Início » Internet » Google indexa imagens do arqui-inimigo Bing

Google indexa imagens do arqui-inimigo Bing

Avatar Por

Em fevereiro, o Google não economizou palavras duras para denunciar que o Bing estava copiando os seus resultados de busca para palavras que não existiam no índice de buscas do serviço de pesquisas da Microsoft. Agora é a vez da Microsoft fazer acusação similar, se depender do testemunho de um usuário do fórum do Google para webmasters.

De acordo com o The Next Web, o Google está sistematicamente indexando as imagens que o Bing usa em seu cache dos resultados de busca por imagens. Ou seja, os robôs do Bing vasculham a rede em busca de fotos, que são copiadas para o servidor deles e são exibidas quando o usuário faz uma busca. Já o Google está indexando essas imagens (já copiadas) e exibindo nos próprios resultados de busca por imagens.

Um simples comando de busca no Google Imagens revela quase 8 milhões de imagens hospedadas em mm.bing.net, o endereço do buscador da Microsoft para manter as miniaturas de imagens. Veja só:

Google indexa imagens salvas no servidor do Bing

Há duas implicações nessa situação. A primeira diz respeito ao Google indexar resultados de um concorrente direto. Da mesma maneira que eles não querem que o Bing faça buscas dentro do sistema deles, o contrário deveria valer para o próprio Google.

A segunda implicação diz respeito ao próprio modus operandi dos buscadores de imagens. Atualmente eles criam cópias próprias das fotos, que ficam no ar mesmo quando o dono da foto tira ela do ar. Por exemplo, se eu publico uma galeria de imagens no TB e depois decido removê-la, é provável que essas imagens continuem armazenadas no cache dos buscadores. Como fica os meus direitos sobre as fotos? Algo ainda inexplicado.

Atualização em 30.05.2011 às 14h44 | Um exame mais apurado da situação, feito pelo Renê Fraga do Google Discovery, mostra que as imagens estão sendo indexadas pelo Google porque foram incluídas nas páginas a partir dos arquivos armazenados no Bing. É como se o usuário buscasse por uma imagem e, ao encontrá-la no Bing, simplesmente copiasse seu endereço, sem se dar ao trabalho de fazer o upload do arquivo para o seu próprio servidor.

Na linguagem de internet, é o que nós chamamos de hotlink. Ainda assim, não dá para entender por que o Google indexa o diretório de cache de imagens do Bing.

Mais sobre: , , , ,