O diretor de cinema responsável por clássicos como Apocalipse Now e O Poderoso Chefão, Francis Ford Coppola afirmou em recente entrevista ao site The 99 Percent que talvez os navegantes que baixam filmes e músicas livremente pela web talvez estejam certos. Para o diretor, um artista não deve esperar ficar rico apenas com sua arte.

“Precisamos ser claros com relação a este assunto. Há apenas poucos séculos, se tanto, que os artistas ganham dinheiro com sua arte. Artistas nunca tiveram dinheiro. Muitos tiveram patrões, como governantes, nobres a Igreja ou o papa. Ou tinham outro emprego. Eu tenho outro emprego, faço filmes, ninguém me diz o que devo fazer e ganho meu dinheiro produzindo vinho. É só ter outro emprego e acordar às 5 da manha para escrever seu script”.

Em seguida, Coppola dispara contra os artistas que começaram o movimento contra os downloads considerados ilegais no começo dessa década: “A ideia do Metallica e de outros roqueiros de ficarem ricos com sua música não deverá obrigatoriamente continuar acontecendo. Talvez porque estejamos entrando em uma nova era em que a arte será gratuita”.

Francis Ford Coppola

Coppola comentou a vida dos artistas

E completa: “Quem disse que a arte deve custar dinheiro? Aliás, quem disse que os artistas devem ganhar dinheiro?”.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Murdock
Falar isso depois de estar rico é fácil. Quero ver o cara começando e já tendo tudo pirateado, dependendo das vendas pra ganhar grana.
@renandearaujo
Sinceramente, eu nunca consegui ler um livro no PC, eu compro ou leio na blibioteca. E CDs e DVDs primeiro eu baixo e se eu gostar eu compro, como faço até hoje, pois gosto da qualidade final e de ter a mídia física mesmo. Sai caro? Algumas vezes, pois uma parte vai para o artista que produziu o material, a gravadora e a fábrica que puseram em algo físico para mim e a maior parte é tributo mesmo, a gravadora e o artista não tem culpa da tributação. Mas o que me irrita mais é as pessoas que reclamam do preço alto de ingressos de shows de certos artistas, porra cara, se tu gosta do trabalho do cara tu quer que ele faça algo que tu goste e passe fome? Tu ja tem a porra da obra do cara toda no PC! Ele ganha no show! P.S: Pode parecer hipocrisia mas sou contra a pirataria nos videogames e não encontrei até agora não concordei com nenhuma justificativa que pirateiros deram pra mim, o cara só ganha dinheiro e reconhecimento( se o jogo for bom, claro) pelo jogo que ele vende, ou por acaso você ja viu um concerto do Guitar hero? Ou uma palestra do Mário de como salvar princesas? Jogo se comprando 1 por mês não quebra ninguem, agora se o cara quer ter 10 novos jogos por mês, não vai aproveitar nenhum e logo encosta -.- P.S. 2: E falei de games pois tem a ver com o assunto pirataria e pessoalmente considero videogames outra nova forma de arte, mas claro, bem mais comercializada, afinal, já ultrapassou até o cinema.
Hernani
Por isso sou fã do Copolla, aquele velho mimimi que downloads geram prejuízos não é verdade, pode até não dar o lucro maior para quem produziu determinado filme, mas ainda sim não chega perto das acusações feitas todos esses anos
@maykonperin
Acho interessante o ponto de vista, no mundo de hoje compartilhar informação e cultura é essencial e possível, a evolução das tecnologias nos trouxe a possibilidade de conhecer muito mais do que eramos limitados até certo tempo. E os filmes devem sim correr atras de patrocinios, e saber negociar valores, e fazer turne de pré-estreia pelo mundo, como já ocorre em alguns casos, até pq a marca pztrocinadora sera muito mais divulgada se o compartilhamento ocorrer. Em relação as musicas acho que o artista deve focar em seus shows para conquistar mais ainda seu publico, exemplos brasileiros mostram isso, como as cantoras conhecidas da bahia e cantores sertanejas, cobram enormes valores por seus shows e muitas vezes tambem fazem propaganda de alguma marca ou produto. Talvez o que impessa que os artistas pensem assim é que se torna inegavel que como em todo setor existão pessoas gananciosas que não se importam com a "informação", mas sim apenas com os lucros fáceis que trará para si. Por isso que se deve planejar melhor os contratos de patrocinio. A informação quanto mais compartilhada entre as pessoas, melhor para a marca patrocinadora. Mas claro tudo tem seu lado negativo, a pirataria (Na visão de ganhar muito em cima dos outros) Não vejo a pirataria como um meio de compartilhamento, se você deseja ver algum filme, ouvir alguma musica corra atrás com seu esforço e estude para saber, agora financiar grupos de pessoas que estão ligados ao crime não é o caminho. Essa é minha opinião =D
Rafael
Joss Stone: "Piracy Is Great" http://www.youtube.com/watch?v=aCkX0KcNwrI
iuriamaral
Coppola Wins! Metallica Fail!
Rafael The Mist
Um tanto quanto polêmica a declaração. Discordo dela em grande parte, inclusive. Acredito que os maiores problemas são a ganância e a falta de criatividade das gravadoras/produtoras em driblar os downloads ilegais. Todas as proprostas de barateamente de acesso foram boicotadas pelos próprios interessados. Vamos ver como eles vão se virar daqui para a frente.
Nicole
é mto fácil sair por aí dizendo que artista tem que fazer a arte por prazer. O fato é que a arte é um trabalho para quem a faz. Aliás, trata-se de um trabalho extremamente árduo - quando feito com qualidade. Acredito que ninguém aqui trabalharia de graça, e, da mesma forma o trabalho do artista deve ser remunerado. Acontece que a pirataria é uma realidade - que não vai mudar. O artista deve saber usá-la a seu favor. Os músicos de hoje em dia ganham muito dinheiro fazendo turnês e shows. Suas músicas são divulgadas pela internet, e eles ganham dinheiro fazendo turnês.
anderson
Eu acho que nao.Concordo com o Coppola, pensa bem olha os preços que os caras cobram por cd's, dvd's, livros, jogos e fora os SO q é uma faca no bolso da gnt. Se a gnt vai compra um cd e um dvd de um artista favorito vai boa parte do salario. os impostos nos produtos sao mto altos. entao sim eu so a favor da pirataria da net dos downloads ilegais. se nao fossem eles, eu nao teria 75% do q tenho og
Omar Scher
só eu que não gosta qd alguem negativa e não comenta pra conituar a discussão e esclarecer as coisas?
Guilherme Diakov
Concordo PLENAMENTE! Pra mim isso abre um leque de ciratividade... A industria fonográfica, de filmes, artistas, são devem ser tratados como coitadinhos... Se querem ganhar dinheiro, mete patrocinador nos filmes, ja tem isso mesmo... Musicas? Quem ja ouviu falar em Jabá? As gravadoras PAGAVAM pra poder colocar as musicas em rádio... agora poe na net.. todos ouvem.. Eles não são coitadinhos, não são pobres, pq devo pagar duas vezes pra eles (comprando a arte e ainda consumindo os produtos q ELES anunciam) Se virem, negos!!
Guilherme Diakov
Só o cara q produziu o melhor filme do século XX
Lívia
É isso aí Coppolão! Arte é inspiração, não é emprego!
Jairo
Fato é que o "modelo" de distribuição de mídia seja audio ou video vai ter que mudar em breve, é um caminho sem volta a pirataria, eu diria até incontrolável, se vc mijar na piscina já era ! quero ver alguem retirar o xixi de lá... o mesmo vale para o conteúdo digital, uma vez que "caiu" na NET é impossível ter controle sobre o seu destino, a Indústria pode até tirar esse ou aquele site de torrent do ar para querer dar o "exemplo" mas não adianta vc tira um do ar entram mil no lugar dele, lembram-se do Napster ? Pesquisem no Wikipedia mudaram o Napster e o que mudou ? tudo continua como antes... outras ferramentas entraram em seu lugar...
Asdrubal
"Mantenha seus amigos por perto e os seus inimigos mais perto ainda" - Grande incorporação de Coppola com o lema do Poderoso Chefão!
Exibir mais comentários