O Google já disse com todas as letras: o Bing está copiando seus resultados de busca. Eles chegaram a essa conclusão depois de promoverem testes com resultados falsos, claramente manipulados pelo gigante de Mountain View, que depois foram reproduzidos também no Bing. A Microsoft já disse que não está copiando nada, mas voltou a falar sobre o assunto recentemente.

Foi o vice-presidente sênior da divisão de online da empresa, Yusuf Mehdi, quem se encarregou de negar tudo mais uma vez. “Nós não copiamos os resultados de qualquer competidor. Ponto final. Acabou.” O executivo usou um blog dentro do Bing para fazer tal afirmação.

Quanto aos experimentos realizados pelo Google para determinar que a barra de buscas do Bing e o Internet Explorer 8 são os prováveis responsáveis por esse “plágio”, o senhor Mehdi fez questão de chamar isso de “fraude do clique”. Segundo ele, a tática é similar a de spammers que forçam a criação de páginas com resultados de busca fraudulentos.

CTRL+C, CTRL+V (imagem: divulgação/Google)

Mais de mil indícios são usados pelo Bing para determinar se um site merece ou não entrar em seu índice. De acordo com o VP sênior, a rastreamento de cliques de usuários – feito anonimamente e de forma opcional – é apenas um deles.

“Nós temos alguns dos melhores cérebros do mundo trabalhando na relevância e qualidade da busca, e qualquer concorrente acusar uma dessas pessoas de tal atividade [o suposto plágio] é um insulto”.

Com informações: Cnet News.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Diogo Superior

Microsoft não copiando coisas de competidores?!? Realidade paralela?

Vinicius Kinas
Eu entendi, você parece não ter entendido o que quis dizer. Seria uma cópia lavada se o Google tivesse criado o termo fake, e não usado o Internet Explorer para pesquisar o termo, como eles afirmaram na matéria. Aí a MS teria mesmo que ter pego o resultado do Google, pra justificar a aparição no Bing, mesma coisa se eles usassem o Chrome ou o Firefox para executar a pesquisa, e esse termo aparecesse. Se o IE foi usado, informações sobre pesquisas e resultados acessados a partir da pesquisa são enviados para a MS para 'melhoria da experiência do usuário', por isso, a aparição do termo fake.
gargwlas
vinicius vc nao entendeu a situação o google criou uma busca falsa em seus banco de dados, uma coisa fabricada, portanto o resultado só deveria aparecer lá e em nenhum outro buscador, entedeu?
gargwlas
mais usado sim tem mais programas sim mas melhor?? O_o (noob detected)
João
Concordo com você, quando diz que qualidade > quantidade. Quem busca por um termo e procura pelo resultado desejado em mais de 10 páginas? Ninguém. Se uma busca tem 100 ou 1 bilhão de resultados, dá absolutamente na mesma... Discordo em dizer que os sites pagam para estar no topo. Os sites que o fazem ficam rotulados nas buscas, como anúncio. Os demais são escolhidos por algoritmos.
João
Fanboy é uma coisa triste, mesmo. Cara, eu uso o Google em 99,99% das minhas buscas. Mas achar que por isso os demais deviam sumir do mapa é uma ideia, no mínimo, patética. Concorrência é sempre bom. Se o Google hoje é bom, é porque teve que ralar muito para ser melhor que a concorrência. Sem concorrência só há produto de baixa qualidade e custo abusivo. Imagine que só existisse o Google de buscador e nos fosse cobrado por pesquisa. Teríamos que simplesmente pagar. Exemplo, idiota, eu sei. Mas você entendeu a ideia. Eu quero mais é que o Google perca um pouco de mercado para melhorar mais... talvez acabar com tantos links patrocinados que poluem as pesquisas.
Henrique
NÃO É PLÁGIO GENTE TOSCA.Os sites de busca analisam o que os usuários mais clicam...não os alienígenas...os resultados devem ser os mesmos ou parecidos.
Henrique
Vocês são ignorantes...só pq o Google tem mais resultados na busca não significa mais qualidade...é um monte de site lixo que paga pra ficar em cima das bucas, ou os sites mais clicados pela nossa sociedade tosca.
@peboji
Pô Thássius, quer dizer que o Google não copia o Bing? Você já leu esse artigo? http://www.roughlydrafted.com/2011/02/01/why-is-google-so-hysterically-hypocritical-about-bing-using-its-public-data/ Abs!
Gabriel Silva
Aham Cláudia, senta lá.
Fabricio
A Google é esperta, deve descobrir uma forma de impossibilitar que servidores Bing pesquisem nos seus resultados. E se isso ocorrer, descobriremos se o fato é ou não verídico. Eu acredito muito mais no Google.
Ramon Melo
Eu acredito na Microsoft! Também acredito em Papai Noel, em Coelhinho da Páscoa e que o Steve Jobs capou o Flash do iOS por motivos de segurança!
Rafael The Mist
Não convenceu. Processo neles. hehehehe.
Breno Brito
“Nós não copiamos os resultados de qualquer competidor. Ponto final. Acabou.” Quando isto virar verdade só terá o produto Office na prateleira da MS. :D
Alexandre
Claro Ms, a gente (finge) que vc nao copiou nada do google, ta?
Exibir mais comentários