Início » Software » Ubuntu abraça de vez o LibreOffice

Ubuntu abraça de vez o LibreOffice

Por
6 anos e meio atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Quem usa Ubuntu e baixou recentemente (na verdade, hoje) a próxima versão do sistema deu de cara com uma novidade. Promessa desde setembro do ano passado, é só agora que o sistema finalmente adota de vez o LibreOffice. Podem começar a dar adeus ao OpenOffice – ou BrOffice, como preferirem -, pois essa não é mais a suíte de produtividade oficial da distrô Linux.

Quem notou a novidade foi o pessoal do DownloadSquad. Eles perceberam que a imagem ISO mais recente do Ubuntu 11.04 não continha mais o suspeito usual na produtividade do Linux. Em vez disso, lá está o LibreOffice. Com direito a editor de texto, planilha e apresentações.

Essa é a primeira vez que o LibreOffice aparece em uma versão oficial do Ubuntu, que é distribuída para desenvolvedores. É o sinal definitivo de que a fork do Google e da Novell chegou para ficar no sistema da Canonical. Agora é só esperar abril chegar, o mês no qual a próxima versão do Ubuntu será liberada.

Como não sou usuário de Ubuntu, deixo para os leitores do TB a dúvida sobre a Canonical fazer a coisa certa ao trocar o OpenOffice pelo LibreOffice. O campo de comentários está aberto para a sua opinião!

  • Gabriel Silva

    Hmmmm… Legal, e os nomes se parecessem um com o outro, “open” significa “aberto”, que por sua vez diz quase a mesma coisa que “libre”, que é “livre”. 😀

    • G.

      jenio…

    • Nunca tinha notado… /sarcasm

    • Oh, really?

    • Não, acho que não. Libre = libra e a libra é mais cara que o Euro. /sarcasm

    • kkk

  • O Ubunto que eu tenho e o 8.10,CD Original.Eu pedi pelo site do Ubunto e eles trouseram rapidinho.
    Veio o Desktop e o Server

    • Gabriel Silva

      Veio de graça??

      • Matheus Wichman

        Também quero saber

        • Sim, vem de graça o CD 😀 Pode pedir, apenas demora um ou dois meses…

        • Gabriel Silva

          Ei, eu entrei no site do Ubuntu e descobri que não pagamos nada!! Viva!

          • Matheus Wichman

            Ja to requisitando o meu cd também.

          • Gabriel Silva

            Eba! Já pedi meu CD, vamos ver em quanto tempo chega e se chega. 😀

          • O tempo de espera varia. Já pedi CDs e veio em 2 meses. Tenho amigos que só esperaram 2 semanas.

          • Ué, sério? Nem o valor do CD / frete?

          • Rafael, é tudo de graça, mesmo pedindo grandes quantidades =)

      • Sempre foi de graça, cara. É só você entrar no link abaixo e pedir!
        (https://shipit.ubuntu.com/)

        Além do mais, gostaria de perguntar uma coisa: o libre office é superior ao open office? Terá alguma semelhança com o office 2007?

        Outra coisa, a Canonical voltou atrás em relação ao Unity? Vai usar a nova versão do Gnome no 11.04?

        Obrigado desde já, gente! =D

        • Acho q eles abandonaram o Gnome.

        • … O unity não é um ambiente gŕafico, ele é apenas um gerenciador de janelas (até pobre, por sinal); substituirá o Gnome-shell (gerenciador de janelas do Gnome3) não o “Gnome” como ambiente gráfico. Quem quiser poderá usar o gerenciador de janelas padrão “gnome-shell” bastando para isso instalar o pacote e marca-lo como gerenciador de janelas padrão.

      • É de graça sim.. mas a versão 8 já está muito velha. Peçam a 10.04 que é uma versão com suporte estendido (cerca de 3 anos, eu acho).

        • Toda versao eu peço e chega de graça rsrs

          • Queria pedir a nova versão do Ubuntu, mas como já pedi na época do 7.14 e do 9.04, parece que tenho de dar preferência para outras pessoas. Tem como reverter isso?

          • @brunoborborema

            Crie outra conta.

          • Matheus Wichman

            Preferi baixar a ISO, nem vou ficar esperando dois meses pra entregar enquanto posso baixar a 1 Mbps aqui no trampo.

      • Pode pedir de graça, que demora séculos, mas se quiser mais rápido, é só comprar, mas não é caro não, acredito que o valor seja mais pela entrega.

    • AOL também da cd de graça 🙂

  • … A suíte tem compatibilidade maior com arquivos gerados no Office da Microsoft, principalmente no leiaute de documentos.

    Mas a grande vantagem é a possibilidade de desenvolvimento mais rápido vez que se está livre dos possíveis – para não dizer constantes, vetos da oracle quanto a introdução de features no pacote (eles não querem concorrência com seu pacote proprietário).

    Agora quem sabe o projeto deslanche de vez, uma base de usuários muito maior pode dar feedbacks melhores e mais precisos sobre a situação do projeto. Aguardemos.

  • A Oracle tá f** tudo!

  • Rodrigo Soncin

    Eu baixei o LibreOffice para Windows (já existe em Português BR no próprio site da suíte).

    A impressão que dá é que é o próprio OpenOffice em uma versão a mais. Eles inclusive mantiveram a contagem da versão, o Open parou na 3.2 o Libre começou na 3.3

    Ele realmente está mais compatível com o Office da Microsoft. Ainda não tive tempo de explorá-lo um pouco mais.

  • bawlaw

    o BROffice vai passar a utilizar o LibreOffice como padrao, ou seja.. nao será preciso troca-lo pelo LibreOffice

    • Rodrigo Soncin

      Aliás, quando você baixa o LibreOffice em Português no site oficial ele vem como BROffice.

      • Caio Gomes

        Eu iria dizer esta correção :]. No próprio site do BrOffice eles dizem: “Se você baixar a versão em pt-br do LibreOffice, você já estará usando o BrOffice.” Eles estão apenas esperando o lançamento da versão final creio eu.

  • Atualizei aqui meu ubuntu 10.10, mas nele oficialmente, não aparece nada do libre-office para instalar :/

    • Para os buntus 10.04 e 10.10

      sudo add-apt-repository ppa:libreoffice/ppa
      sudo apt-get update &&

      Para instalar:

      sudo apt-get remove openoffice.org*.*
      sudo apt-get update && sudo apt-get install libreoffice

      Para deixar o pacote mais integrado ao gnome e ao idioma PT.

      sudo apt-get install libreoffice-gnome libreoffice-l10n-pt

      • sudo apt-get update # sem os “&&” – thanks…

        • Ramon Melo

          Tô usando o 10.10 e veio uma atualização para mim. Claro que eu configurei para receber avisos de todo tipo de atualização, não sei se isso influiu.

          Eu acho o LibreOffice melhor por uma questão de performance mesmo. O OpenOffice é lento para abrir, a ponto de ser mais rápido abrir o Google Docs e digitar algo lá mesmo. O LibreOffice me poupa alguns minutos diários e várias rugas daqui a uns 20 anos.

    • O LibreOffice só virá por padrão no Ubuntu 11.04.

  • Dar adeus ao BrOffice? http://localhostr.com/file/2ISNzch/broffice.PNG
    O branding do BrOffice foi integrado ao LibreOffice 🙂

    Na prática não vai fazer muita diferença pros usuários do Ubuntu nesse momento. Porque o Ubuntu não usava o OpenOffice “puro” da Oracle, tinha patches do projeto Go-oo (melhor suporte ao OpenXML, melhores transições…). E o LibreOffice começou com o código do OpenOffice + patches do Go-oo.

    Estou usando o LibreOffice desde… bem… o beta 1 (no Windows e Linux). Me parece um pouco mais leve, mas no geral os recursos são os mesmos. Pelo que tenho visto por aí, estão preparando uma nova engine para o Calc (talvez os heavy-users de planilhas sintam alguma diferença) e para as próximas versões até uma UI mais “moderna” (seja lá o que for isso). O LibreOffice parece mais promissor que o OpenOffice.

    • UI – significa interface do usuário.

      • Sim, a questão é: moderna em que sentido? 😉

  • Só eu que ainda não instalei? HAHA, mentira, eu vou instalar, só estou com falta de tempo e sem conexão decente, só quero ver como é, vocês que já usaram, o que sentiram de melhor do que no Open? Eu nem uso Offices off-line, uso em cloud.

  • Já não era hora. Mas ainda tem gente usando o Open Office, eu por exemplo. Reinstalei e já veio com o Open Office, só depois que vou mudar.

  • Segundo foi-se noticiado na internet há algum tempo atrás (após a decisão do ‘fork’ se não me engano), veio uma notícia de que 80% do que se desenvolvia no OpenOffice era feito por funcionários da Oracle em full-time.

    Tudo bem que agora não temos mais a (malvada da) Oracle ditando os rumos da Suite, mas e se a notícia realmente não for um “boato” e o Libre Office ficar “empacado”, sem mudanças significativas que lhe valham uma Major Version (4.0 no caso)?

  • Estava na hora…o OpenOffice não tava prestando com a oracle, pois ela impedia muitos os desenvolvedores. mais agora eu tenho certeza que isso vai melhorar!!!

  • Um dia adotarão o Lotus Symphony, a suite da IBM que dá de pau no OpenOffice. Pode anotar.

    • JoseRenan

      uma hora testo essa suíte.

      • Recomendo fortemente. Além de uma GUI bem bacana (nada espantosamente maravilhoso, mas é melhor, na minha opinião, que a do OpenOffice), ele tem também um browser embutido, então você pode acessar o TB sem precisar mudar da janela onde tava editando uma planilha. Coisa fina!

  • mara carinha nova p/ estala no meu cp.
    kkk

  • Marcelo

    Ué,
    não sei qual versão vicÊs arrumaram, mas a minha continua com OpenOffice:

    http://img703.imageshack.us/i/ubuntu1010openoffice.jpg/