Início » Aplicativos e Software » HP decide transformar WebOS em código-aberto

HP decide transformar WebOS em código-aberto

Por
8 anos atrás

O WebOS, plataforma móvel desenvolvida pela Palm para o lançamento de sua mais notável tentativa de concorrer com o iPhone, o Palm Pre, não está morto. A HP, empresa que adquiriu a Palm no último ano e tornou-se proprietária do sistema, decidiu torná-lo open source. Qualquer um com conhecimentos de programação pode, portanto, apropriar-se do código e fazer o que bem quiser com ele.

Ainda não existe uma data para o lançamento do WebOS como sistema aberto. O que se sabe por enquanto é que a HP tem planos de continuar colaborando para o desenvolvimento e o progresso do sistema. Vai ficar a cabo da comunidade manter a plataforma funcionando e com as atualizações necessárias.

WebOS

Atualmente, a plataforma móvel mais utilizada no mundo é open source. O Android, desenvolvido por um consórcio de empresas liderado pelo Google, tem a manutenção de seu código-base garantida, mas qualquer um pode transformá-lo no que bem quiser. O Google disponibiliza o código abertamente para todos os fabricantes de dispositivos móveis. Em alguns casos, a empresa fecha parcerias para que o sistema seja aproveitado da melhor maneira possível.

Com a decisão, desaparecem os rumores de que o WebOS poderia morrer. A outra opção da HP era vender a plataforma para outro fabricante, porém nunca saberemos se o valor oferecido foi muito baixo ou se nenhuma empresa de fato se interessou pelo sistema.

Sem citar sistemas concorrentes, a HP disse que vai investir na “governança boa, transparente e inclusiva para evitar a fragmentação”. Para bom entendedor: querem evitar que o que se passa no Android, com aparelhos que recebem atualizações recentes e outros não, não se repita no WebOS.

A empresa convida devs e clientes a postarem sugestões num blog. Entretanto, ainda não há nada por lá relacionado ao WebOS agora com código-aberto.

Com informações: All Things Digital e CNET News

Mais sobre: , ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários.