A segurança de dados é algo sério hoje em dia. Por isso empresas e indivíduos mais preocupados com isso se esforçam para conseguir as últimas soluções em termos de criptografia e impedir que informações caiam em mãos erradas. Uma grande parte das soluções está na camada de software, mas já existem fabricantes de HD que implementaram criptografia automática neles, deixando-os mais seguros. Uma delas é a Toshiba, que anunciou essa semana um novo modelo desse tipo de HD.

O diferencial do novo HD é que nele vem incluído a tecnologia de self-erasing da Toshiba. Esse tipo de disco consegue detectar quando foi conectado a um computador diferente do seu original e, com isso, se auto-destruir. O que ele faz é algo menos do que explosivo: o HD só apaga as chaves de criptografia que dão acesso aos dados nele.

Sem tais chaves, os dados precisam ser decriptografados da maneira antiga: via força bruta. E como eles usam chaves de criptografia AES de 256 bits, qualquer dado colocado nele vai permanecer seguro por um longo tempo. E essa é só uma das características de proteção do disco. Ele também vem com a opção de apagar o setor de boot a cada inicialização e até se auto-destruir da mesma forma como se estivesse conectado a outro computador caso a senha seja digitada incorretamente depois de um número de vezes.

O preço e data de lançamento não foi divulgado, mas se a sua eficiência em criptografia for tão boa quanto a complexidade do seu nome, esse HD promete ser um dos mais seguros até agora: ele é da linha MKxx61GSYG. Ele foi feito especificamente para notebooks (2,5 polegadas) e vai ser vendido em capacidades variando entre 160 a 640 GB.

Com informações: Wired/Gadget Lab.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Victor Romano
Puts Toshiba, bem comercial o nome dessa linha hein!!
Caio Furtado
Já estou até vendo...
@renato_cron
hahaa jurava que tinha um liquido dentro dele, que quando fosse conectado em outro pc, soltava o liquido zuado tudo! Prefiro o liquido!
Athos Castro Moreno
Os pedofilos vão amar isso aí.
@andradevini
quem ia gostar era aquele assassino da escola. Desculpa pela piada infame :|
@nelson_integra
A Toshiba também está fazendo experimentos com nano-termita. Aguardem novas novidades explosivas. rs
@nelson_integra
Nunca os vírus tiveram oportunidade de ser tão destrutivos.
@nelson_integra
Põe um botão vermelhor enorme escrito: "Não Aperte"! rs
Sergio
E se o computador aonde estava instalado o HD der pau geral? Tipo fritar a placa mãe?? ão dá para colocar o HD em outro para acessar as infromações. No texto não diz, mas seria interessante poder fazer um backup das chaves de criptografia.
Lucas
E se a justiça precisar fazer uma auditora num hd com conteúdo ilegal? Ponto pros bandido!
Alexandre
bom para seguranca dos dados da empresa e para seu amigo paranoico que acha que o google esta roubando seus dados.
@rafajc
O meu já veio com esta função. Estava usando meu notebook, de repente ouvi uns estalos e o note travou. Nunca mais consegui acessar dado nenhum daquele HD. Foi meu primeiro e último Toshiba.
Cash
Mas a questão é que esse HD tem seu módulo de criptografia no próprio hardware, então não precisa de auxílio do computador onde está instalado em momento algum, o que faz com que seja muito mais rápido, possivelmente com a mesma (ou quase a mesma) velocidade de um HD normal. ;)
Fábio
Interessante, o problema é se o dono esquecer a maldita senha, aí acabou a sua vida!! uhuahuhauha
@guestofuture
Grande pena não ser um SSD, pois HD's criptografados ficam mUUUUUIIto lentos. E com SSD tem um grande ganho na velocidade. Mas perde a Função TRIM do Windows 7.
Exibir mais comentários