Início » Aplicativos e Software » Canonical anuncia o fim do Ubuntu Netbook Edition

Canonical anuncia o fim do Ubuntu Netbook Edition

Empresa vai se focar no desenvolvimento da interface Unity.

Por
8 anos e meio atrás

Com a notícia de que o Ubuntu 11.04 usaria o Unity como gerenciador de janelas padrão, uma dúvida permeava o coração de todos os usuários da distribuição: o que seria do Ubuntu Netbook Edition, cujo principal diferencial era justamente o Unity? Bem, a Canonical respondeu a dúvida de todos: não haverá mais uma versão específica do Ubuntu para netbooks!

Um gerenciador de janelas para todos governar

A explicação, dada por Gerry Carr, gerente de marketing da Canonical no blog oficial da empresa, é bem simples: com o Unity como padrão para o Ubuntu, não havia mais necessidade de uma versão específica para netbooks, e com isso o Ubuntu deixa de existir em versões diferentes (Desktop e Netbook) e passa a existir novamente como Ubuntu, pura e simplesmente. Como era antes, diga-se de passagem.

Carr também ressalta que essa decisão não deve ser vista como uma desistência do mercado de netbooks e outros equipamentos de baixa performance, mas sim que com o tempo é natural que todos os dispositivos passem por uma convergência (já que aos poucos estamos vendo netbooks com cada vez mais potência sendo lançados). Estranhamente, Carr não comenta sobre uma versão mais pesada do Ubuntu rodando em netbooks mais antigos, mas é bem provável que não teremos uma solução para equipamentos com um bom tempo de vida vindo da Canonical.

Obviamente, nada impede que interessados se reúnam e lancem uma versão remixada do Ubuntu 11.04 (e posteriores) para netbooks. De qualquer forma, é esperar pra ver. Se as promessas de otimização de performance forem cumpridas na release 11.04, é bem provável que até mesmo máquinas mais antigas rodem o Ubuntu sem maiores problemas de performance.