenhum cadastro dos seus usuários. Eu posso ir lá e invadir um site sem ser identificado. Quem reclama de leis e censura são os mesmos que gostam de ouvir som a todo volume dentro do condomínio, ligam a bosta do celular tocando funk dentro do ônibus, ficam irritados quando recebem uma multa por andar a 150 km/h e se acham no direito de fumar na cara de quem está almoçando em um restaurante. Para esses, regras são um incômodo. Agora venham os trolls escrevendo toda sorte de palavrões e ofensas, para deixar o tópico mais adulto e bonito ainda.
Bruni
Exatamente....o Brasil é a terra da impunidade, quantos assassinos estão livres nas ruas? Quantos ladrões ainda roubam? Quantas vezes você já foi assaltado nas ruas de são paulo? Esses FDPS devem primeiro melhorar nossa segurança no MUNDO REAL, depois de muito tempo controlada, é que devem tentar começar a controlar a internet!... Brasil é terra de ninguém, e a internet do Brasil não é muito diferente disso!
Exibir mais comentários