Início » Celular » Na Alemanha tem venda antecipada do iPhone 5

Na Alemanha tem venda antecipada do iPhone 5

Avatar Por

A pressa é tamanha. Na Bundesrepublik Deutschland, nossa querida Alemanha, uma operadora de celular liberou a venda antecipada do iPhone 5 para seus clientes. Qualquer assinante da Deutsche Telekom pode entrar em contato telefônico com a companhia para entrar na fila de espera que, em breve, permitirá comprar o futuro smartphone da Apple.

Deustche Telekom: à frente da Apple

Você não entendeu errado. A DT está oferecendo um aparelho que sequer foi anunciado pela empresa que o fabrica. Embora todos saibamos que a próxima iteração do iPhone está em franco desenvolvimento, não há informações concretas de quando a Apple vai anunciar o produto, muito menos de quando ele será liberado para venda no mundo.

Pelo menos uma coisa é certa: quando o iPhone 5 realmente sair, a Alemanha será um dos primeiros países a recebê-lo. Considerado como mercado estratégico pela Apple (junto de França e Reino Unido), é bem provável que a Deutsche Telekom seja uma das primeiras operadoras a receber unidades do próximo iPhone quando a distribuição para o velho continente se iniciar.

O consumidor interessado no iPhone precisa ir a uma das lojas da operadora ou entrar em contato pelo telefone. Basicamente, a DT abre um chamado com direito a um número de protocolo que assegura àquele cliente o direito de comprar um iPhone na frente dos demais. E assim vai se formando a lista de espera — sem que ninguém desembolse nada pelo aparelho por enquanto.

No meu entender é uma baita ousadia que uma empresa faça fila de espera para um produto que, do ponto de vista oficial, não existe. E se a Apple não produzir nenhum iPhone 5 em 2011? Embora seja uma hipótese absolutamente remota, é algo que deve ser considerado.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Caio Furtado
Gente, mas já?
Guilherme
Vd amg, estou procurando o iPhone5 e nao encontro em nenhum lugar
Tio Z
Estão aprendendo com a EA. Faça a pré-venda de um produto que nem pronto está e curta o dinheiro rolando solto por algo que pode acabar saindo uma caca.
Marcelo Carvalho
IIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII­IIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII­IIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII­IIIIIIIIT'S TTIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII­IIIIIIIIIIIIIIIIIIIIMMMMMMMMMM­MMMEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE? (Bruce Buffer)
Gabriel
E se a Apple resolver trollar e deixar essa operadora por último no recebimento dos aparelhos? /trollface :D Olha, se ela pensa em utilizar isso como parâmetro para saber quantos aparelhos deverão ser pedidos para estoque, é bom rever e perceber que vai ter gente vendendo protocolo no eBay por alguns euros e outros tantos que sequer terão dinheiro para desembolsar pela pechincha.
Claudio H.
Brincadeiras a parte, eu acho que a palavra "ousadia" faz parte do vocabulário da maioria das empresas, mas ao chegar nesse nível de ousadia, pressuponho que eles tenham fontes seguras de que será lançado um iPhone 5, e não um 4G, 4.5(??), etc. Pois um "furo" desses seria feio para a empresa alemã.
@AlvaroArmada
Isso e nem e ousadia. E sim mercado certo. Pq sempre falta nas lojas. Ate no brasil ta difícil de achar pra comprar.
Claudio H.
A Deustche Telekom deveria tomar cuidado, depois que tomar um processo da Apple por violação da patente de "Venda antecipada de iPhone 5" vai querer reclamar. :)
Lucas Meneses
isso que é ousadia...
@_thiago
Bom, como é apenas um "cadastro de intenção de compra", os clientes não estão pagando nada por isso, acho que não há maiores problemas. Talvez seja uma forma da Operadora poder mensurar melhor quantos aparelhos precisará adquirir da Apple, para que não entre em falta muito rápido para seus clientes. E, se não for lançado esse ano, paciência. As pessoas continuarão na lista (acredito eu), e quando finalmente sair, terão o "privilégio" de serem as primeiras.
Bel Salles
Nesse caso, a pressa pode ser amiga da perfeição. Tenho certeza que a lista de espera já está grande. A empresa foi ousada mesmo e é assim que se ganha $$. Se não arriscar, não tem como saber se vai dar certo ou não. Mesmo que não saia esse ano, quando sair... já estarão com "todos" os iPhones vendidos.