Início » Finanças » Nubank libera reserva de BDRs para estreia na bolsa em dezembro

Nubank libera reserva de BDRs para estreia na bolsa em dezembro

A partir desta quarta-feira, já é possível reservar BDRs para o IPO do Nubank em dezembro; processo pode ser feito no app do banco digital ou pelo NuInvest

Por

O Nubank está prestes fazer sua estreia nas bolsas de valores de Nova York (NYSE) e do Brasil (B3), mas já vinha distribuindo os chamados BDRs (Brazilian Depositary Receipts) de graça para correntistas do banco digital através do programa NuSócios. Agora, quem se interessar em comprar mais participações da fintech já pode reservar outros “pedacinhos” para quando o IPO acontecer em dezembro.

Nubank (Imagem: Divulgação)
Nubank (Imagem: Divulgação)

Nesta quarta-feira (17) começa o período de reserva dos BDRs. Os títulos podem ser garantidos exclusivamente através do app do Nubank ou pelas plataformas NuInvest. Interessados tem até o dia 7 de dezembro para fazer a reserva.

O que um BDR tem a ver com ações do Nubank?

Mas, afinal, o que é esse tal de BDR e o que ele tem a ver com as ações do Nubank? Um Brazilian Depositary Receipt representa uma ação, ou uma fração dela, de uma empresa listada em uma Bolsa estrangeira. No entanto, eles podem ser comprados e vendidos na B3, incluindo assim os investidores brasileiros.

Trata-se de um tipo de investimento que se comporta da mesma forma que ações. Esses títulos sobem e descem em preço conforme as oscilações do mercado e a oferta e demanda do papéis da empresa. No caso do Nubank, os BDRs são a única forma de ofertar participações da fintech aqui no Brasil.

“No caso da Nu Holdings (empresa líder do grupo Nubank), faremos algo chamado de dupla listagem: vamos entrar na NYSE, a Bolsa de Nova York, e na B3, a Bolsa brasileira… Para quem investe no Brasil, isso significa que, para investir no IPO, será preciso comprar BDRs (Brazilian Depositary Receipts) do Nu aqui na B3.”

Nubank em postagem no blog da empresa.

A fintech ainda não sabe ao certo quanto cada BDR vai representar de cada ação negociada em Nova York. No entanto, o Nubank estima que um desses títulos será equivalente a 1/6 de ação ordinária de classe A da Nu Holdings. Porém, esse valor só será verdadeiramente definido no dia 8 de dezembro, um dia antes dos BDRs chegarem à B3.

Qual a diferença entre o NuSócios e a reserva de BDRs?

O Nubank destaca que o programa NuSócios, iniciado no dia 9 de novembro, permite o cadastro de clientes do banco digital para receber um único BDR de graça quando o IPO da Nu Holdings ocorrer.

Representação do “pedacinho do Nubank” em vídeo explicativo da fintech (Imagem: Reprodução/ YouTube)
Representação do “pedacinho do Nubank” em vídeo explicativo da fintech (Imagem: Reprodução/ YouTube)

Porém, esse BDR gratuito tem suas próprias regras e limitações. O título recebido dessa maneira só poderá ser negociado 1 ano após sua emissão. O Nubank considera o NuSócios como um “programa educacional” sobre investimentos. “Nos primeiros 12 meses, desejamos que as pessoas estudem o mercado, entendam os riscos e oportunidades e aí sim decidam o que fazer com seu BDR”, diz a fintech em seu blog.

Já os BDRs que podem ser reservados hoje não estão relacionados com o NuSócios. Ou seja, você não precisa fazer parte do programa para garantir os títulos. Além disso, quem já fez seu cadastro para o BDR gratuito também pode reservar outros.

Esses ativos não têm a restrição de 12 meses para serem vendidos. Eles podem ser negociados normalmente na Bolsa de Valores após o IPO do Nubank. No entanto, diferente do título gratuito, talvez seja preciso declarar à Receita Federal esses BDRs adicionais.

Nesse período de reserva, investidores podem informar o quanto querem aplicar nas participações do Nubank, mas o valor de cada BDR também não está definido. Isso só vai ocorrer no momento da precificação, quando a Nu Holdings, a NuInvest (corretora responsável pela negociação dos BDRs no IPO) e outros assessores financeiros decidem o valor da ação e do BDR. O valor mínimo de reserva é R$ 30, e o valor máximo é R$ 300 mil.

“Ao fazer a reserva, as pessoas poderão informar o valor máximo que estão dispostas a pagar por cada BDR. Ao fim da precificação, caso o valor acabe sendo maior do que você estabeleceu, você não participará do IPO e seu dinheiro será devolvido em sua conta em até três dias.”

Nubank em postagem no blog da empresa.

Investidores interessados podem realizar a reserva dos títulos diretamente no app do Nubank ou através da plataforma de investimentos da fintech, o NuInvest. Nos dois casos, basta identificar a área de “IPO” destacada e seguir o passo a passo para realizar a reserva dos BDRs para a estreia da Nu Holdings na Bolsa da Valores.

Com informações: Nubank