Para os que sempre quiseram saber quais aplicativos o Ubuntu possui para download mesmo sem estar em uma máquina com Ubuntu, a Canonical disponibilizou recentemente uma versão online da Central de Programas, que permite a você navegar pelos programas disponíveis nos repositórios oficiais.

Poderia isso significar uma futura Central de Programas totalmente na nuvem?

Tem até joguinhos!

Inicialmente, a Central de Programas Online parece ser apenas mais um catálogo do Ubuntu, por onde você pode navegar pelas diversas categorias de aplicativos ou buscar por algum programa em específico. Só isso já uma função interessante, pois assim é possível saber de antemão se um programa específico está disponível no Ubuntu, mesmo sem precisar estar rodando o sistema no momento (por exemplo, em uma empresa ou na casa de um amigo).

Agora, se você estiver navegando pelo site enquanto roda o Ubuntu, o site perguntará se você deseja instalar o programa que estiver visualizando (em caso contrário, ele simplesmente mostra o link para download do Ubuntu). Ainda é possível selecionar também outras versões dos programas para distros mais antigas.

Justamente essa facilidade de instalar pacotes pelo site deixa uma pergunta no ar: estaria a Canonical pensando em criar um repositório online de aplicativos, no mesmo molde da Market Store para Android? Fazendo uma integração com o Ubuntu One e outras tecnologias da própria Canonical, não é dificil imaginar um cenário onde você pudesse do próprio site marcar um programa para download em não apenas um, mas vários computadores de uma só vez. Seria o paraíso para administradores de sistemas, e um passo e tanto para o Ubuntu.

Enquanto isso não acontece, você pode visitar a Central de Programas Online clicando aqui.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Marcos Oliveira
E completando... a óbvia vantagem da nuvem atualmente é que a gente transita na web em vários dispositivos (smartphone, tablet, TV, PC). Aí não adianta ter aquele programinha "muito bão" no Ubuntu no seu notebook se ele não roda no PC do trampo ou no tablet. Um aplicativo na nuvem vem justamente unificar tudo isso, sendo acessível em qualquer dispositivo! Ou seja: lojas online de aplicativos facilitam a vida, mas não são (necessariamente) nuvem!
Marcos Oliveira
Concordo com você! Na internet a gente acha programas pra Windows em qualquer lugar, e esse é o grande trunfo da Microsoft. Mesmo assim eu curto o conceito de "loja de aplicativos", já que vc tem uma segurança maior de estar baixando alguma coisa dos servidores da fabricante, e tudo se instala com um clique, bem facin! E tb acho que isso não é nuvem! Acho que a Chrome Web Store talvez entraria nesse conceito, já que vc instala os apps no próprio navegador e depois consegue puxar todos eles logando em outra máquina
Renato Mendes
Nos moldes em que está sendo proposto o Windows possui isso há muito tempo. Desde que inventaram o "www" existem sites com toneladas de aplicativos gratuitos ou não para windows. Exemplos? [email protected](esse é antigo viu?), superdownloads.com.br, baixaki.com.br,etc. O problema é que as pessoas mal informadas desvirtuaram a proposta da "nuvem". A computação em nuvem não é um lugar pra se baixar coisas, é a possibilidade de se utilizar aplicativos sem precisar baixá-los.
@daniellpita
Ah! Lembrando disso aqui pra quem nunca usou e deseja ter uma noção de como é o Ubuntu (pelo menos visualmente): http://www.ubuntu.com/tour/
@daniellpita
É isso que falta em distribuições como Debian e Slack. Iniciativas que facilitem a vida do usuário final! +1 pra Canonical!
Yangm
Isso me fez lembrar da Android Market. Site+App.
Luandersonn
Ótima noticia, a Nuvem entrando na nossa vida!
José Renan Assis
Isso me faz lembrar do Linux Deepin. Vejam mais.
Marcos Oliveira
Uia... Aí sim, heim!!! Pelo jeito, o Windows vai ser O ÚLTIMO sistema operacional a ter uma loja online de aplicativos! hehe
Guilherme Macedo C.
Sim. Central de Programas do Ubuntu continua existindo normalmente.
PR
E como fica a Central de Programas no Ubuntu mesmo? continua existindo? então vai ter uma online e outra no proprio ubuntu? se for assim, vai ser bom! assim agente vai poder baixar e salvar o download para instalar depois que estiver usando o ubuntu.
7megas
massa! valeu! A Central de Programas matou a pau...
Fer
"Market Store"? Pleonasmo até com o english?
Adriano
Muito legal a iniciativa! Como uso Windows e Ubuntu na mesma máquina, não precisarei reiniciar a máquina só para saber se um determinado programa possui versão no Ubuntu.