Início » Brasil » Office Web Apps aprende a falar português do Brasil

Office Web Apps aprende a falar português do Brasil

Usuários do Hotmail podem criar arquivos do Word, Excel e PowerPoint gratuitamente.

Por
8 anos atrás

Com mais de 6 meses de atraso, o Office Web Apps finalmente ganha uma versão em português. A Microsoft Brasil divulgou nessa quarta-feira que a interface dos aplicativos online do Word, Excel, PowerPoint e OneNote foi traduzida para o português do Brasil. A partir de agora, quem não fala inglês também terá acesso a esse serviço que tenta fazer concorrência com o Google Docs, do todo poderoso Google.

As funcionalidades mais básicas do Office convencional — aquele que é instalado no computador, com direito a mídia física e chave de registro — estão lá. A título de exemplo, o Word Web App conta com a mesma interface baseada em ribbon que é tão odiada (menos por mim, que gosto dela) no Office. O aplicativo virtual tem formatação do texto de acordo com padrões predefinidos, além de dar ao usuário a oportunidade de escolher por si mesmo qual será a tipografia, o tamanho da fonte e demais características do texto.

Word Web: editor de texto no navegador | Clique para ampliar

Diferentemente do que eu imaginava, o Office Web Apps não está mais tão dependente do Silverlight. O ex-oponente do Flash que a Microsoft desenvolve desde 2007 é recomendável, mas eu consegui usar o Word Web App normalmente sem ter esse plugin instalado na máquina. No entanto, devo observar que o teste foi realizado majoritariamente no Internet Explorer 9. Seu desempenho também foi positivo no Google Chrome, que foi usado para teste logo em seguida.

Assim como no aplicativo convencional, o Office Web tem corretor gramatical e ortográfico totalmente em português, já adaptado para o Acordo Ortográfico que vigora no Brasil e demais países lusófonos desde janeiro de 2009. É o mínimo que a Microsoft poderia garantir nesse lançamento, uma vez que ele está bem atrasado frente à data de lançamento do Office Web nos Estados Unidos e em outros mercados.

No comunicado enviado à imprensa, a empresa liderada por Bill Gates ainda alfineta o Google Docs. “Ao contrário de outros serviços online, o Office Web Apps permite a visualização, criação e compartilhamento de documentos com grande fidelidade, desta forma, o conteúdo é visto e trabalhado da melhor maneira possível”, afirma mensagem assinada por Carolina Aranha, gerente geral de Online da Microsoft Brasil. A executiva ainda cita notas de rodapé e tabelas, que são exatamente as mesmas na exibição do documento no Office convencional e no Office Web.

Word Web: exibição por página somente no modo de leitura | Clique para ampliar

O timing não é muito bom para o lançamento do Office Web, uma vez que faz menos de 24 horas que o Google liberou o recurso de exibição por página no editor de texto do Docs. Mas não pense que a Microsoft deixou de pensar nesse assunto. A resposta da empresá é que o Office Web tem uma excelente visualização de documentos, já com a paginação e tudo mais. No entanto, isso só funciona quando o documento, seja ele um trabalho acadêmico ou relatório profissional, não está sendo editado.

Respondendo ao TB, Carolina Aranha explicou a demora nessa tradução. “Nós buscamos lançar um produto com a garantia da melhor experiência para os mais de 53 milhões de usuários brasileiros, o que muitas vezes envolve ajustes e testes, impactando as datas de disponibilização em larga escala do produto”, afirma a executiva que garante que o Brasil está entre as prioridades da MS Brasil quando o assunto é localização.

Ficou interessado e quer testar o Office Web? O uso do Word, Excel, PowerPoint e OneNote é completamente gratuito, mas só para quem tem uma conta de e-mail da Microsoft. Se você deletou o seu Hotmail, ainda dá tempo de ressuscitá-lo! E vale lembrar que não é preciso ter o Office instalado na máquina para usar o serviço.

Atualização às 15h43 | Adição de mais informações.