Início » Legislação » Catho é condenada a pagar R$ 13 milhões por roubo de currículos

Catho é condenada a pagar R$ 13 milhões por roubo de currículos

Por
10 anos atrás

cathologoA Catho Online, site de cadastro de currículos e vagas de empregos, foi condenada a pagar mais de R$ 13 milhões em indenização para a concorrente Gelre. A decisão é do juiz Mário Galbetti, da 33ª Vara Cível de São Paulo, e se refere ao roubo de currículo por parte dos funcionários da Catho no site da Gelre ocorrido entre 2001 e 2002.

Na decisão, o juiz afirma que a perícia encontrou emails internos trocados entre gerentes e funcionários da Catho em que eles se denominavam “crackers” e “hackers” e planejavam roubar os currículos das bases de dados através de arquivos com nome de “rouba.phtml” e “rouba2.php”, que exploravam vulnerabilidades de segurança no site da concorrente. O roubo de currículos foi constatado quando, ao comparar as bases de dados dos dois sites (o da Catho com mais de 3 milhões e o da Gelre com quase 500 mil), foram encontrados mais de 272 mil cadastros coincidentes.

O valor da indenização estabelecido pelo juiz levou em conta o valor cobrado pela Catho, de R$ 50,00, por currículo inserido na sua base de dados. Além do processo aberto pela Gelre, ainda há outro movido pela concorrente Curriculum.com.br que alega ter sofrido o mesmo tipo de roubo. A Catho disse que planeja recorrer da sentença. [Conjur]

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.