Início » Gadgets » Raspberry Pi 4 sofre aumento de preço devido à escassez de chips

Raspberry Pi 4 sofre aumento de preço devido à escassez de chips

Raspberry Pi 4 de 2 GB fica US$ 10 mais caro em resposta à escassez global de chips; medida é temporária

Por

A escassez global de chips é um problema que se arrasta há meses, mas só temos visto grandes indústrias — como a automobilística — se queixando da situação. As consequências são generalizadas, porém. Prova disso está no mais recente anúncio da Raspberry Pi Foundation: por causa da falta de chips, o Raspberry Pi 4 de 2 GB aumentou de preço, temporariamente.

Raspberry Pi 4 Model B (Imagem: divulgação/Raspberry Pi Foundation)
Raspberry Pi 4 Model B (Imagem: divulgação/Raspberry Pi Foundation)

Ajustes de preço são frequentes no mercado, mas a Raspberry Pi Foundation leva tão a sério o compromisso de manter os seus produtos em patamares acessíveis que Eben Upton, CEO da organização, publicou uma extensa nota para explicar a decisão.

O problema da escassez de chips é efeito principalmente do aumento de demanda por produtos eletrônicos que se estabeleceu durante a pandemia, quando, em um intervalo de tempo curto, muitas pessoas passaram a procurar notebooks para trabalho remoto ou TVs para entretenimento durante as fases de isolamento social, por exemplo.

Esse fenômeno foi sentido em vários setores. A indústria automobilística, a mais atingida, experimentou uma redução significativa de produção por conta das paralizações de fábricas, mas, passada a fase aguda das medidas de isolamento, viu a procura por veículos crescer rapidamente.

Só que a indústria de semicondutores não estava preparada para absorver uma demanda que, repentinamente, se tornou muito alta. Você sabe o que acontece quando a demanda é maior que a oferta. Os preços aumentam.

“Na Raspberry Pi, não somos imunes a isso”, afirma Upton. De acordo com o executivo, a organização produziu cerca de 7 milhões de dispositivos Raspberry Pi em 2020 e, neste ano, o mesmo número já foi atingido, com a diferença de 2021 ainda não ter terminado.

Como a procura por dispositivos Raspberry Pi aumentou, mas a produção não dá conta da demanda por falta de componentes, alguns produtos ficaram com estoques limitados, com destaque para o Raspberry Pi Zero e a versão de 2 GB do Raspberry Pi 4.

Não há solução no curto prazo. Em um esforço para atenuar o problema, a Raspberry Pi Foundation adotou algumas medidas. Começa pelo retorno do Raspberry Pi 4 de 1 GB. Essa versão foi substituída pelo modelo de 2 GB em fevereiro de 2020 que, então, teve seu preço reduzido de US$ 45 para US$ 35.

Raspberry Pi 4 (imagem: divulgação/ Raspberry Pi Foundation)
Raspberry Pi 4 (imagem: divulgação/Raspberry Pi Foundation)

Como os custos de produção estão altos, a organização decidiu, nesta semana, fazer o preço do Raspberry Pi 4 de 2 GB voltar a US$ 45.

Talvez você pense “bom, o produto ainda continua acessível”. E continua mesmo. Mas, para empresas ou entidades que compram grandes quantidades do dispositivo para empregá-los em aplicações específicas, esse aumento de custos se torna muito expressivo.

É por isso que a produção do Raspberry Pi 4 de 1 GB foi retomada. Como essa versão custa US$ 35, o cliente que não puder lidar com o aumento de preço da versão de 2 GB tem uma alternativa apenas ligeiramente inferior nas especificações técnicas.

Baixa prioridade para o Raspberry Pi 3B+

Upton também alerta que o problema da escassez afeta a produção dos produtos baseados em chips de 40 nanômetros — “na prática, qualquer um que não seja o Raspberry Pi 4, o Raspberry Pi 400 ou o Compute Module 4″, completa.

Está aqui outra razão para o retorno da versão de 1 GB do Raspberry Pi 4. Como os estoques de componentes são limitados, a organização irá priorizar a produção do Compute Module 3, do Compute Module 3+ e do Raspberry Pi 3B.

Como consequência, o Raspberry Pi 3B+ ficará em segundo plano. Para organizações que dependem desse produto, o executivo recomenda a sua substituição pelo Raspberry Pi 4 de 1 GB, até porque ambos os modelos contam com o mesmo chipset para conexão sem fio.

Aumento de preço é temporário

Eben Upton fez questão de ressaltar que todas essas medidas são temporárias. A expectativa do executivo é a de que a política de preços volte ao padrão anterior quando o problema da escassez de chips diminuir, o mesmo valendo para a produção do Raspberry Pi 3B+.