Que o Netflix está chegando no Brasil, já sabíamos há bastante tempo. Foi somente hoje que a empresa confirmou oficialmente a disponibilidade do serviço. Além do Brasil, a Netflix também vai oferecer seus serviços em todos os outros 19 países da América Latina e os 13 do da região do Caribe. O anúncio oficial foi feito no blog da empresa por Jessie Becker, seu vice-presidente de Marketing.

Mas para quem esperava uma data certa, continue sentado. Em nenhum momento do post o vice-presidente da Netflix afirma quando o serviço chega. Ele diz apenas que os clientes poderão desfrutar do streaming ilimitado de vídeos em diversos dispositivos, incluindo PCs, Macs, TVs ou dispositivos móveis.

A página principal do site também mudou e passou a ser exibida em português e, por algum motivo, o CSS não carrega direito (ao menos no momento de publicação desse post). Potenciais clientes agora podem deixar seu endereço de e-mail e nome para serem avisados da disponibilidade do serviço.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Luciano Carvalho
"A página principal do site também mudou e passou a ser exibida em português e, por algum motivo, o CSS não carrega direito". Para se adequar ao Brasil, ora! Aqui nada funciona direito...
Ramon Melo
Mais um motivo para ela dificultar a vida do Netflix. Basta lembrar que o Netflix, além de anos de experiência e serviço bem prestado, não depende de assinatura de TV por assinatura e roda a partir de vários dispositivos, incluindo PC, Mac, iPad, XBOX 360 e PS3, enquanto a Net cobra pela conexão, pela assinatura e mais um adicional pelo serviço, estando limitada apenas à TV da sala.
@brunogdb
Onde eu coloco o cartão da mamãe mesmo? :P
Léo - Vitória (ES)
É legal ser o ultimo a receber novidades né? heheheheh Tá na hora do Brasil ser pelo menos o segundo em novidades, depois do EUA é claro.
j2k
na verdade a Net JÁ TEM um serviço parecido pra concorrer com este. Procure saber sobre o serviço "Now"
Pedro Cardoso
Será que a data de lançamento será algo perto do Natal?
Luciano Gasparetto
A Netflix expande-se para a América Latina pois é um mercado crescente, e se conseguirem se estabelecer, terão monopólio por um bom tempo, mesmo com concorrência (a menos que a concorrência seja muito boa). A Europa não deve ser um mercado muito atrativo para eles, já que lá uma boa parcela da população deve ter TV a cabo. As operadoras, que prometem maravilhosos planos ilimitados, começarão, sem dúvida, a capar a conexão nesses sites. Infelizmente o Governo não fiscaliza nem pune as operadoras e essas malditas continuam levando o dinheiro do consumidor oferecendo um serviço muito meia boca, instável, etc. Não existe melhor, existe menos pior. E a menos pior que conheço só faz venda casada, de internet e telefone.
Caio Furtado
Valer, vale. Eu quero ver mesmo é o PREÇO.
Ramon Melo
E o povo de Deus grita: UOOOBAAAA! PS: A Net fará shaping com certeza, você acha que ela aceitará essa concorrência desleal assim, numa boa?
@higgorleimig
Alguém duvida que isso vai acontecer? Anh, Anh, Anh.... Ninguém... sabia.....
@higgorleimig
E até hoje sofro quando a maldita Velox não me deixa fazer um download decente no uTorrent. p.s.: os cabos da gvt não chegam na minha rua. p.s.2: tem gvt nas ruas da frente e de traz. FAIL GVT >.<
Jairo
Um novo modelo de distribuição de mídia sendo adotado pelo mercado, vamos ver a aceitação.
ricardo
E o futuro vai mostrando sua cara. A tv finalmente vai morrer, junto com seus programas idiotas.
j2k
caramba aí sim fomos surpreendidos novamente! belissima noticia! :D
Tio Z
Se seguir o modelo deles original, a conexão vai frustrar mais você que eles. A qualidade do video é reajustada automaticamente de acordo com a banda disponivel (se ele percebe uma demora ou perca grande de pacotes, ele diminui automaticamente a qualidade do video para uma inferior). Logico, sempre tem a possibilidade de servidores das nossas queridas provedoras fazerem algum tipo de gargalo para o serviço se ele ficar muito frequente (como aconteceu e ainda acontece em algumas redes P2P).
Exibir mais comentários