Início » Celular » O que é Matter? [padrão para casa conectada]

O que é Matter? [padrão para casa conectada]

Seria a Matrix ou Metaverso? Saiba o que é Matter e como esse padrão pode integrar todos os assistentes para casa conectada

Por

É redundante dizer que estamos cada vez mais em um mundo conectado, mas agora podemos chegar a outro patamar. Veja abaixo, o que é Matter e quais são as empresas que estão envolvidas no projeto que promete unir todos os assistentes para casa conectada em um mesmo padrão de funcionamento e interconexão.

Matter é o padrão de conectividade de casa inteligente, fundado pela Connectivity Standards Alliance (CSA), usando protocolo de Internet (IP), como Bluetooth LE, Wi-Fi e Thread para tornar os produtos domésticos inteligentes compatíveis entre si (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)
O que é Matter? (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

Matter é padrão, como assim?

Nada de Matrix ou Metaverso, pelo menos até agora. Matter diz respeito ao novo padrão de conectividade de casa inteligente, criado por um grupo de trabalho de mais de 200 empresas e fundado pela Connectivity Standards Alliance (CSA), antes conhecida como Zigbee Alliance.

O Matter usa protocolo de Internet (IP), como Bluetooth LE, Wi-Fi e Thread para tornar os produtos domésticos inteligentes compatíveis entre si, usando um único padrão em vez dos muitos diversos que existem no mercado.

O Matter Working Group está adotando uma abordagem de código aberto para desenvolver o SDK — kit de desenvolvimento de software —, permitindo que as empresas tragam produtos ao mercado com mais rapidez quando estiver concluído o padrão.

Qual é a vantagem da padronização?

O projeto tornará mais fácil para empresas e desenvolvedores construir eletrodomésticos inteligentes e dispositivos de Internet das Coisas (IoT) que funcionam perfeitamente integrados, independentemente da marca.

Isso significa que os produtos certificados pela Matter funcionarão com Google Home, Amazon Alexa, produtos Apple Homekit, Samsung SmartThings e muito mais. Tornando mais simples o processo de compra para varejistas e consumidores, que podem se tranquilizar ao saber que mesmo os melhores produtos de casa conectada darão suporte ao seu ecossistema de funcionamento.

Deixa de ser necessário concentrar suas compras de dispositivos em uma única marca para funcionarem perfeitamente em conjunto. Dá maior liberdade de escolha aos dispositivos mais úteis, sem reserva de marca.

Quem está envolvido?

No total, são mais de 200 empresas envolvidas no grupo de trabalho do Matter, o que significa que existirão muitos produtos dando suporte ao novo padrão. Alguns dos maiores nomes da indústria de casas inteligentes estão envolvidos, como Google, Amazon, Samsung e até Apple.

Outros fabricantes de itens domésticos inteligentes como Philips, Ikea, entre outros, também se comprometeram a atualizar seus dispositivos atuais para suportar o novo padrão.

O que é Thread?

Bluetooth e Wi-Fi são mais conhecidos como forma de conexão utilizando protocolo de internet (IP), mas do que se trata esse Thread? É um protocolo de conexão sem fio semelhante ao Wi-Fi e Bluetooth que permite a comunicação contínua entre dispositivos.

Ele é baseado em IPv6 e usa um edge router, ou “roteador de borda”, para conectar essa rede a outras como Wi-Fi, Ethernet e nuvem. O Thread serve como a conexão entre os dispositivos, enquanto Matter é a linguagem que os dispositivos usam para se comunicar e localiza-se no topo do Thread, como uma camada de aplicativo.

Por que o Thread é vantajoso?

O grupo responsável pelo protocolo afirma que as redes Thread não têm nenhum ponto único de falha e incluem a capacidade de autocorreção. O conceito existe pois todos os dispositivos na rede podem se comunicar entre si, ao contrário de ter um controlador centralizado como outros protocolos.

Isso significa que caso o roteador principal venha a falhar, outro roteador assumirá seu lugar na rede. Dispositivos que usam Thread são simples de configurar e muitos o fazem automaticamente. Thread também suporta criptografia completa de ponta a ponta entre todos os dispositivos.

Que tipos de aparelhos usarão o Matter?

Todos os que venham com o certificado. Esses dispositivos carregarão a marca Matter, tornando-os facilmente reconhecíveis, tanto por varejistas quanto consumidores. Os primeiros aparelhos certificados devem chegar ao mercado a partir de 2022 com o padrão consolidado.

O cuidado é importante para garantir que o SDK envolvido esteja maduro para poder ser utilizado por todas as empresas interessadas em desenvolver novos produtos e serviços para o ecossistema que o Matter está inserido. Dando melhores garantias as operações interconectadas de todos os dispositivos.

Com informação: Android Central.