Início » Computador » A vida de Steve Jobs

A vida de Steve Jobs

AvatarPor

Nascido em 24 de fevereiro de 1955 em San Francisco, filho dos então estudantes universitários Abdulfattah John Jandali e Joanne Schieble, foi adotado pelo casal Paul e Clara Jobs e cresceu em Montain View, na Califórnia.

Ao concluir seus estudos de segundo grau, foi contratado como funcionário temporário na HP, onde conheceu seu futuro sócio e parceiro Steve Wozniak. Em 1972, matriculou-se na universidade de Reed, que largou depois de um semestre. Foi contratado como técnico na Atari dois anos depois. Ele trabalhou na empresa tempo o suficiente para realizar uma viagem espiritual à Índia, onde se converteu ao budismo.

A maçã vai brilhar menos sem Jobs

Em 1º de abril de 1976, ao lado de Steve Wozniak e de um investidor chamado Ronald Wayne, ele fundou a Apple Computer Inc., destinada a produzir computadores para uso pessoal. Onze dias depois chegou às lojas a primeira criação da empresa, o Apple I, e no ano seguinte o Apple II, primeira máquina de uso pessoal a conquistar sucesso comercial. Em 1982 foi a vez do Apple Lisa e em 1984 uma de suas maiores criações, o Macintosh.

Jobs foi afastado da Apple em 1986 por John Sculley, líder da Pepsi que ele mesmo havia contratado.

Longe da gigante da maçã, ele fundou da NeXT Computer e adquiriu a divisão de animação da Lucasfilm, a Pixar. Em 1997 o executivo voltou a empresa que ajudou a fundar. Sob sua liderança a Apple cancelou contratos de licenciamento de seus computadores e reduziu sua linha de produtos.

Em 1998 a empresa lançou seu primeiro produto sob a nova administração Jobs, a primeira geração do iMac que exibia cores alegres e dava início aos all-in-one. Em 2001 surgiram os dois principais produtos da empresa na década: o OS X e o célebre iPod.

Comentários

Envie uma pergunta